Bitcoin estava com pouco volume de negociação antes da valorização

Estudo mostra como volume de negociação da criptomoeda diminuiu até o preço disparar no mercado.

Siga no

O Bitcoin estava quase “morrendo” antes de enfrentar uma onda de valorização. De acordo com o estudo da empresa TradeBlock, a criptomoeda atingiu um volume preocupante de negociações diárias. O índice foi tão baixo que não era registrado pelo Bitcoin há cerca de dois anos no mercado de criptomoedas.

O mercado de criptomoedas depende de vários fatores para funcionar perfeitamente. Dentre eles está o volume de negociação diária. Quanto mais volume diário uma criptomoeda tiver, maiores são as chances de liquidez daquele ativo digital. Isso significa que é possível vender ou comprar com mais chances, as criptomoedas com bilhões de dólares sendo negociados diariamente, por exemplo.

Volume de negociação diária da criptomoeda caiu

O Bitcoin sempre esteve entre as maiores criptomoedas em relação ao volume de negociação diária. Por ser o maior ativo digital e o mais conhecido até então, o Bitcoin também pode ser usado como um “termômetro” para todo o mercado de criptomoedas. E pouco antes do Bitcoin se valorizar nos últimos dias, o ativo digital registrou o seu pior volume de negociação diária em quase dois anos.

Em consequência dessa queda, o relatório afirma que exchanges abriram seus mercados para outros ativos digitais. Além disso, exchanges registraram uma queda acentuada em negociações. No caso da Coinbase, por exemplo.

A corretora de criptomoedas norte-americana registrou US$ 1,6 bilhão em negociações em sua plataforma em março. De acordo com o relatório, esse valor não é registrado pela exchange há também dois anos.

Bitcoin não estava sendo negociado

De acordo com o relatório produzido pela TradeBlock, o Bitcoin registrou US$ 2,14 bilhões em março de 2019. O valor encontrado corresponde  ao menor volume diário da criptomoeda registrado no mês anterior a alta do Bitcoin no mercado.

O estudo analisou as transações do Bitcoin entre as cinco principais corretoras de criptomoedas no mercado. Em conclusão, o relatório apontou que desde abril de 2017 o volume de negociação diária do Bitcoin não era tão baixa. No período em questão, a criptomoeda chegou a atingir apenas US$ 845,7 milhões em negociação diária, em um dos piores desempenhos no histórico do ativo digital.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Paulo Carvalho
Paulo Carvalho
Jornalista em trânsito, escritor por acidente e apaixonado por criptomoedas. Entusiasta do mercado, ouviu falar em Bitcoin em 2013, mas era que nem caviar, "nunca vi, nem comi, só ouço falar".
Tom Brady

Tom Brady adere ao Bitcoin e coloca foto com olhos a laser

A comunidade Bitcoin está alvoraçada com mais um fã da criptomoeda - Tom Brady (43). Ele, que é um famoso esportista, também é marido...
Bitcoin Brasil

Criptomercado está crescendo no Brasil, mas falta regulação

O mercado de criptomoedas está crescendo no Brasil e, em sua grande parte, impulsionado por traders que veem novas oportunidades de surfar nas ondas...
Conheça MAx e Bitcoin, os dois bodes de Mark Zuckeberg

Mark Zuckerberg diz que tem um bode chamado Bitcoin e posta foto no Facebook

Mark Zuckerberg é um nome muito importante no setor de tecnologia, sendo o fundador e atual CEO do Facebook, a maior rede social do...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias