Como a China usou sites de apostas e criptomoedas para lavar 1 trilhão de yuans

O USDT é amplamente utilizado na lavagem de dinheiro, em apostas e outras atividades ilegais.

Siga no

O uso das criptomoedas para diferentes tipos de crimes e principalmente para a lavagem de dinheiro não é algo incomum, apesar do uso das moedas fiduciárias para o mesmo objetivo ser igualmente normal, as autoridades chinesas estão enfrentando o aumento do uso da Tether (USDT) para lavagem de dinheiro de fundos arrecadados a partir de jogos de azar.

De acordo com o site Zerohedge, um total de ¥1 trilhão (Yuan), cerca de R$ 800 bilhões estão sendo lavados anualmente com o uso de plataformas de apostas ilegais e com as criptomoedas no processo.

Até recentemente, uma forma comum de se lavar dinheiro na China era através dos cassinos localizados em Macau, única região do país onde apostas são legalizadas. Os cassinos eram usados para lavar dinheiro, principalmente para o exterior. Mas com as autoridades focando na região para frear essas atividades, a “indústria” precisou evoluir.

Agora, através de sites ilegais, grupos conseguem utilizar cartões de crédito de outras pessoas (dados roubados ou comprados) para alimentar toda a cadeia ilegal que leva até o uso da criptomoeda Tether para a lavagem do dinheiro arrecadado.

Uma investigação realizada pela Caixin detalhou com o processo funciona. Os sites de aposta estão criando um sistema que conecta apostadores com um sistema de pagamento que tenta disfarçar as compras como pagamentos legítimos.

Para depositar valores, o apostador vai até um link de pagamento para uma dessas plataformas, que funciona como um “Uber de pagamentos”. Um membro registrado da plataforma então usa o cartão de crédito de alguém (que foi roubado ou comprado) e o dinheiro é transferido em Tether para sites de fora do país.

Ou seja, o dinheiro entra ilegalmente através de fundos geralmente roubados de cartões de créditos e sai como criptomoedas, onde mais tarde são vendidas

Esquema de lavagem de dinheiro de apostas ilegais. Fonte: Caixin.

A plataforma fica com 2.5% de comissão pelas transações realizadas e os membros dessas comunidades ilegais recebem 1% a 2% de cada transação, de acordo com a polícia.

Conforme apuração do Ministério de Segurança Pública, a polícia já fechou 1.700 plataformas de apostas ilegais e 1.400 bancos informais. Ao todo foram registrados mais de ¥1 trilhão.

Tether (USDT) no centro da lavagem de dinheiro

Com a nova “atualização” no funcionamento do mercado de lavagem de dinheiro, uma nova prática é o uso do Tether (USDT) para a facilitar a lavagem dos fundos arrecadados.

“O USDT é amplamente utilizado na lavagem de dinheiro, em apostas e outras atividades ilegais.” Disse um executivo de uma plataforma de blockchain à Caixin.

Em outubro de 2020, um braço do Banco Popular da China conduziu várias investigações que levou à prisão de mais 77 suspeitos de utilizar o USDT para a lavagem de dinheiro em transações internacionais, um total de 120 milhões em Yuan lavados em Tether foram identificados (cerca de R$ 100 milhões).

A Tether (USDT) é uma stablecoin que tem seu preço atrelado o dólar, o objetivo da criptomoeda é resolver o problema da volatilidade excessiva do Bitcoin. Este ano a Tether se tornou a criptomoeda com maior volume negociado por mês, superando o Bitcoin neste quesito.

“Sites de apostas usam o dinheiro dos apostadores para comprar USDT na Huobi e então vendem essas criptomoedas, assim lavando o dinheiro para lucros legítimos”, disse a polícia de Huizhou à Caixin.

As autoridades ordenaram que a corretora Huobi fortaleça seus métodos de combate à lavagem de dinheiro adicionando verificação de identificação por vídeo nessas transações.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Matheus Henrique
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.

Dogecoin passa banco Itaú, Santander e Bradesco em valor de mercado

Dogecoin, a criptomoeda feita como uma piada, surpreendeu o mundo após disparar 150% em poucas horas e ser negociada por um valor recorde de...

Pelé terá coleção NFT na plataforma Ethernity

Edison Arantes do Nascimento, conhecido mundialmente como Pelé, é o mais famoso jogador de futebol da história e é um grande ícone para os...

Rothschild investe R$ 26 milhões em Ethereum

A Rothschild Investment adquiriu mais de 265.302 ações da Grayscale Ethereum Trust, marcando seu primeiro investimento em Ethereum, o ativo digital nativo da plataforma...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias