Cientistas combatendo COVID19 com criptografia e privacidade

Aplicativos rastreiam aglomerações de pessoas sem expor identidades!

Siga no
Aplicativos de cientistas querem ajudar no combate ao COVID19 com privacidade
Aplicativos de cientistas querem ajudar no combate ao COVID19 com privacidade

Os tempos são estimulantes para se fazer ciência relacionada com a área da saúde. Dessa forma, cientistas da computação estão empenhados em combater o COVID19 com privacidade, usando criptografia para isso.

As medidas draconianas estão sendo combatidas em todo o mundo, principalmente quando governantes são acusados de agir de forma ditatorial. Esse tema ganhou força nas últimas semanas, quando o Papa fez uma declaração afirmando que “medidas duras nem sempre são boas“.

No Twitter, por exemplo, o governador de São Paulo, João Dória, tem sido acusado de ser ditador ao obrigar as pessoas a ficar em casa, com uso até de força policial. O governador disse que está monitorando as pessoas pelos seus celulares, e vai prender quem desobedecer à quarentena.

De fato, dentre as principais medidas de proteção ao coronavírus, a quarentena é uma das práticas recomendadas por especialistas. Contudo, ao monitorar a população, para garantir que não há aglomerações, governantes tem se esquecido de proteger os dados das pessoas.

Coronavirus e Quarentena
Coronavirus e Quarentena

Cientistas da computação se unem a causa e quarentena poderá ser incentivada com privacidade e uso da criptografia

O mundo se une em prol do combate ao novo coronavírus e não poderia ser diferente no setor de tecnologia. Com a tecnologia, as informações sobre a doença são compartilhadas a todo momento, e o mundo acompanha de perto a evolução no combate a este problema.

Enquanto soluções mais eficazes não são encontradas, a quarentena continua a ser a melhor prevenção contra o COVID19. De fato, o que preocupa alguns é os governantes forçarem, com uso até da polícia, o isolamento social.

No Brasil, o caso mais recente que chocou parte da população paulista foi o posicionamento de seu governador, João Dória. O Twitter, nesta sexta santa (10), levou os internautas a um extenso debate sobre o fato de Dória ser ou não um ditador. Com as hashtags #DoriaDitador e #DitaDoria, o tema alcançou os trendings topics do Brasil.

O questionamento certamente é legítimo, pois, a população está preocupada com a forma que terão seus dados pessoais utilizados. Este pode ser o primeiro sinal que as pessoas no Brasil estão observando o que os governantes fazem com seus dados, um marco na história brasileira.

Informações sobre coronavírus
Informações sobre coronavírus

Soluções estão a caminho para uso com segurança dos usuários e governos

De acordo com a Wired, é paradoxal pensar em um sistema de vigilância em massa sem que ele seja usado para o mal. Mesmo assim, empresas de tecnologia têm oferecido soluções interessantes e até de código aberto para isso.

Uma das maneiras que tem sido encontrada é a criação de aplicativos que alertam usuários dos riscos que eles correm. O alerta, contudo, não expõem os dados pessoais para os governos.

Além disso, quando uma pessoa infectada está em sua região, aplicativos podem te alertar para o perigo. Quem é a pessoa? Você não saberá, ou seja, até neste ponto as pessoas poderão se precaver, sem expor identidades e ajudando a mitigar riscos.

Para o professor de matemática da universidade de Toronto, isso é possível. Yun William Yu disse para a Wired que “Você pode desenvolver um aplicativo que atenda ao rastreamento de contatos e preserve a privacidade dos usuários“.

Privacidade
Privacidade

Um dos casos de sucesso que está em teste para combater o COVID19 com privacidade pela criptografia é o COVID-WATCH. Com sistema open source, afirma que levará os usuários a um mundo mais seguro, com menos vigilância forçada e perigosa.

OS USUÁRIOS PODEM APRECIAR A PRIVACIDADE, MAS OS PROFISSIONAIS DE SAÚDE E OS GOVERNOS NÃO QUEREM NECESSARIAMENTE CRIAR UM SISTEMA QUE OS IMPEÇA DE, POR EXEMPLO, NOTIFICAR PROATIVAMENTE OS USUÁRIOS QUE FORAM POTENCIALMENTE EXPOSTOS AO COVID-19, OU MESMO RASTREAR ATIVAMENTE A LOCALIZAÇÃO DE INFECTADOS OU POTENCIALMENTE PESSOAS EXPOSTAS.

Seus criadores apontam que os governantes não têm apoiado tanto o projeto quanto apoiam outras soluções que não investem em privacidade. A cientista da computação de Stanford, Cristina White, criadora do COVID-WATCH, afirmou para a Wired que, apesar dos problemas enfrentados, o que realmente esperam é salvar vidas.

Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Bug do Pix

Golpe “bug do Pix dobrado” se espalha pelo Whatsapp

As tentativas de aplicar golpes existem desde que o dinheiro nasceu (até mesmo antes), e não seria diferente na era digital. Muito além das...
ATM de bitcoin roubado

Criminosos roubam caixa eletrônico de Bitcoin em posto de gasolina

Criminosos roubaram um caixa eletrônico de Bitcoin (ATM) em um posto de gasolina no estado de Kentucky, nos Estados Unidos. De acordo com um...
Tori Maddison Preiss, Kaori Celine Nakase

Milionário do Bitcoin dá Lamborghini à namorada, mas ela terá que devolver

Uma influenciadora digital muito conhecida na Austrália e uma garçonete poderão perder carros de luxo e milhares de dólares. A Comissão de Crimes e...

Cotações por TradingView

Últimas notícias

Criminosos roubam caixa eletrônico de Bitcoin em posto de gasolina

Criminosos roubaram um caixa eletrônico de Bitcoin (ATM) em um posto de gasolina no estado de Kentucky, nos Estados Unidos. De acordo com um...

Milionário do Bitcoin dá Lamborghini à namorada, mas ela terá que devolver

Uma influenciadora digital muito conhecida na Austrália e uma garçonete poderão perder carros de luxo e milhares de dólares. A Comissão de Crimes e...

Corretora anuncia encerramento após ataque hacker

A corretora de criptomoedas Livecoin, com sede na Rússia, anunciou o encerramento de suas atividades a partir do dia 17 de março de 2021....

CPQD abre vaga de emprego para programador blockchain

Muitas pessoas buscam neste início de ano uma oportunidade de trabalho. Com o mercado de criptomoedas aquecido, várias oportunidades estão surgindo no setor. O...

Obra de arte com 250 bitcoins vendida em 2019 hoje vale R$ 42 milhões.

Em 2019, o argentino Alberto Echegaray Guevara vendeu uma obra de arte com 250 bitcoins. A obra foi apresentada na Bienal de Veneza 2019...