“PIX da Argentina” começa hoje e declara guerra ao dinheiro

Comunidade de criptomoedas local teme pela falta de privacidade da nova iniciativa.

Siga no

Começa nesta segunda-feira (7) a funcionar o sistema “PIX da Argentina”, chamado de Transferências 3.0. Além disso, um diretor do Banco Central local declarou guerra ao dinheiro.

Assim como o PIX do Brasil, o novo sistema pretende que o país migre para o formato digital. A busca pelas transações digitais estão sendo vistas em vários países, sendo um dos destaques a China.

No que depender do Banco Central da República Argentina (BCRA), o novo sistema deverá incluir pessoas no sistema financeiro. O país espera que as pessoas de fato usem o sistema de pagamentos digitais, semelhante ao brasileiro.

No entanto, nem todos estão vendo com bons olhos a iniciativa. Com uma das maiores inflações do mundo, o peso argentino é uma das moedas que mais perdeu valor em 2020.

Transferencia 3.0, material promocional Banco Central Argentina
Transferencia 3.0, material promocional Banco Central Argentina

PIX da Argentina chega hoje e pretende reformar relação do dinheiro no país

Desde outubro de 2020 a população da Argentina espera por uma novidade nos pagamentos digitais. Chamada de Transferências 3.0, a solução seria uma forma de levar o acesso financeiro a mais pessoas do país.

E em uma apresentação recente do sistema, o diretor do BCRA Carlos Hourbeigt, teria dito que o “dinheiro é o inimigo em comum”. De acordo com o CriptoNoticias, o diretor teria feito a declaração na Câmara Argentina de Fintech.

De qualquer forma, a iniciativa chega ao país sul-americano quase um mês após o Brasil iniciar o PIX. As soluções possuem semelhanças, ao serem tecnologias centralizadas feitas pelos Bancos Centrais locais, com o propósito de levar as pessoas ao digital.

Assim como no Brasil, pelo menos no início, o PIX da Argentina também promete transferências grátis e instantâneas. O pagamento via QR Code em comércios também seria uma das facilidades da ferramenta.

Esse novo sistema argentino também promete abertura para fintechs concorrer com bancos. O sistema chega ao mercado em um ano em que a inflação da Argentina já é maior que 27% desde janeiro.

Na última semana, o congresso argentino aprovou o novo imposto sobre os ricos, caso que repercutiu pelo mundo. O “Transferências 3.0” poderia ajuda a controlar essa nova tributação dos mais ricos, sem escapatória assim.

Adesão do PIX no Brasil tem sido boa, mas população segue levando golpes e tendo privacidade exposta

A adesão ao PIX no Brasil está sendo boa, após cerca de 1 mês desde seu lançamento. Com mais de 100 milhões de chaves cadastradas, o Banco Central do Brasil comemorou na última semana o registro.

Contudo, assim como na Argentina, o PIX no Brasil é um assunto polêmico. Em relação à privacidade das pessoas, o Bacen pouco falou até então. Além disso, vários golpes usando o nome do PIX seguem acontecendo, dia após dia.

Esse pode ser o resultado de um lançamento as pressas, sem grandes informações compartilhadas com a população. A Argentina, inclusive, corre os mesmos riscos no país.

Em ambos os países sul-americanos, houve um intenso crescimento da adoção das criptomoedas em 2020. As respostas dos governos foram o lançamento de soluções digitais próprias, mas ainda plataformas cheias de dúvidas quando ao funcionamento.

Veja o vídeo de apresentação publicado pelo governo argentino:

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Deputado Estadual Gustavo Gouveia, em Pernambuco regular criptomoedas

Mais um estado brasileiro quer regular as criptomoedas com Projeto de Lei

Após um PL ser apresentado na Paraíba, mais um estado brasileiro quer regular as empresas de criptomoedas para prestar informações. Nos últimos dias, a Assembleia...
Jack Dorsey, CEO do Twitter e fã do Bitcoin

Empresa de CEO do Twitter quer minerar Bitcoin

A Square, empresa de Jack Dorsey listada na NYSE, quer minerar Bitcoin como estratégia de negócio. A informação foi compartilhada por Dorsey em seu Twitter,...
Pedro-Bial-Hashdex

Pedro Bial testemunha o poder transformador das criptomoedas em campanha da Hashdex

A Hashdex surgiu para democratizar os investimentos em criptomoedas, oferecendo produtos seguros e regulados para todos os investidores. Atuando como ponte entre o mercado...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias