Hackers invadem site do governo da Argentina e ameaçam vazar 50GB de dados

Foram cerca de 50 GB de dados oficiais roubados do principal portal do governo. Recentemente o país já havia sido alvo de um ataque semelhante. No Brasil, segurança cibernética também foi testada.

Siga no
Buenos Aires Argentina Hackers Criptomoedas Ransomwares
Imagem de julian zapata

Vários países da América Latina seguem perseguidos por ataques cibernéticos, principalmente com os chamados ransomwares. O novo caso de ataque seria uma invasão ao site oficial do Governo da Argentina.

Recentemente, conforme informado pelo Livecoins, os dados roubados da imigração Argentina foram publicados na deep web. O caso foi uma grave violação nos sistemas, alvo de um ataque hacker extremamente perigoso hoje.

De qualquer forma, vários países latino-americanos enfrentam ameaças hoje. Segundo um levantamento da Kaspersky, os brasileiros são alvo de quase metade dos ransomwares na América Latina.

Recentemente a invasão ao Superior Tribunal de Justiça também deixou consequências graves ao país. Ao que parece, a Argentina agora terá que lidar com a grave ameaça.

Hackers invadem site oficial do Governo da Argentina e fazem ameaças de vazamento

Um novo caso de ataque hacker chama atenção na Argentina, dois meses após o último. Em setembro deste ano, o setor de imigração do país teve os dados roubados e vazados na deep web.

Agora, o site oficial do Governo da Argentina, principal ferramenta de comunicação teria sido invadido. Os responsáveis pelo ataque são hackers ligados ao ransomware REVil, um dos mais nocivos no mundo hoje.

No mês de agosto, o hackers haviam invadido a empresa que produz o uísque Jack Daniel’s, capturando 1 terabyte de dados. Contudo, na época os hackers não conseguiram criptografar os dados da empresa, apenas baixando os dados.

No caso da Argentina, o site oficial do país continua funcionando hoje, segundo levantamento do Livecoins. Os dados capturados, entretanto, cerca de 50 Gigabytes de acordo com os hackers, serão vazados caso o governo não inicie as negociações em sete dias.

Imagem compartilhada por hackers contendo dados do Governo da Argentina
Reprodução/Twitter

O único problema em negociações assim são as garantias que os hackers irão apagar e não vazar os dados. Além disso, há uma preocupação global que aponta que o pagamento a hackers de ransomware estimule suas atividades.

A empresa que detectou o vazamento, a Dark Tracer, não informou quando o ataque foi realizado. Publicamente, o governo da Argentina ainda não comentou sobre o possível ataque hacker aos seus sistemas.

Escritório de advogados de Brasília também foi alvo do mesmo ransomware

Os hackers que atuam por trás do REVil também atuaram no Brasil nos últimos dias. Ao atacar um site de um escritório de advogados de Brasília (DF), os hackers também fazem ameaças de vazar dados.

No momento da escrita desta matéria, o site que possivelmente foi alvo do ataque estava fora do ar. Os hackers ameaçam vazar até o e-mail do CEO do escritório e dos clientes na deep web.

O Livecoins tentou contato com os responsáveis pelo escritório via telefone, pois o e-mail poderia estar comprometido, mas não houve sucesso. O espaço está aberto caso o escritório queira relatar a situação.

Escritório de advogados de Brasília é atacado por ransomware REVil
Escritório de advogados de Brasília supostamente atacado por ransomware REVil – Reprodução

Recentemente, o ataque hacker ao STJ foi o caso mais emblemático do Brasil, contando com apoio da PF e até do exército para restaurar os serviços. De qualquer forma, os casos mostram que a segurança cibernética segue sendo testada na América Latina.

Entre as dicas para evitar ser pego por um ransomware, enfim, estão aquelas como evitar clicar em links suspeitos e baixar arquivos de sites desconhecidos. Manter todos os sistemas atualizados, utilizar softwares originais e capacitar as equipes em segurança cibernética também é fundamental.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Meme dogecoin que circula nas redes.

Mercado cripto sofre uma das maiores quedas já vistas, Dogecoin sobe

As últimas 24 horas foram um pesadelo para alguns investidores em criptomoedas. A primeira moeda a sentir a queda foi o Bitcoin, que perdeu mais...
Mina carvao

Taxa de hash do Bitcoin cai após acidente em mina de carvão na China

O hashrate do Bitcoin caiu cerca de 40% nas últimas 24 horas, de mais de 180 petahashes por segundo para cerca de 105 Ph/s....

Bitcoin desaba com desligamento de mineradoras chinesas e preocupações regulatórias

O Bitcoin despencou mais de 15% neste domingo (18), para cerca de US $ 51 mil, depois de ter alcançado um marco de US...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias