CVM da Espanha pretende regular publicidade de criptomoedas

De acordo com o documento público, as criptomoedas estão cada vez mais comuns dentro do mercado Espanhol e fazendo parte da indústria financeira do país.

Siga no

A Comissão Nacional de Mercado de Valores Mobiliários (CNMV) da Espanha, está avançando suas políticas para começar a regulamentar a publicidade de Bitcoin e de outras criptomoedas no país. A agência reguladora está trabalhando para elaborar novas regras através da consulta da opinião popular e de pessoas que são afetadas pelo setor.

De acordo com notícias locais, a CNMV abriu um período de consulta pública no dia 5 de abril e vai até o dia 16 deste mês. Durante o período o governo vai receber comentários públicos sobre a questão da regulamentação da publicidade envolvendo ativos digitais e os comentários serão publicados para todos após o fim do período de consulta.

A ideia da consulta pública é obter a opinião de todos os que são afetados pelo mercado de criptomoedas na Espanha: profissionais do setor, consumidores e clientes de diferentes serviços que envolvem criptomoedas e investidores.

Como é de se imaginar, os comentários serão consultados e analisados para serem levados em consideração ao elaborar regras e normas que vão determinar o funcionamento da publicidade do mercado no país.

Foco é em propagandas de investimento em criptomoedas

De acordo com o documento público, as criptomoedas estão cada vez mais comuns dentro do mercado Espanhol e fazendo parte da indústria financeira do país. O arquivo destaca que “as tecnologias do criptomercado estão transformando o mercado financeiro e permitindo inovações em grande escala.” 

No entanto, não existe um marco regulatório que permita a instauração de regras e normas no setor quando é falado sobre as propagandas de investimento. Com o criptomercado se diferenciando do setor tradicional, oferecendo investimento para especialistas e também para o público normal, é ainda mais fundamental tomar cuidado com o que é oferecido para os investidores.

“O principal elemento que requer uma atuação regulatória radical é o fato de que certas ações de publicidade em ativos do criptomercado, quando oferecidos como investimento, não incorporam informações objetivos sobre o produto e seus riscos.”

Sendo assim, o documento inicial indica que as propagandas de investimento em criptomoedas devem contar detalhes sobre os riscos de investir nesses ativos e nesses setores, riscos como “casos de perda significativa por variações de preço, situações de iliquidez e a perda total através de ciber-ataques e erros na custódia.” 

Vale notar que o documento deixa claro que a proposta de regulamentação não vai afetar em nada a natureza dos investimentos na Espanha, apenas as propagandas e materiais publicitários de quem atua no setor.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.
Homem segurando criptomoedas em mão

Secretários de Macaé são acusados de enriquecimento ilícito e investimentos “elevados” em criptomoedas

Alguns secretários municipais de Macaé foram acusados em redes sociais de obter enriquecimento ilícito e negociar criptomoedas, obtendo para si vantagens indevidas. A negociação de...
Homem jogando dinheiro para cima bilionários do Bitcoin

Usuário compra bitcoin por 11 mil dólares durante flash crash da Binance

Durante uma queda repentina nos preços de várias moedas na Binance americana, onde o Bitcoin chegou a ser negociado por 8.200 dólares por menos...

Bitcoin atingiu novo recorde histórico, o que mudou na rede?

OÉ importante manter a conjuntura Macro clara, e para isso, os indicadores cíclicos continuam atualizar a cada dia que passa junto com o preço...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias