Homem junta quase um milhão de reais comprando frações de bitcoin desde 2017

“Exige paciência e nervos”, diz usuário que faz DCA em Bitcoin desde 2017

Investidor segurando moeda de Bitcoin
Investidor segurando moeda de Bitcoin

Documentando suas compras desde 2017, o usuário Bitster Money Mustache (BMM) afirma que “fazer DCA em Bitcoin exige paciência e nervos”. DCA refere-se a Dollar Cost Averaging, ou Preço Médio em bom português. Tal estratégia é baseada em pequenas compras mensais, independente do preço atual.

Em sua última atualização, publicada nesta sexta-feira (5), o dono do blog Early Retirement Bitcoin (Bitcoin para Aposentadoria Antecipada) mostra que está cada vez mais difícil acumular satoshis. Entretanto, ele já está com 4 bitcoin no bolso, equivalente a 888 mil reais.

Residente europeu, Mustache está convertendo euros em bitcoin mensalmente. Todavia faz questão de sempre comparar seus investimentos em bitcoin com o índice S&P 500, que reúne 500 empresas dos EUA.

Bitcoin testará a sua fé

Leitor assíduo de blogs sobre independência financeira e aposentadoria antecipada, Mustache sabe o que as pessoas buscam em seus artigos: comentários honestos sobre sua jornada.

Com isso, o investidor afirma que “o Bitcoin testará a sua fé”. A afirmação está fortemente ligada a queda do BTC de 50% desde seu topo de novembro que, obviamente, teve muito impacto em seus investimentos.

Retorno de investimento em DCA por Bitster Money Mustache. Fonte: ERB

Já em publicação no Reddit, BMM afirma que fazer DCA em Bitcoin requer paciência e também nervos. Afinal, você não ficará rico da noite para o dia.

“Resumindo, vai demorar. E exigirá paciência e nervos. O Bitcoin testará você, e não há atalhos para o sucesso.”

Talvez a maior tentação deste investimento seja converter os seus bitcoins em moeda fiduciária após uma grande valorização. Todavia, quem fez isso em 2013 ou 2017 está arrependido nestas horas.

DCA em Bitcoin vs S&P 500

Mesmo com a forte queda do Bitcoin nos últimos meses, Mustache aponta que seus rendimentos ainda estão muito à frente do principal índice americano, o S&P 500.

DCA em BTC de Mustache vs S&P 500. Fonte: ERB

Como visto acima, desde 2017 os investimentos de Mustache passaram quase todo tempo acima dos rendimentos do S&P 500. Explicitando os números, o investidor afirma que sua estratégia está com um retorno de 390% enquanto o S&P com 44%.

Retornos são bons, porém requerem paciência

Enquanto muitos estavam chorando com o mercado desanimado entre 2018 e 2020, este foi o período em que Mustache conseguiu acumular mais bitcoins.

Conforme mostrado no gráfico abaixo, o investidor já possuía 3 BTC em 2019. Entretanto, com a alta do mercado, acumular satoshis ficou mais difícil, especialmente após o BTC bater dois topos em 2021.

Acumulo de Bitcoin vs patrimônio em Euro. Fonte: ERB

“Como costume, separei 500 dólares do meu salário e comprei satoshis. […] com isso tenho mais 0,014 BTC […] Já é um bom começo para o próximo 0,1 BTC, considerando que demorou 8 meses para pular de 3,9 para 4 BTC. Gosto de enfatizar a quantidade de 0,1 BTC porque sinto que é uma meta realista para quem está começando a acumular agora.”

Encerrando, até o momento a estratégia DCA parece ser a mais consistente e lucrativa. Entretanto, como apontado por Mustache, mesmo sendo a menos estressante ainda assim o Bitcoin vai testar os seus nervos e paciência.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Henrique Kalashnikov
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias