Bitcoin pode ter sido inspirado em dinheiro de pedra com mais de 1.500 anos

Estudo indica que tecnologia blockchain nasceu em uma pedra gigante usada como dinheiro por tribo antiga.

-

Siga no

O bitcoin pode ter um parente muito distante que foi utilizado por uma tribo milenar. Uma pedra gigante utilizada como moeda na Polinésia revela como o registro de dados financeiros já vigorava há muito tempo.

As pedras gigantes das ilhas Yap foram criadas Muito antes de qualquer tecnologia ser lançada pelo homem. Porém, essas pedras podem ser o registro mais antigo de qualquer iniciativa similar a tecnologia blockchain já encontrada.

Uma pedra gigante pode ter sido o bitcoin de antigamente

Uma civilização que vivia em uma ilha paradisíaca pode ter inventado o “bitcoin”. Ou pelo menos o que seria a tecnologia blockchain longe dos meios digitais. Sem a extração de metais preciosos, os habitantes das ilhas Yap encontram em rochas gigantes uma solução para fundar um sistema monetário.

As rochas gigantes eram extraídas de outra ilha, que ficava há centenas de quilômetros de Yap. Após a chegada dessas rochas a ilha, a lapidação permitia que registros fossem realizados no material composto de calcário. Esses registros são similares aos sistemas de tecnologia blockchain atuais voltados para as criptomoedas.

A tecnologia blockchain na ilha Yap

O registro histórico das pedras da ilha de Yap revelam um sistema financeiro antigo e completamente moderno para sua fase. Como as pedras gigantes não podiam ser transportadas facilmente, o registro de informações no “dinheiro” era essencial.

As pedras gigantes da ilha Yap são conhecidas como Rai. Podiam variar de tamanho e foram encontradas em diversos locais no que atualmente é conhecido como Micronésia. Um sistema de registro de dados permitia que a população tivesse uma complexa forma de se relacionar com o dinheiro.

A Rai permitia a utilização de dinheiro por parte dos cidadãos de Yap sem possui a moeda fisicamente. O sistema financeiro com a pedra gigante permitia até que o comércio registrasse informações na Rai. A ideia comunitária de dinheiro da pequena ilha de Yap pode ser o precursor do bitcoin e da tecnologia blockchain.

Tribo surgiu há mais de 1.500 anos

É difícil de imaginar que há mais de 1.500 uma forma de bitcoin foi compartilhada por uma comunidade. Sem acesso a qualquer bem que poderia configurar em moeda de troca, os habitantes de Yap viram nas rochas gigantes uma forma de movimentar a economia local.

O valor que as rochas Rai possuíam não pode ser mensurado nos dias atuais. De acordo com pesquisas sobre o dinheiro da tribo, os registros na pedra significavam valores importantes. As informações colocadas nas pedras Rai não correspondia a transações diárias. Sendo assim, somente a transação de altos valores eram registrados na rocha, como dotes de casamento, por exemplo. Ou então, empréstimos para agricultores que perderam suas lavouras.

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Anúncio

Bitcointrade - 95% dos depósitos aprovados em até 30 minutos!

Eleita a melhor corretora do Brasil. Segurança, Liquidez e Agilidade. Não perca mais tempo, complete seu cadastro em 5 minutos!

Complete seu cadastro em 5 minutos!
Paulo Carvalho
Paulo Carvalho
Jornalista em trânsito, escritor por acidente e apaixonado por criptomoedas. Entusiasta do mercado, ouviu falar em Bitcoin em 2013, mas era que nem caviar, "nunca vi, nem comi, só ouço falar".
Caju santos golpe Bitcoin

Jogador do Goiás Esporte Clube toma calote de R$ 200 mil da BWA Brasil

O jogador de futebol Wanderson de Jesus Martins, lateral-esquerdo do Goiás Esporte Clube, tomou um calote de R$ 200 mil da BWA Brasil. A...
Consórcio Brasil Central - BrC

Secretário do Brasil Central conhece sistema blockchain russo

Fundado em 2015, a Associação Pública de natureza autárquica chamada Consórcio Interestadual de Desenvolvimento do Brasil Central (BrC) é uma referência no país. Nos...
Novo vírus para Android mira brasileiros

Vírus brasileiro captura Bitcoin de vítimas pelo mundo

Em meio a pandemia do novo coronavírus, as ameaças cibernéticas aumentaram em todo o mundo. Um vírus brasileiro, detectado por especialistas em segurança digital,...