IOTA e Dell lançam projeto, preço da moeda dispara

União de três empresas grandes de tecnologia pode ser um movimento importante para empresas.

Siga no
Iota Livecoins
Iota

A criptomoeda IOTA e a empresa Dell lançaram o projeto Alvarium, produzido para medir a confiança dos dados. Com o anúncio, o preço da moeda disparou nas corretoras, voltando a ultrapassar US $1 por unidade.

Desde 2018, a IOTA atravessou uma forte desvalorização no mercado, mas o projeto não estava parado, e acabou fechando uma parceria importante com a Dell em 2019.

Naquele ano, a empresa havia lançado o projeto Data Confidence Fabric, que pretendia medir dados na era da informação. Com a chegada da criptomoeda, o projeto foi totalmente remodelado com a IOTA Streams, ganhando escalabilidade e segurança.

Em nota, a IOTA afirma que a solução deverá ajudar na tomada de decisões em empresas. Em parte da inovação, a Intel também ajudou a Dell e IOTA com o Alvarium.

IOTA e Dell lançam projeto Alvarium, que promete ajudar empresas na gestão de dados

O mundo atravessa um momento fundamental para a adoção de novas tecnologias. Com a chegada da pandemia então, os negócios aceleraram suas estratégias rumo ao setor digital.

Contudo, um problema comum dessa adoção a tecnologia é a confiança nos dados recebidos. Com a necessidade de se tomar decisões cada vez mais rápidas e confiáveis, a Dell buscou inovar com uma plataforma que avalia a qualidade dos dados, antes do seu uso por gestores.

A IOTA é parte desse processo, com a sua tecnologia chamada IOTA Streams, criando assim o projeto Alvarium. Lançado nesta quinta-feira (11), com às duas empresas em conjunto, é esperado que o setor de tecnologia garanta mais confiança nos dados utilizados em sistemas.

“O sistema registra diferentes etapas na jornada de cada ponto de dados, conforme ele viaja de uma borda ou sensor de dispositivo IoT, para um roteador, para um servidor de borda e para a nuvem. Cada interação recebe uma classificação de confiança, uma pontuação, de acordo com os requisitos específicos do setor. É importante ressaltar que essas pontuações são registradas no IOTA Tangle para garantir a integridade e evitar violação”, afirmou a IOTA em nota.

Segundo o anúncio, a nova plataforma é uma prova de que a confiança pode ser medida. Como exemplo, uma vacina contra a COVID-19, caso usasse a plataforma, poderia ser acompanhada desde a origem na produção até a sua aplicação.

Transparência dos dados é fundamental para organizações, afirma VP da Dell

Parceira da IOTA no projeto Alvarium, a Dell comentou que o lançamento é importante. De acordo com o Vice-presidente de Inovação de Dados da Dell, Steve Todd, a transparência dos dados é fundamental para as empresas.

“A confiança dos dados é necessária para gerenciar os dados em escala, criando sistemas de confiança nesses dados para que os usuários em todos os níveis entendam os termos de uso. O Projeto Alvarium criará essa transparência, e quanto mais empresas a integrarem em seus processos e sistemas, mais perto chegaremos a um futuro sem ambiguidade de dados”, afirmou Todd

Com a solução, a Intel, outra gigante de tecnologia, se uniu ao Alvarium para testar projetos pilotos. Vários negócios já estariam interessados em testar a aplicação, que pode ser um importante marco na usabilidade da rede IOTA.

“A demonstração DCF da Dell Technologies e IOTA é um importante ponto de prova da indústria no potencial para medir a confiança no Edge”, acrescentou Paul O’Neill, Diretor Sênior de Desenvolvimento Estratégico de Negócios do Grupo de Computação Confidencial da Intel.

Por fim, Dominik Schiener, cofundador da Fundação IOTA, afirmou que o momento do lançamento é ideal. De acordo com ele, com o crescimento do uso digital, é fundamental garantir a segurança dos dados.

Com projeto lançado, preço da MIOTA sobe em corretoras

No dia 24 de fevereiro, a Dell, Intel e IOTA farão uma demonstração pública do projeto Alvarium. Dessa forma, as empresas interessadas na solução poderão tirar dúvidas sobre o funcionamento da tecnologia.

Com essa união de grandes empresas com a criptomoeda, o preço da MIOTA valorizou em corretoras pelo mundo. Uma barreira de preços psicológica da moeda, em US$ 1 por unidade, acabou sendo quebrada nesta quinta.

A IOTA, que chegou a ser cotada em US$ 1,30 hoje, segue cotada em US$ 1,18 com a alta. Cabe o destaque que desde julho de 2018 a moeda não alcançava essa cotação no mercado.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Criptomoeda Ethereum ao lado do Bitcoin

Mineradores de Ethereum estão lucrando mais que os de Bitcoin

Os mineradores de Ethereum estão lucrando mais que os de Bitcoin, de acordo com dados divulgados por um estudo do The Block. A mineração de...
Criptomoeda Bitcoin sobre notas de Dólar dos Estados Unidos

46 milhões de americanos investiram em criptomoedas, aponta pesquisa

O número de pessoas que já compraram criptomoedas nos Estados Unidos tem aumentado nos últimos anos. De acordo com um novo levantamento, 46 milhões...
Globo Hashdesh coinbase

Globo e Coinbase investem em empresa brasileira de criptomoedas

A Rede Globo - sim, a maior emissora do Brasil e a segunda maior do mundo - por meio do seu braço de investimentos Globo...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias