Minerador de criptomoedas é morto após tentar impedir roubo de equipamentos

Não se sabe também se o grupo acusado de tentar o roubo estava apenas interessado em roubar o equipamento ou se a ação faz parte das tensões anti-mineração que afetam o estado separatista.

Siga no

A mineração de criptomoedas tem sido ponto de discussão e preocupações em diferentes países, mas em alguns lugares a situação ficou crítica. Na Abecásia, um estado separatista parcialmente reconhecido próximo da Geórgia, um combate entre grupos armados resultou na morte de uma pessoa que foi alvejada durante um ataque à uma fazenda de mineração.

Na região, onde quedas de energia tem se tornado um problema cada vez maior, a mineração de criptomoedas tem sido um dos grandes vilões. Mas muito além das legislações e de proibições oficiais, por lá, a própria população está se unindo para invadir e expulsar fazendas de mineração de diferentes cidades e vilas.

Conflitos

A situação na região está sendo considerada como anárquica, com dificuldade das autoridades para controlar os conflitos. Em um deles, entre moradores e mineradores de criptomoedas, uma pessoa foi morta por “ferimentos causados por metralhadora”, demonstrando o quanto a situação está complicada.

De acordo com o as notícias, o atirador e “muitas outras pessoas” são ligadas a um grupo de mineradores que estavam tentando “proteger os equipamentos de mineração de uma tentativa de assalto.”

De acordo com os procuradores do caso, o incidente aconteceu no dia 20 de outubro, por volta das 23h30. A acusação afirma que cinco homens, três armados como “Rifles de assalto Kalashnikov” e dois com “Pistolas Marakov” obtidas ilegalmente, foram até a vila de Aatsy em terreno de um dos membros do grupo para “tentar impedir o roubo de equipamentos de mineração de criptomoedas”.

Cinco pessoas estavam no grupo que tentou roubar os equipamentos. Os relatórios não mencionam se o grupo de supostos ladrões estavam armados ou não, mas o grupo de vigilantes eventualmente disparou contra o grupo rival.

Um homem foi acusado de homicídio, com o Escritório do Promotor Geral de Abecásia afirmando que, de acordo com os investigadores, o acusado “tinha total noção do perigo de suas ações quando ele disparou sua arma de uma curta distância contra a vítima.”

Não se sabe também se o grupo acusado de tentar o roubo estava apenas interessado em roubar o equipamento ou se a ação faz parte das tensões anti-mineração que afetam o estado separatista.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.

CEO da Binance se torna o chinês mais rico do mundo, diz site

Changpeng “CZ” Zhao, o famoso CEO da Binance, é um nome muito importante dentro do criptomercado e até mesmo na economia como um todo....
Criptomoeda do Facebook Diem e Libra

Facebook não vai mais proibir propagandas de criptomoedas

Desde o final da alta das criptomoedas em 2017 o Facebook e outras redes sociais limitaram ou até proibiram propagandas e conteúdo patrocinado sobre...

Homem é abordado na rua e obrigado a transferir bitcoins para assaltantes

Os crimes no criptomercado podem acontecer de diferentes maneiras, desde os roubos realizados em golpes digitais até mesmo roubos físicos. A polícia de São...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias