Golpe com Bitcoin usava contas em bancos digitais, PC prendeu líder

Homem foi preso pela polícia no interior de São Paulo.

-

Siga no
Polícia Civil prende homem em Araçatuba no interior de São Paulo
Polícia Civil prende homem em Araçatuba no interior de São Paulo - Reprodução/SBT
Anúncio

Um golpe inovador teria sido aplicado por um homem no interior de São Paulo nesta quarta (3), usando bancos digitais e Bitcoin. A Polícia Civil já estava monitorando o caso e efetuou uma prisão em Araçatuba, interior de São Paulo.

De fato, o possível golpe já estava sendo monitorado pelas instituições financeiras do Brasil, que estavam desconfiadas da ação de um CPF associado a várias transações bancárias. Além disso, em uma investigação da PC-SP, o caso teria ficado mais claro após o levantamento de informações.

O principal suspeito era um empresário, dono de uma loja de calçados e de uma empresa que supostamente operava com criptomoedas. O suspeito teria envolvido a esposa e até as filhas menores de idade em seus golpes, ao que o delegado que apurou o caso chamou de maldade.

Anúncio

Valter de Paula Petenati foi preso pela Polícia Civil de São Paulo aplicando golpes com Bitcoin
Valter de Paula Petenati foi preso pela Polícia Civil de São Paulo aplicando golpes com Bitcoin – Reprodução/Globoplay

Golpe com Bitcoin usava contas em bancos digitais com informações roubadas de possíveis investidores, Polícia Civil prendeu principal suspeito de quadrilha

A Polícia Civil do estado de São Paulo, com apoio do GOE de Araçatuba, cidade do interior de São Paulo, encerrou mais um golpe nesta quarta (3). De acordo com as investigações, Valter de Paula Petenati era conhecido por ser um “minerador de cadastros“, ou seja, especialista em conseguir informações das pessoas.

Valter oferecia serviços para idosos, principalmente, para ajudar em aberturas de contas bancárias. Quando a ajuda era oferecida, Valter conseguia acesso às informações dos idosos e as utilizava para realizar a abertura de contas em bancos digitais.

Perfil de suspeito no Twitter tinha capa da pirâmide financeira Unick Forex
Perfil de suspeito no Twitter tinha capa da pirâmide financeira Unick Forex – Reprodução

Após criar contas e pedir limites de crédito, que normalmente eram aprovadas, Valter transferia os valores para sua conta. Seu CPF foi detectado como suspeito por um banco, que teria ligado o alerta para Valter e bloqueado seu documento. Ao ter documento bloqueado, entretanto, o possível golpista passou a criar contas em nome da esposa.

Contudo, o CPF da esposa também foi bloqueado após uma série de transações suspeitas. Neste ponto, o homem criou contas para suas duas filhas, menores de idade, para continuar a dar golpes, que teria chegado em até R$ 1 milhão. Em apenas um dos bancos, Valter teria dado um golpe de R$ 500 mil utilizando a técnica de mineração de cadastros.

“Ele pegava os dados de possíveis investidores de Bitcoin para criar contas em bancos digitais. Até pedia para tirarem fotos (selfies) segurando documentos”, explicou delegado que apura caso desde fevereiro

Delegado da Polícia Civil, Fábio Daré explicou funcionamento do golpe com Bitcoin que usava bancos digitais
Delegado da Polícia Civil, Fábio Daré explicou funcionamento do golpe com Bitcoin – Reprodução/Globoplay

População idosa está na mira de golpistas

Ainda que o golpe iniciado por Valter tenha começado em novembro de 2019, o caso evidencia um problema grave: a população idosa é alvo de golpistas. Passando confiança e oferecendo ajuda para realizações de investimentos em moedas digitais, Valter teria conseguido levar até R$ 1 milhão deste golpe.

Em apenas um dos bancos, o golpe teria alcançado a marca de R$ 500 mil, segundo as investigações da Polícia Civil. Em nota da Polícia Civil afirma que a operação contou com apoio da Delegacia de Proteção ao Idoso. Após a prisão em Araçatuba, Valter foi encaminhado para a capital do estado, São Paulo (SP).

Com o apoio de agentes da 1ª Delegacia de Proteção ao Idoso (Decap), do Grupo de Operações Especiais e da Divisão Especializada de Investigações Criminais de Araçatuba (Deinter 10), os policiais prenderam um homem durante o cumprimento de mandados de prisão e de busca e apreensão contra uma quadrilha especializada em estelionatos com foco em vítimas idosas.

Além disso, Valter teria criado uma “Vakinha” pela internet, pretendendo arrecadar R$ 25 mil para uma suposta cirurgia bariátrica. Não fica claro se a vaquinha era mais um golpe tentando ser aplicado pela internet.

Valter José de Paula tentou angariar fundos para suposta cirurgia bariátrica
Valter José de Paula tentou angariar fundos para suposta cirurgia bariátrica – Reprodução/Vakinha

O caso expõe os riscos que a população idosa enfrenta ao buscar investimentos e confiar seu dinheiro e informações na mão de terceiros. A Polícia Civil aprendeu vários itens e cumpriu cinco ordens judiciais em Araçatuba e região.

Foram cumpridas cinco ordens judiciais, que além da prisão de um dos suspeitos, gerou na apreensão de diversos objetos relacionados com os crimes cometidos pelo grupo. Dois veículos, adquiridos através da prática ilícita, também foram apreendidos.

O que é o Bitcoin e como investir com segurança?

O Bitcoin (BTC) é uma moeda digital que funciona em todo o mundo, permitindo realizar transações quase que instantâneas a qualquer momento do dia. Como passou por uma imensa valorização nos últimos anos, ganhou fama e teve sua imagem vinculada a golpes, não por sua culpa é claro.

Para quem desejar investir em Bitcoin com segurança, o melhor caminho é certamente o estudo. O site Bitcoin.org, oficial do projeto, possuí uma série de tutoriais e textos explicando a tecnologia, que devem ser lidos por quem deseja conhecer mais sobre o assunto.

Qual o significado de Bitcoin
Qual o significado de Bitcoin

Se te pedirem para criar uma conta em bancos digitais para comprar Bitcoin, desconfie, pode ser mais um golpe. O Bitcoin nasceu para substituir os bancos, logo, o que Valter supostamente fazia é uma situação, no mínimo, estranha.

Por fim, um dos lemas da comunidade Bitcoin é “não confie, verifique“, e isso deve ser uma das principais lições a ser aprendidas por quem deseja conhecer essa excepcional moeda digital.

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Leia mais sobre:
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Carvão e tecnologia blockchain

Minas Gerais lança projeto blockchain para controle de carvão

O carvão é considerado um dos principais recursos naturais para obtenção de energia no mundo. Dessa forma, um dos estados que o produz no...

Investidores se confundem e compram criptomoeda errada que valoriza 500.000% com confusão

Recentemente o projeto Uniswap (UNI) tem ganhado muito a atenção dos investidores, principalmente após ter sido listado na Coinbase, a maior corretora de bitcoin...
Hacker segurando criptomoeda Bitcoin

Grupo de hackers atacavam gamers para roubar Bitcoin

Um grupo de hackers baseado na China atacavam vários gamers em um elaborado plano. As autoridades que investigavam o grupo aponta que há anos...

Últimas notícias

Investidores se confundem e compram criptomoeda errada que valoriza 500.000% com confusão

Recentemente o projeto Uniswap (UNI) tem ganhado muito a atenção dos investidores, principalmente após ter sido listado na Coinbase, a maior corretora de bitcoin...

Grupo de hackers atacavam gamers para roubar Bitcoin

Um grupo de hackers baseado na China atacavam vários gamers em um elaborado plano. As autoridades que investigavam o grupo aponta que há anos...

Doações de Bitcoin começam a chegar para combater queimadas no Pantanal

Algumas doações em Bitcoin começam a chegar para apoiar o combate às queimadas no Pantanal. O dinheiro está sendo arrecadado em uma campanha pela...