O preço do bitcoin caiu, mas o pior ainda pode acontecer

Criptomoeda vive desvalorização que acende alerta para venda antes de outra queda de preço.

Siga no

O preço do bitcoin deixou de acumular grandes valorizações. Após viver meses de aumento, a criptomoeda enfrenta uma dura queda no mercado. Indicadores apontam que este seria o momento para a venda de bitcoin.

O mercado vive momentos de inconsistência desde os últimos dias de maio de 2019. Desde a última sexta-feira, uma desvalorização geral assolou praticamente todas as criptomoedas, inclusive o bitcoin.

Com pouca previsão de recuperação em um curto período, o mercado sinaliza que pode ser a hora de vender os bitcoins, para fugir de uma possível queda ainda maior.

O pior poderá fazer o bitcoin cair ainda mais

O preço do bitcoin caiu mais de 12% recentemente. Algumas suposições foram apontadas para a queda que surpreendeu o mercado. Por mais que uma correção fosse aguardada, a brusca queda levantou alertas no mercado.

Após chegar em US$ 9.000,00, o preço do bitcoin caiu terrivelmente para menos de US$ 7.500,00. Atualmente a criptomoeda está sendo negociada por volta de US$ 7.800,00 no mercado.

Sem previsões de aumento para o preço do bitcoin, a criptomoeda poderá continuar a cair. A criptomoeda precisa de reverter a curta tendência de queda vivenciada nos últimos dias. Caso isso não aconteça, a desvalorização do bitcoin deverá ser ainda maior. Indicadores do mercado já revelam sugestão de venda da criptomoeda, prevendo que uma desvalorização está para acontecer.

O que aconteceu com o preço do bitcoin?

O ano de 2019 parecia promissor para o bitcoin. O inquestionável desempenho da criptomoeda fez com que um acúmulo de mais de 130% fosse registrado nos últimos meses. Após viver semanas consecutivas de valorização, finalmente o preço do bitcoin caiu.

O mercado sempre espera por uma correção após uma longa valorização. Porém, o preço do bitcoin viveu semanas de valorização sem sofrer nenhuma correção. A recente queda no preço da criptomoeda pode significar uma dura correção em todo o mercado. Mas, essa desvalorização também pode significar que coisas piores estão por vir.

De pouco mais de US$ 3.000,00, o preço do bitcoin saltou para tocar os US$ 9.000,00 nos últimos “dias de glória” da criptomoeda. Dias que terminaram no final de maio e que não foram ainda registrados em junho. O bitcoin segue em baixa e parece ter pouca força para empenhar uma nova onda de valorização.

Baleia foi a culpada pela baixa da criptomoeda

O preço do bitcoin caiu US$ 800 em apenas duas horas. Isso aconteceu supostamente após a movimentação de uma baleia, um investidor que possui milhares de unidades de bitcoin. Foram 25 mil unidades da criptomoeda, lançadas em ordens de venda na Coinbase.

A venda teria feito o preço do bitcoin ruir nos últimos dias. A suposta baleia recomprou as 25 mil unidades de bitcoin, mas levou consigo um lucro aproximado de US$ 10 milhões.

O evento aconteceu no mesmo momento em que o bitcoin acumulava uma enorme desvalorização. Sendo assim, isso corrobora para a teoria de influência da movimentação da baleia no preço do bitcoin no mercado.

Paulo Carvalho
Paulo Carvalho
Jornalista em trânsito, escritor por acidente e apaixonado por criptomoedas. Entusiasta do mercado, ouviu falar em Bitcoin em 2013, mas era que nem caviar, "nunca vi, nem comi, só ouço falar".
Bandeira da Nova Zelândia

Banco Central da Nova Zelândia é hackeado

Há uma semana, no domingo (10), o Banco Central da Nova Zelândia foi alvo de um ataque hacker que deixou graves consequências. As autoridades...
Corretora de Bitcoin e criptomoedas Binance

Binance abre inscrições para voluntários no Brasil

Quem busca empreender com criptomoedas ou mesmo ingressar nas comunidades brasileiras, uma oportunidade de aprendizado surgiu nos últimos dias. A Binance, a maior maior...

Uganda desliga internet, comércio de bitcoins para de funcionar

Na véspera das eleições presidenciais, o governo da Uganda bloqueou, sem avisar, a Internet de toda população. Isso ocorreu depois de os ugandeses contornarem...

Cotações por TradingView

Últimas notícias

Binance abre inscrições para voluntários no Brasil

Quem busca empreender com criptomoedas ou mesmo ingressar nas comunidades brasileiras, uma oportunidade de aprendizado surgiu nos últimos dias. A Binance, a maior maior...

Uganda desliga internet, comércio de bitcoins para de funcionar

Na véspera das eleições presidenciais, o governo da Uganda bloqueou, sem avisar, a Internet de toda população. Isso ocorreu depois de os ugandeses contornarem...

“Gaste o máximo que puder, e depois um pouco mais”, diz FMI aos governos do mundo todo

A diretora do Fundo Monetário Internacional (FMI), Kristalina Georgieva, prevê que pode levar até dois anos para que a economia global retorne aos níveis...

Biden começa campanha de marketing trilionária para o Bitcoin

Um dos principais motivos pelo qual o preço do Bitcoin valorizou mais de 300% em 2020 foi a iniciativa do Banco Central dos EUA...

“Bitcoin me fez perder a sanidade”, diz jovem que perdeu R$ 5.8M e agora depende de auxilio do governo para sobreviver

Em 2020 o Bitcoin certamente deixou muitos investidores felizes, várias pessoas tiveram seus investimentos valorizados em cerca de 400%. Aqueles que decidiram investir logo...