Bitcoin está ganhando mais aliados no senado dos EUA

O Bitcoin tem alguns aliados dentro do Senado dos EUA que estão genuinamente interessados em evitar um possível desastre regulamentar no futuro. Ainda assim, é sempre preocupante quando o governo se envolve com o criptomercado.

Senadora Cynthia Lummis, uma das defensoras do Bitcoin no senado dos EUA.

Em um recente episódio do Podcast do Coindesk The Breakdown, a equipe do programa discutiu um assunto importante e que com certeza vai ajudar a formar o futuro do mercado de criptomoedas, principalmente do Bitcoin, relatando o papel de senadores pró-criptomoedas, principalmente em meio à um aumento no interesse da administração de Biden em regulamentar o mercado.

O foco do episódio foi justamente a notícia de que a Senadora republicana Cynthia Lummis está trabalhando diretamente com a Senadora democrata Kirsten Gillibrand para criar uma legislação “compreensiva” sobre as criptomoedas.

Com a união entre às duas representantes, o senado dos EUA demonstra haver um crescimento no interesse bipartidário para dar apoio ao Bitcoin e as criptomoedas, tentando encontrar um caminho que não vá destruir o mercado e ao mesmo tempo vai agradar o governo.

Além disso, o podcast destacou que quatro democratas elaboraram o documento ECASH Act, para tentar garantir que versões digitais de moedas aceitas no país tenham a privacidade necessária.

O podcast começou destacando a decisão de Joe Biden de assinar uma Ordem Executiva em relação ao criptomercado.

“Um dos maiores eventos do ano em relação ao Bitcoin e o Governo foi o lançamento da Ordem Executiva de Biden. Até aquele momento havia muita especulação sobre o que ela seria.

algo que abraçaria as criptomoedas ou seria como a China e baniria tudo?”

A Ordem Executiva acabou sendo bem positiva, mas de um jeito diferente do que muitos imaginavam. Biden ordenou que fossem feitos estudos e pesquisas sobre o mercado de criptomoedas, ao invés de ordenar que algo fosse realmente feito, com isso, ele deixou claro que o governo tem interesse no mercado, mas existe uma bagunça em decidir em como ele é regulado.

Além disso, a administração é importante para mover o aparato regulamentar para um caminho que seja benéfico para o criptomercado. Com isso, Nathaniel acredita que o Senado e o Congresso vão “acelerar as atividades”.

Regulamentação é dever de representantes eleitos

Durante o podcast, Nathaniel fala sobre como já podemos ver no senado uma movimentação para que representantes eleitos sejam responsáveis por determinar o caminho que o criptomercado deve ser em questão de regulamentação, ao invés de uma decisão tomada por executivos apontados e não eleitos por autoridades como a SEC.

Sendo assim, a união de Cynthia Lummis e Kirsten Gillibrand, de partidos diferentes, representa justamente que há uma força tentando criar esse apoio dentro do Senado dos EUA para que ambos os lados possam ajudar a guiar esse esforço de pesquisa e entendimento por parte do governo.

Isso prova que o Bitcoin tem alguns aliados dentro do Senado dos EUA que estão genuinamente interessados em evitar um possível desastre regulamentar no futuro. Ainda assim, é sempre preocupante quando o governo se envolve com o criptomercado.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.

Últimas notícias