Federação Mundial de Diamantes quer sistema com tecnologia blockchain

Aumentar eficiência do mercado!

Siga no

Em uma recente reunião dos presidentes da Federação Mundial de Diamantes (WFDB), a tecnologia blockchain foi alvo de debate. A explicação seria que esta pode ajudar a melhorar a transparência de transações com diamantes.

No filme “Diamante de Sangue”, estrelado Leonardo DiCaprio, os espectadores conseguem ter uma noção dos problemas enfrentados por este setor. Com a tecnologia blockchain, entretanto, o rastreio de diamantes passa a ter uma maior transparência.

De fato não apenas a tecnologia blockchain poderia mudar todo um passado ruim. Além disso, a união dos interessados nessa indústria pôde ser percebida na reunião, algo que também é positivo para o longo prazo.

Tecnologia blockchain pode se envolver com diamantes para ajudar setor

Ao comprar um diamante em uma loja atualmente, se corre o risco de indiretamente financiar mão-de-obra escrava. A explicação seria porque cerca de 2/3 dos diamantes extraídos são retirados de zonas de guerra. Como são zonas turbulentas, a exploração de mão-de-obra para financiamento dessas guerras se torna uma prática comum.

Além disso, recentemente o diamante foi um bem que passou por vários escândalos de fraude. Com a tecnologia blockchain, consumidores poderiam se sentir mais confiante em comprar uma peça genuína.

De acordo com um post do Mining Weekly, ocorreu recentemente um painel especial sobre tecnologia blockchain entre os membros da WFDB. O painel mostrou as vantagens da tecnologia para o setor, que tem se mostrado favorável ao uso desta.

Para o presidente da Federação Mundial de Diamantes, Ernie Blom, os recentes casos de fraude prejudicaram o setor. Além disso, há muitas instituições financeiras desconfiadas com diamantes. Com isso, há espaço para a criação de uma ferramenta com essa tecnologia, mas deve ser acessível a todos.

“O WFDB aceitou e adotou o fato de que o blockchain está aqui para ficar, mas deve ser prático e disponível para todo e qualquer membro que o queira, não apenas para alguns poucos”

O WFDB irá buscar especialistas do setor para ajudar na construção dessa nova ferramenta. Os principais líderes do setor compareceram no evento, e mostraram que irão se unir em prol desta causa.

Ferramenta EverLedger recebeu U$ 20 milhões de aporte para investir em solução

De acordo com o portal Diamonds, no último dia 24 de setembro o grupo Everledger recebeu aporte de U$ 20 milhões. Cabe o destaque que essa empresa fornece serviços com tecnologia blockchain para empresas de diamantes.

Além disso, a rodada de investimentos foi liderada pela Tencent Holdings, gigante chinesa. O CEO da Everledger, Leanne Kemp, comemorou o aporte, e afirmou que está feliz com o desfecho da rodada de investimentos.

Estamos empolgados em ver como essa nova parceria com a Tencent ajudará a fortalecer e estender nossos desenvolvimentos na China e contribuir para outras parcerias em potencial

Como a Tencent irá ter representação no conselho da Everledger, espera-se que esta última se integre ao WeChat. Na China, o WeChat é um dos maiores aplicativos de mensagens instantâneas, rival do WhatsApp e Telegram. Finalmente, os usuários do WeChat que queiram comprar diamantes com mais transparência e segurança, via tecnologia blockchain, terão essa ferramenta disponível.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

“Bitcoin não me atrai”, diz André Esteves do BTG Pactual em áudio vazado

Um áudio vazado de uma conversa de André Esteves, banqueiro do BTG Pactual, deixou claro a opinião dele sobre o Bitcoin como um investimento. O...
Dúvida sobre o Bitcoin ser caçado pela China

China pode estar planejando cancelar proibição do Bitcoin

A China tem sido um dos países que mais aparece nos holofotes do setor financeiro, seja ele o tradicional ou então o criptomercado. Com...

Alemanha vai leiloar R$ 75,2 milhões em Bitcoin

O leilão de criptomoedas realizados por diferentes governos tem sido algo cada vez mais comum, e desta vez um estado da Alemanha vai leiloar...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias