Campos Neto vai ao Comitê da Basileia, que recentemente pediu cautela com criptomoedas

Comitê da Basileia alertou no início de junho de 2023 que bancos devem evitar se expor ao mercado de criptomoedas.

O presidente do Banco Central do Brasil, Roberto Campos Neto, viajou para uma reunião do Comitê da Basileia, na Suíça. Vale lembrar que o BC é o órgão responsável pela fiscalização do mercado de criptomoedas brasileiro, e deve impor regras para as corretoras e plataformas em breve.

Em uma nota na última quarta-feira (21), o banco central disse que a regulação das criptomoedas não está pronta ainda. A expectativa da autarquia envolve criar uma consulta pública para determinar quais regras se aplicam melhor.

De qualquer forma, tudo indica que as regras sigam o mesmo padrão de fiscalização dos bancos, com uma regulação prudencial.

Na visita ao Comitê da Basileia, Campos Neto chegará em um momento em que o BIS acompanha com atenção o mercado de criptomoedas.

Campos Neto chega na Suíça para reunião, em momento que Brasil aguarda detalhes da regulação das criptomoedas

Com a visita do BC, o Brasil receberá novas informações sobre a regulação dos bancos, e até do mercado de criptomoedas, discutindo sobre o futuro das regulamentações internacionais.

Agenda de Campos Neto nesta sexta-feira 23 de junho de 2023
Agenda de Campos Neto nesta sexta-feira, 23 de junho de 2023. Foto: BCB.

Na Suíça, Campos Neto participa da 93rd Annual General Meeting, promovida pelo Banco de Compensações Internacionais (BIS), nos dias 24 e 25 de junho. Acompanha Campos Neto a ​Diretora de Assuntos Internacionais e de Gestão de Riscos Corporativos, ​Fernanda Guardado.

Vale lembrar que os detalhes da regulação do mercado de criptomoedas ainda não foram divulgados e a visita do presidente do banco central a Suíça poderiam impactar a forma como as regras serão apresentadas ao mercado.

Comitê da Basileia avalia relação dos bancos com criptomoedas, assim como emissores de stablecoins

O Comitê de Basileia é o principal definidor de padrões globais para a regulamentação prudencial dos bancos e fornece um fórum para cooperação em questões de supervisão bancária. O Comitê se reporta ao Grupo de Governadores de Bancos Centrais e Chefes de Supervisão e busca seu endosso para decisões importantes.

De acordo com uma publicação pelo BIS, no início de junho, ficou claro que o Comitê da Basileia avalia a relação dos bancos com o mercado de criptomoedas.

Na avaliação, os membros do comitê buscaram entender como tratar a regulação prudencial dos bancos. Além disso, as autoridades temem problemas dos bancos que têm se envolvido com emissões de stablecoins e empresas que realizam estas atividades.

Contudo, o Comitê da Basileia ainda pretende abrir consultas públicas sobre o assunto, para discutir com os membros e bancos quais regras devem mudar.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na maior corretora de criptomoedas do mundo e ganhe até 100 USDT em cashback. Acesse Binance.com

Entre no nosso grupo exclusivo do WhatsApp | Siga também no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Últimas notícias