Executivo troca Google por grande corretora de Bitcoin

Marco para o criptomercado!

Siga no
Executivo troca Google por grande corretora de Bitcoin - Imagem/Coinbase
Executivo troca Google por grande corretora de Bitcoin - Imagem/Coinbase

O Google é uma das maiores empresas do mundo, mas isso não foi motivo suficiente para segurar um executivo, que trocou a empresa pela corretora de Bitcoin Coinbase.

A Coinbase é uma das maiores do mundo, sendo considerada um unicórnio das startups financeiras. Com isso, a troca de empresas feita pelo executivo é justificada por uma movimentação estratégica.

Quem deixa o Google é Surojit Chatterjee, da divisão do Google Shopping. O executivo desempenhou no ano de 2019 grandes mudanças dentro deste setor, que luta para alcançar a Amazon.

Executivo sai do Google e migra para corretora de Bitcoin Coinbase

De fato a Coinbase é uma das maiores corretoras de Bitcoin do mundo. Neste sentido, o principal destaque desta é seu valor de mercado, que atualmente está em U$ 8 bilhões.

De acordo com a CB Insights, a Coinbase é a 24.ª maior unicórnio do mundo atual. Já o Google, que pertence a Alphabet, foi considerada pelo Statista a quarta maior empresa do mundo em 2019.

Certamente, a mudança de Surojit, já confirmada pela Coinbase, é extremamente importante para o criptomercado. Segundo informações publicadas pelo CEO da Coinbase, Brain Armstrong, a chegada é fundamental para o crescimento do negócio.

Hoje estamos anunciando que Surojit Chatterjee se juntará à Coinbase como nosso novo diretor de produtos depois de passar 11 anos no Google. A Coinbase é uma empresa liderada por produtos e a Surojit desempenhará um papel crítico ao tornar a criptoeconomia acessível a milhões de pessoas através do conjunto de produtos da Coinbase.

Executivo chega com grande experiência para implementar inovações no mercado de criptomoedas

De acordo com Brian Armstrong, autor do texto de boas-vindas para Surojit Chatterjee, a recente experiência deste último será muito importante. Surojit teve um período com a startup Flipkart, da qual detectou ineficiências nos meios de pagamento atuais.

Ou seja, o executivo conhece muito bem as dores dos atuais comércios, de modo que ajudará a Coinbase em sua expansão de tornar as criptomoedas algo relevante para a população mundial.

O ex-executivo do Google dedicou um tempo para escrever sobre sua chegada na fintech, chamando este de “Para Novos Começos“. Para Surojit, as criptomoedas irão revolucionar o sistema financeiro, abrindo este para todos.

Minha decisão de deixar o Google e ingressar na Coinbase não foi diferente. Mas sempre gostei de me associar à tecnologia que está prestes a mudar a maneira como vivemos. Os anúncios do Google ajudaram a democratizar o comércio, o Flipkart e o comércio eletrônico revolucionaram a vida na Índia, e acredito que a Coinbase vai mudar de cabeça as finanças convencionais.

União promissora acompanha passado carente

A Coinbase possui grandes investidores em seu projeto, inclusive a IntercontinentalExchange (ICE), que controla a Bolsa de Nova York. Dessa forma, tem lutado para expandir o acesso às criptomoedas pelo mundo. Já Surojit Chatterjee é indiano, um país que dá poucas oportunidades ao Bitcoin e demais criptomoedas.

A Índia já tentou banir as criptomoedas do território várias vezes, mas tem negado a ação nos últimos tempos. Contudo, de acordo com Surojit, o tema dinheiro naquele país é envolto em polêmicas, das quais destaca duas em sua vida.

Primeiramente, foi criado em uma família de classe média, considerada pobre por este. Dessa forma, viu de perto o mal que é para uma família deste nível de renda a falta de acesso aos bancos.

Além disso, a segunda marca que leva em sua vida seria um caso de 8 de novembro de 2016. Na época, a programação na Índia foi interrompida para um anúncio do ministro, avisando que iriam substituir o dinheiro por um novo. Ou seja, colocou pressão sobre a população do segundo país mais populoso do mundo para que corressem pra trocar suas divisas. As pessoas passaram horas na fila para conseguir trocar apenas U$ 30, limite que era imposto por semana.

Por fim, a chegada deste ex-executivo, que tem uma história de superação, poderá agregar muito para o Bitcoin e a criptoeconomia. A Coinbase dá mais um passo importante rumo a adoção em massa desta tecnologia, que poderá ajudar inclusive, os conterrâneos de Surojit no futuro breve.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Youtuber Felipe Neto

Criptomoeda com “potencial imenso” que Felipe Neto investiu derrete 53%

Uma criptomoeda que o youtuber Felipe Neto investiu derreteu 53% e chamou a atenção de um analista da bolsa de valores brasileira. O projeto em...
Alibaba Bitcoin

Alibaba proíbe venda de equipamentos de mineração de bitcoin

A proibição do Bitcoin na China começa a afetar outros setores da indústria. Desta vez a gigante Alibaba, 9ª maior empresa do mundo por...
Fachada de agência do Banco do Brasil

Tokecardume ou Bitemoeda? – Vejas as questões sobre criptomoedas do concurso do Banco do...

No último domingo (26), o concurso do Banco do Brasil foi aplicado em diversas cidades do Brasil, com várias questões sendo vistas sobre Bitcoin...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias