Elon Musk xingando anunciantes faz surgir mais de 300 criptomoedas

Desde que Musk fez a declaração, mais de 300 tokens GFY foram criados em várias redes, incluindo Ethereum e BNB Chain, com capitalizações de mercado variando de menos de US$ 10.000 a mais de US$ 20 milhões.

Nos últimos 3 dias, o mercado foi inundado com criptomoedas inspiradas em Elon Musk, que em recente entrevista, mandou alguns anunciantes do Twitter (X) irem “se fu**r.”

A declaração do bilionário desencadeou a criação de centenas de novos tokens suspeitos, alguns alcançando capitalizações de mercado superiores a 20 milhões dólares.

O token “GFY”, abreviação de “Go f*ck your self”, liderou o movimento. Ele foi lançado logo após Musk dirigir palavras controversas a anunciantes que estavam se retirando de sua rede social X.

Mais de 300 tokens “go f*ck your self”

Desde que Musk fez a declaração, mais de 300 tokens GFY foram criados em várias redes, incluindo Ethereum e BNB Chain, com capitalizações de mercado variando de menos de US$ 10.000 a mais de US$ 20 milhões.

A facilidade de emitir tokens em blockchains como Ethereum é notável, pois geralmente custa apenas alguns centavos. Eles podem ser lançados em corretoras descentralizadas quase instantaneamente, oferecendo liquidez praticamente garantida para quem deseja negociá-los.

Além do GFY, uma série de tokens “TRUCK” também surgiram no mercado, numa referência aparente a Musk, cuja empresa Tesla lançou o novo Cybertruck recentemente.

Estes se seguiram ao GROK, um token nomeado em homenagem ao chatbot GrokAI desenvolvido pela xAI, uma divisão da X.

O GROK teve uma valorização de mais de 10.000% após seu lançamento no início de novembro, mas caiu 50% depois que seu desenvolvedor foi associado a projetos suspeitos.

As memecoins, vale lembrar, apresentam um perfil de investimento bastante arriscado no mercado de criptomoedas, principalmente devido à sua natureza volátil.

Eles são frequentemente impulsionados por fatores menos tangíveis, como tendências nas mídias sociais e endossos de celebridades, em vez de fundamentos financeiros sólidos ou utilidade.

Além disso, o ecossistema das memecoins é marcado por uma falta de transparência. Muitas vezes, eles são lançados sem uma clara estrutura de governança ou divulgação financeira, o que aumenta o risco de fraudes e manipulação de mercado.

Investidores menos experientes podem ser particularmente vulneráveis a esquemas de “pump and dump”, onde o preço de um token é artificialmente inflado para depois ser vendido a preços altos por insiders, deixando outros investidores com grandes perdas.

Sendo assim, os investidores devem ver as memecoins como com cautela e uma compreensão clara de que podem perder todo o seu investimento ao apostar em tais ativos.

💰 $100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na maior corretora de criptomoedas do mundo e ganhe até 100 USDT em cashback. Acesse Binance.com

Entre no nosso grupo exclusivo do WhatsApp | Siga também no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Vinicius Golveia
Vinicius Golveia
Formado em sistema da informação pela PUC-RJ e Pós-graduado em Jornalismo Digital. Conhece o Bitcoin desde 2014, atuando como desenvolvedor de blockchain em diversas empresas. Atualmente escreve para o Livecoins sobre assuntos de criptomoedas. Gosta de cultura POP / Geek. Se não estiver escrevendo notícias relevantes, provavelmente está assistindo alguma série.

Últimas notícias