Dona do WeChat ajudou Governo Chinês a identificar empresas de criptomoedas

Siga no
China e Bitcoin
China Bitcoin

Uma ferramenta de monitoramento financeiro lançada pelo conglomerado chinês da Internet Tencent ajudou a autoridade da China a examinar 39 empresas suspeitas de atividades ilegais com criptomoedas.

Através da análise de dados governamentais do governo, informações abertas, informações de relatórios, mídias sociais, o “Lingkun”, a ferramenta de monitoramento encontrou um grande número de esquemas de Ponzi de criptomoedas e aircoins em Shenzhen, a cidade tecnológica da China.

A Tencent possui as maiores redes sociais da China, o WeChat e QQ de sendo que o WeChat possui um fluxo mensal de usuários superior a 1,1 bilhão. Atualmente, a grande maioria das atividades de criptomoeda na China é realizada em mídias sociais como WeChat e QQ.

Desta forma o “Lingkun” combinou as conversas com recursos de IA e Big Data junto com os recursos de segurança da Tencent, que chegam a quase todos os cidadãos chineses e alertou as autoridades sobre os possíveis golpes.

Segundo a Tecent a  ferramenta de monitoramento também pode identificar o índice de risco de mais de dez categorias financeiras, como P2P, financiamento, câmbio através dos dados de assuntos governamentais de mais de 40 unidades administrativas em Shenzhen, para alertar antecipadamente os departamentos governamentais relevantes.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Mateus Nuneshttps://livecoins.com.br
Fundador do Livecoins. Analista de Sistemas, entusiasta de criptomoedas e blockchain. Tradutor do site Bitcoin.org

Ethereum queima 1 bilhão de dólares após atualização

A ativação do EIP-1559 ocorreu há 41 dias e hoje o total de ethers queimados chegou a marca de 1 bilhão de dólares, cerca...

Apple proíbe carteiras de NFTs

Ao tentar lançar a sua carteira para dispositivos iOS, a equipe da Gnosis Safe foi impedida de enviar o seu aplicativo para a App...
Palco com destaque a cadeiras e Bitcoin ao fundo Elon

Revista Time coloca Elon Musk, criador do Ethereum e Luiza Trajano em lista de...

A Time Magazine liberou nesta quarta-feira (15) a lista das "100 Pessoas mais Influentes de 2021", dando destaque a Elon Musk e Vitalik Buterin,...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias