FTX se preocupa com clima hostil em Hong Kong e muda sede

Países da Ásia apresentam desafios para operações centralizadas de criptomoedas.

Siga no
Corretora FTX
Corretora FTX

A exchange FTX, que tem como sócios Tom Brady e Gisele Bündchen, está preocupada com o clima hostil de Hong Kong com empresas do mercado de criptomoedas, anunciando então a mudança de sua sede.

A plataforma principal do grupo é a FTX Trading Limited, proprietária da FTX.com. No entanto, nas Bahamas a empresa opera com a FTX Digital Markets, que acabou sendo registrada pela Securities Commission Of The Bahamas, no último dia 20 de setembro.

A empresa passa assim a ser reconhecida e registrada no setor de ativos digitais, sendo a estrutura regulatória completa que permitiu essa mudança é chamada Lei DARE. O CEO da corretora, que está sendo considerada uma das principais concorrentes da Binance no mercado, comemorou a mudança da sede.

FTX muda sede de Hong Kong para Bahamas em busca de clima amigável

De acordo com o analista do mercado de criptomoedas asiático, Colin Wu, a sede da FTX está de mudança para outro continente totalmente diferente. Após obter a aprovação do governo das Bahamas nos últimos dias, a corretora anunciou que irá mudar sua estrutura para Nassau.

“Outra notícia importante é que a FTX anunciou que sua sede mudou de Hong Kong para Nassau, capital das Bahamas, porque seu ambiente regulatório é mais amigável do que Hong Kong.”

Hong Kong apesar de ser uma região a sudeste da China é um território autônomo. Esse país é mais que está envolvido com o escândalo da Evergrande, visto que ações da companhia chinesa estão listadas na bolsa local.

CEO da FTX comemorou mudança e acredita que será melhor

O CEO da FTX, Sam Bankman-Fried, comemorou a mudança afirmando que as Bahamas é um dos poucos lugares do mundo a oferecer uma estrutura para as criptomoedas e que já tem registro no país. Além disso, o desempenho local em relação à pandemia foi positivo, sendo que há um ânimo com os negócios desenvolvidos no local.

“1) Estamos muito animados para configurar FTX a sede da empresa nas Bahamas! a) As Bahamas são um dos poucos lugares para estabelecer uma estrutura abrangente para criptomoedas; FTX está registrado. b) As Bahamas emergiram de COVID animadas, seguras e sem quarentena”.

Geograficamente, Nassau é relativamente próximo de Miami, cidade litorânea dos Estados Unidos e que tem um prefeito que mostra ser entusiasta do Bitcoin. Ainda não está claro se há alguma vantagem em aproximar a sede dos EUA, ou se o movimento é apenas por motivos regulatórios.

O CEO da FTX nas Bahamas, Ryan Salame, afirmou que está animado para colocar a empresa no local, indicando que deverá trabalhar em estreita colaboração os reguladores.

Vale lembrar que a Binance, grande concorrente da FTX, se prepara para anunciar sua sede em breve, após pressões dos reguladores sobre o negócio.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Celular com aplicativo do PayPal, dinheiro digital

PayPal diz que brasileiros estão prontos para abrir mão do dinheiro físico

Uma pesquisa liberada pelo PayPal nesta segunda-feira (18) indica que os brasileiros estão prontos para abrir mão do dinheiro físico, também chamado de "em...
Encontro marcado pelo Tinder Bitcoin

Apaixonado do Tinder perde R$ 10 milhões em Bitcoin após cair em golpe

Um caso relatado pela Sophos mostra um esquema que começa em aplicativos de encontro, como Tinder, e acaba com corações partidos e carteiras vazias....
Ethereum RIP

Usuários de Ethereum pagaram R$ 5,5 bilhões em taxas nos últimos 30 dias

Segundo estatísticas apresentadas pelo Token Terminal, os usuários de Ethereum pagaram cerca de 1 bilhão de dólares em taxas nos últimos trinta dias. O...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias