Funcionários da ATLAS QUANTUM deletam empresa do perfil no Linkedin

Em alguns casos os usuários excluíram o perfil inteiro na rede social. Outros mudaram o nome da Atlas para 4CADIA.

-

Siga no
Atlas Quantum
Atlas. Foto Renata Santos, Livecoins
Anúncio

Matéria atualizada em 12/09/2019 às 17:43


De acordo com informações do site RADAR BTC, funcionários da Atlas Quantum estão deletando a empresa de seus perfis do Linkedin. Em alguns casos o usuário voltou com a informação sobre a empresa.

A ação acontece poucas semanas depois da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) proibir a Atlas de oferecer investimentos em Bitcoin sem autorização da autarquia.

Anúncio

A Atlas está com atrasos de pagamentos que vem preocupando investidores. Várias reclamações estão aparecendo no Reclame Aqui e alguns investidores já começaram a procurar a justiça para receberem seus fundos de volta.

O LinkedIn é uma rede social para uso profissional. Em poucas palavras, se trata de um “currículo online” no qual o usuário expõe sua experiencia profissional.

Um levantamento feito pela equipe do Radar BTC descobriu que pelo menos 10 funcionários ou ex-funcionários excluíram a informação que trabalharam na Atlas de seus perfis na rede social.

Em alguns casos os usuários chegaram até mesmo a apagar todo o perfil da rede. Uma atitude considerada extrema.

Alguns usuários também alteraram a empresa Atlas para a 4CADIA, segundo fontes, se trata de um projeto da Atlas que estava em desenvolvimento.

Como na internet nada se apaga, centenas de prints de perfis relacionados a Atlas foram feitos nas semanas anteriores, esses prints estão agora sendo compartilhados em grupos de Whatsapp. No momento da redação desta matéria, a lista contava com pelo menos 12 pessoas que já teriam excluído a informação de seus perfis.

A lista possuí diretores, funcionários de compliance, marketing, advogados, desenvolvedores e outros cargos. A fase difícil que a Atlas enfrenta pode ser o motivador dessas exclusões.

Hoje a Atlas anunciou a demissão de 4 diretores, dos quais, um já deletou seu perfil no Linkedin. De acordo com informações do próprio Linkedin, pelo menos 30 funcionários deixaram a empresa nos últimos 2 meses.

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Leia mais sobre:
Mateus Nunes
Mateus Nuneshttps://livecoins.com.br
Analista de Sistemas, aprendiz e entusiasta de criptomoedas e blockchain. Sugestão de pauta: [email protected]

Leia mais

Hacker. Imagem: Cortesia Pixabay

Corretora de criptomoedas perde R$ 1 bilhão após ser hackeada

A KuCoin, uma das maiores corretoras de criptomoedas do mundo perdeu US $ 200 milhões (R$ 1.1 bi) após ser hackeada. O ataque aconteceu...

Grande banco dos EUA é acusado de participação em golpe com criptomoedas

O esquema de pirâmide OneCoin foi o maior esquema ponzi recente, sumindo com bilhões de clientes, levando a prisões e até mesmo a uma...
hathor

Primeira exchange a listar a brasileira Hathor HTR

A tecnologia brasileira da blockchain Hathor vem chamando cada vez mais atenção da comunidade global e já entrou nos Estados Unidos e na Ásia,...

Últimas notícias

Grande banco dos EUA é acusado de participação em golpe com criptomoedas

O esquema de pirâmide OneCoin foi o maior esquema ponzi recente, sumindo com bilhões de clientes, levando a prisões e até mesmo a uma...

Primeira exchange a listar a brasileira Hathor HTR

A tecnologia brasileira da blockchain Hathor vem chamando cada vez mais atenção da comunidade global e já entrou nos Estados Unidos e na Ásia,...

Blockchain é o futuro do Twitter, afirma Jack Dorsey

O CEO do Twitter, Jack Dorsey, participou nessa sexta-feira (25) do Oslo Freedom Forum 2020. Durante a conversa, Jack deixou claro que a tecnologia...