Como o Bitcoin ajudou um homem a pagar os custos do nascimento de seu filho na Venezuela

Seu interesse pelo Bitcoin surgiu como uma necessidade

Siga no
Bolívar venezuelano e Bitcoin na Venezuela
Bolívar venezuelano e Bitcoin

O plano da Venezuela de se libertar da dominância do dólar americano tem feito com que várias pessoas optem por alternativas, com cada vez mais frequência.

Embora a implementação das criptomoedas na Venezuela ainda esteja em sua fase inicial, o país está sendo percursor na AmericaLlatina em relação a adoção.

Com o uso de criptomoedas na área da saúde, um venezuelano testemunhou os benefícios do Bitcoin ao pagar as contas oriundas do nascimento de seu filho.

Após saber que seria pai, José analisou que os custos que teria seriam de pelo menos 6.000 reais, e 10.000 reais para uma cesariana.

José Rafael Peña Gholam, cujo filho nasceu em Caracas, em 30 de setembro de 2019, explicou que o Bitcoin fez com que essas contas fossem pagas rapidamente e de uma só vez.

Seu interesse pelo Bitcoin surgiu como uma necessidade, fugir da hiperinflação da moeda loca, o Bolivar (VES). Na Venezuela, um café com leite custava 450 VES, em setembro este mesmo café custava 14.000 VES. Por conta disso, José sabia que não poderia confiar em sua moeda local para pagar os custos do nascimento de seu filho no futuro.

José revelou que a maioria dos negócios na Venezuela estão tentando evitar a crise inflacionária usando o dólar. Sendo assim, a taxa de câmbio VES/USD é usada para calcular os valores finais de pagamentos, bem como os clientes podem pagar com a moeda americana.

“Eu poderia ter convertido minhas economias para dólares, não para Bitcoin, mas nos últimos anos, o Bitcoin também ofereceu retornos significativos.

Imagine, por exemplo, que eu só tivesse VES. É bem possível que, devido à hiperinflação, os custos hospitalares de hoje tivessem excedido minhas economias.”

Sobre a volatilidade do Bitcoin, José comentou que o BTC caiu de 40.000 para 32.000 reais durante a semana que ele realizou tal pagamento e acabou convertendo quando a moeda estava na casa dos 33.000 reais.

As declarações finais de José transmitem a mensagem de que, embora o Bitcoin possa não fazer sentido em países com estruturas econômicas mais fortes, a sua experiência é a prova de que o Bitcoin é muito útil em países com economias enfraquecidas, como a Venezuela.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
sabotag3x
Top 100 poster @ bitcointalk, altcoin maximalist, interessado em mineração, trading, detalhes técnicos e econômicos. Do zero ao milhão em 6 meses com a Iconic Services. Nunca comprei 1 bitcoin, nem mesmo 1 satoshi, e não pretendo comprar.
Olho com Bitcoin

130 mil pessoas tiveram os olhos escaneados para ganhar criptomoedas de graça

A Worldcoin é um projeto que pretende distribuir criptomoedas de forma justa. Para evitar falsificações de identidade, o plano da empresa é escanear a...
Bitcoin dentro de cofre como poupança

Fundo de pensão dos bombeiros nos EUA compra US$ 25 milhões em Bitcoins

O Fundo de Pensão serve para garantir a tranquilidade de funcionários de diferentes setores no futuro. Em Houston, no Texas, Estados Unidos, o Fundo...
Bitcoin e criptomoedas em ETF

Segundo ETF de Bitcoin pode ser lançado amanhã na Nasdaq

Muitos pensavam que o ETF de Bitcoin da Valkyrie seria o primeiro a ser aprovado, todavia o mercado foi surpreendido pelo lançamento do ETF...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias