Golden Cross do Bitcoin voltou, mas o que isso significa?

Padrão técnico costuma movimentar mercado e levar preços para alta.

Siga no
Dedos cruzados e Bitcoin Golden Cross
Dedos cruzados e Bitcoin

A Golden Cross, ou Cruz Dourada, foi novamente pintada nos gráficos do Bitcoin, podendo indicar um novo movimento de alta no mercado.

Um dos traders de Bitcoin no Brasil, Allan Raicher, já havia previsto este movimento no mercado desde o mês de agosto, deixando claro que a Cruz Dourada poderia aparecer entre os dias 14 e 15 de setembro.

Ao confirmar o movimento, o trader lembrou que o mercado poderá ver uma volatilidade anormal, pedindo que os negociantes de Bitcoin se mantenham atentos.

“Aqui está ela, senhoras e senhores. A Cruz Dourada. Bitcoin bull mania para este ciclo está prestes a começar. Aperte o cinto e esteja preparado para alguma volatilidade louca.”

O trader ainda lembrou que esta Golden Cross é apenas a sétima na história do Bitcoin, que já não cabem mais em uma única tela gráfica.

Para os adeptos da numerologia, vale o destaque, o número sete é importante, especial e pode até representar o equilíbrio. Ou seja, além dos padrões técnicos, o movimento de preços do Bitcoin segue acompanhado até por teorias de adivinhação.

Mas o que significa uma Golden Cross no preço do Bitcoin?

Em uma análise gráfica de preços, traders costumam analisar as médias móveis em suas operações. É comum então a análise da média móvel de 50 e 200 períodos, que podem apresentar assim uma cruz dourada.

Na verdade, quando a média móvel de 50 períodos cruza com a de 200, esse é o movimento chamado Golden Cross, tanto no Bitcoin, quanto em outros ativos.

Quando a média de 50 vai acima da de 200 no cruzamento, isso indica que um rally de preços em um momento de alta pode estar próximo, e é justamente isso que aconteceu no Bitcoin nas últimas horas.

É claro que os traders utilizam o cruzamento de médias para detectar tendências, mas é comum o uso de mais indicadores técnicos para reforçar os momentos, além da análise do próprio volume de negociações no mercado.

Após a Golden Cross, o preço do Bitcoin acabou valorizando 4%, cotado nesta quarta-feira (15) em US$ 47.500,00. No Brasil, cada BTC voltou a se aproximar de R$ 250 mil, indicando a confiança do mercado após algumas semanas de queda.

Para o trader Allan Reicher, o último desafio do Bitcoin agora é na média de 77 períodos, na cotação do Bitcoin em US$ 47.800,00, que caso rompida por ajudar ainda mais no sentimento otimista.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Moeda Shiba Inu

Shiba Inu dispara com negociações na Coinbase sendo habilitadas

O preço da Shiba Inu disparou nesta sexta-feira (17), após a Coinbase abrir negociações da moeda rival da Dogecoin. Há alguns meses, as chamadas criptomoedas...
Elon Musk fundo azul

Elon Musk menciona que “Crypto” é sua palavra de segurança

Em uma nova referência a prática de BDSM, Elon Musk mencionou que "Crypto" é a sua palavra de segurança. Em dezembro, o CEO da...

FBI alerta para crescimento de golpes românticos envolvendo criptomoedas

O FBI, a polícia federal dos Estados Unidos, emitiu um alerta para o crescimento dos golpes românticos envolvendo criptomoedas nos últimos meses. Com o crescimento...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias