Pessoas usarão Bitcoin porque governos não terão opção

Entusiasta do Bitcoin que já trabalhou no setor bancário afirma que momento é preocupante e interessante ao mesmo tempo.

-

Siga no
Bitcoin é o dinheiro virtual
Bitcoin é o dinheiro virtual
Anúncio

Na medida em que a crise iniciada com a pandemia do novo coronavírus acirra, projeções de futuro na economia começam a ser traçadas. Para um ex-bancário, as pessoas eventualmente irão para o Bitcoin, uma vez que os governos não terão opção melhor para oferecer.

Crítico do modus operandi dos Bancos Centrais, que podem imprimir dinheiro pressionando a inflação, Simon Dixon é um ex-bancário que hoje trabalha contra os bancos. Durante a crise de 2008/09, Dixon afirmou que os culpados eram os bancos centrais, e depois disso procurou alternativas a esse sistema que julga corrupto.

Ao conhecer o Bitcoin, ainda no início da tecnologia, Simon apostou todas as suas fichas na moeda digital. Fundou uma empresa ligada ao Bitcoin em 2012, a BnkToTheFuture, que permite aos investidores tradicionais ficarem expostos à fintechs e criptomoedas.

Anúncio

Bitcoin BTC XBT
Bitcoin

Visionário do Bitcoin afirma que as pessoas correrão para o Bitcoin porque os governos não terão opção melhor

Os governantes foram pressionados por uma enorme crise em 2020, sem precedentes nos últimos anos. Nem a crise de 2008 se compara com a atual, uma vez que o mundo passa por um grave momento na área da saúde, com consequente declínio da atividade econômica.

Além disso, com o novo coronavírus, empresas frágeis não conseguirão se manter, e já clamam por dinheiro dos governos. Populações em desespero, pedem auxílios a classes políticas, que atendem os pedidos. Dessa forma, fica claro que vários países têm impresso mais dinheiro do que deviam, mesmo durante a crise.

De acordo com Simon Dixon, a impressão de dinheiro causa inflação nos mercados. Com uma alta taxa de desemprego, a inflação poderia causar um efeito ainda mais devastador na vida das pessoas durante a crise econômica de 2020. Cabe o destaque que a inflação corrói do poder de compra das pessoas, e quando aliada ao desemprego, o único caminho é, de fato, a fome e miséria.

Simon defende desde 2009, antes até de conhecer o Bitcoin, o fim das políticas de impressão de dinheiro feita por bancos centrais. O analista monetário afirma que os bancos centrais promovem esquemas de pirâmide financeira ao fazê-lo, e este é um modelo insustentável no longo prazo.

Pirâmide
Pirâmide

Contudo, recentemente apontou que uma ferramenta já foi criada para que as pessoas evitem participar dessa pirâmide. O Bitcoin seria a melhor solução para evitar a prática equivocada dos governos, que insistem em criar dinheiro inflando a base monetária.

Bancos Centrais irão criar aplicativo de dinheiro digital, esse será o primeiro passo para adoção do Bitcoin

Participando de um podcast com Lark Davis (The Crypto Lark), no último sábado (30), Simon Dixon voltou a afirmar que os bancos centrais são ineficientes. Apesar de julgar os bancos centrais como esquemas ponzi, Lark questionou Simon do porque as pessoas aceitam esse sistema.

Na visão de Simon, a corrupção desses agentes de governos é sistêmica e acaba por passar credibilidade. O CEO e fundador da BnkToTheFuture lembrou que na crise de 2008 as agências de classificação julgavam os créditos imobiliários como bons, mesmo sendo ruins, e o sistema acabou sendo descoberto.

A previsão de Simon é que os bancos centrais irão criar suas próprias moedas digitais em aplicativos para aumentar a quantidade de auxílios para a população. Dessa forma, terão autoridade sobre os gastos das pessoas, que não terão mais controle sobre seu próprio dinheiro e nem privacidade para gastar sem ser vigiado.

Essa visão o assusta e seria a última opção para controlar a crise que os governos teriam em suas mãos. Para fugir disso, Simon afirmou que está com um portfólio construído em Bitcoin, Dólar Tether, Ethereum e tokens de corretoras. Esse seria na sua visão, a melhor forma de investir no crescimento do mercado de criptomoedas, fungindo dos bancos centrais.

No Brasil, pessoas já recebem auxílio emergencial em aplicativo próprio e países começaram a criação de uma moeda digital

No Brasil, as “previsões” feitas por Simon Dixon já começam a se tornar realidade. Isso porque, o Banco Central do Brasil já começou a imprimir dinheiro por um aplicativo próprio para pagar os auxílios emergenciais da população.

O aplicativo “Caixa Tem” foi uma alternativa colocada em prática, que se aproxima do relato feito por Simon e que o preocupa. Quem recebe o auxílio emergencial (coronavoucher) no Brasil hoje, tem que obrigatoriamente usar essa ferramenta para acessar o dinheiro do governo.

Aplicativo Caixa Tem é a única maneira de receber o auxílio emergencial
Aplicativo Caixa Tem é a única maneira de receber o auxílio emergencial – Reprodução

Além disso, nos últimos meses, a China já começou a trabalhar forte em sua versão de moeda digital. Ou seja, tudo que o Simon Dixon relatou, já estaria sendo colocado em prática no Brasil e no mundo.

Por fim, o entusiasta acredita que os governos não darão outra opção para as pessoas ao não ser correr para o Bitcoin. A moeda digital seria a única maneira de ter um dinheiro livre, com maior privacidade e menos corrupção.

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Leia mais sobre:
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Leia mais

Investimento em prejuízo no Brasil

Investimento mais conservador do Brasil dando prejuízo

Muitos que procuram investir nas criptomoedas, como Bitcoin, por exemplo, acreditam que a moeda oferece grandes riscos como reserva de valor. Mas na pandemia...
Bitcoin é a maior moeda digital do mundo

Como a crise ajudou na popularização do Bitcoin?

Com a notícia da pandemia do coronavírus todo o mercado de investimentos tradicional e digital foi impactado com a notícia. Sendo assim, as criptomoedas...

Influenciadores do TikTok receberam R$ 2.7 milhões promovendo golpes

Alguns criadores de conteúdo do TikTok estavam promovendo aplicativos com Adwares e Cavalos de Tróia embutidos. O dinheiro arrecadado pelos influenciadores com a promoção...

Últimas notícias

Binance Webinar em Português fala sobre game baseado em Bitcoin

A Binance organizou um evento para a próxima quinta-feira no Brasil. O webinar da Binance, em português, falará sobre games e cripto, fazendo a...

Como a crise ajudou na popularização do Bitcoin?

Com a notícia da pandemia do coronavírus todo o mercado de investimentos tradicional e digital foi impactado com a notícia. Sendo assim, as criptomoedas...

Influenciadores do TikTok receberam R$ 2.7 milhões promovendo golpes

Alguns criadores de conteúdo do TikTok estavam promovendo aplicativos com Adwares e Cavalos de Tróia embutidos. O dinheiro arrecadado pelos influenciadores com a promoção...