Brave: concorrente do Google Chrome cresce mais de 450% em apenas um ano

Brave oferece criptomoedas como recompensa para usuários do navegador.

Siga no

Em apenas um ano o navegador Brave conseguiu aumentar em 450% o seu número de usuários. De acordo com um relatório divulgado recentemente, com esse crescimento a criptomoeda base do navegador, Basic Attention Token (BAT), também ganhou expressividade no mercado.

Grande parte das criptomoedas foram criadas para dar suporte à projetos inovadores. São plataformas com novas funcionalidades e ferramentas que prometem conquistar o mercado em vários setores. No caso da Basic Attention Token (BAT), a criptomoeda foi criada para sustentar um navegador de internet monetizado através da tecnologia blockchain.

O Brave é um navegador em que usuários podem ganhar criptomoedas como recompensa pela exibição de propagandas.

Navegador Brave possui 5,5 milhões de usuários

Em apenas uma ano o Brave cresceu 450%. De acordo com o relatório apresentado pelo Token Insight, o navegador ganhou 4,5 milhões de novos usuários nos últimos doze meses. Com esse aumento, o Brave passou a ter 5,5 milhões de usuários no total. O número foi registrado em janeiro de 2019, e poderá continuar a crescer ao longo do ano. Somente em março de 2019 o navegador teve 20 milhões de downloads através do Google Play Store.

O Brave é o navegador da rede da criptomoeda Basic Attention Token (BAT). A plataforma foi lançada em busca de monetizar a navegação dos usuários na internet. Desse modo, os usuários conseguem receber criptomoedas como recompensa por sua navegação.

Grande concorrência para Chrome e Mozilla

O navegador da criptomoeda Basic Attention Token (BAT) oferece grande concorrência para outras plataformas. Com um sistema monetizado e transparente, o navegador descentralizado cresceu nos últimos doze meses. E poderá crescer ainda mais com a adoção de mais usuários utilizando o Brave.

Com um sistema de monetização através do navegador, o Brave deve oferecer concorrência direta para outras plataformas, como o Chrome e ou Mozilla, por exemplo. No caso do Brave, até 70% da receita com propagandas é distribuído aos usuários através do Brave Ad Reward.

Com um crescimento de 450%, o Brave pode ser um diferencial para aqueles que procuram um navegador que utiliza a descentralização de dados. Além disso, como outros dispositivos não possuem monetização voltada para os usuários, o Brave pode conquistar cada vez mais novos clientes.

Paulo Carvalho
Paulo Carvalho
Jornalista em trânsito, escritor por acidente e apaixonado por criptomoedas. Entusiasta do mercado, ouviu falar em Bitcoin em 2013, mas era que nem caviar, "nunca vi, nem comi, só ouço falar".

“Nunca emprestamos dinheiro para a Singu”, diz BitcoinTrade em caso da Natura e Tallis...

A Natura é uma das empresas mais conceituadas do Brasil e um investimento considerado seguro por muita gente. Como qualquer outra ação, os títulos...

Coluna do TradingView: Bitcoin e a briga de compradores e vendedores

Bitcoin chegou no topo e já ensaiou um rompimento, mas falhou. O preço está brigado no topo e se romper pode ser um estouro....

Visa vai conectar sua rede de pagamentos a criptomoeda

A Visa, uma das maiores processadoras de pagamentos do mundo anunciou nesta quarta-feira (2) que vai integrar o seu sistema de pagamento com o...

Últimas notícias

Coluna do TradingView: Bitcoin e a briga de compradores e vendedores

Bitcoin chegou no topo e já ensaiou um rompimento, mas falhou. O preço está brigado no topo e se romper pode ser um estouro....

Visa vai conectar sua rede de pagamentos a criptomoeda

A Visa, uma das maiores processadoras de pagamentos do mundo anunciou nesta quarta-feira (2) que vai integrar o seu sistema de pagamento com o...

Visa lança cartão de crédito com cashback em bitcoin

Agora você pode receber 1.5% de cashback em bitcoin por compras efetuadas por meio de um novo cartão de crédito lançado pela Visa em...