Sebrae-SP quer levar 15 empresas de criptomoedas para Miami

Startups e fintechs estão convidadas a participar de chamada pública.

Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae)
Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae)

O Sebrae-SP quer levar até 15 empresas startups e fintechs para Miami, podendo essas atuarem com criptomoedas e blockchain. Para isso, as inscrições já estão abertas.

Miami é um dos principais locais do mundo a trabalhar com criptomoedas junto a sua população, incentivando inclusive o consumo com essas. Isso porque, o prefeito Fancis Suarez é fã declarado do Bitcoin e chegou a criar a MiamiCoin, pela rede Stacks, para que sua população tenha acesso à tecnologia.

Recentemente, o prefeito chegou a influenciar o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, que pretende colocar um percentual do tesouro da cidade maravilhosa em criptomoedas e criar a moeda Rio Crypto.

Sebrae-SP pretende levar empresas de criptomoedas para Miami

O Sebrae-SP está convidando empresas de base tecnológica, as famosas startups, para se unir a um evento em Miami, dando prioridade para aquelas do setor de criptomoedas e blockchain, saúde e biotecnologia.

O convite está sendo realizado apenas para empresas com sede em São Paulo, que já estejam criadas e consolidadas no mercado local, com produto validado. O fundador da startup a participar do evento deve ter ainda inglês fluente, habilidade de apresentar seu negócio e visto para entrada nos Estados Unidos validado.

Miami for Startups é promovido pelo Sebrae em São Paulo
Miami for Startups é promovido pelo Sebrae em São Paulo /Divulgação

Com relação ao faturamento anual, a empresa deverá comprovar faturamento entre R$ 380 mil e R$ 4,8 milhões, devendo ter entre 1 e 8 anos desde sua fundação. Caso todos os requisitos sejam preenchidos, a empresa está convidada a participar de um tour técnico imersivo em Miami, que terá duração de 8 dias, entre 16 e 23 de abril de 2022.

Desse modo, para se candidatar ao programa é necessário entrar em contato com o Sebrae-SP pelo e-mail connectmiami@sebraesp.com.br. Para esclarecer dúvidas, o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas divulgou um manual de inscrições que pode ser consultado pelos interessados.

Custos de visitas técnicas serão bancados pelo Sebrae-SP

Para ir até o evento a empresa deverá enviar um representante com despesas de hotel e passagem aérea e alimentação incluídos. Mas em Miami, o Sebrae-SP ajudará a custear a participação nos eventos eMerge Americas e Miami Tech Week.

Michel Porcino, responsável pelo Sebrae for Startups, que é um setor novo nessa entidade, destacou que Miami é um destino buscado por empresas de tecnologia do Brasil que querem expandir seus negócios, então essa é uma oportunidade.

“Miami tem se tornado um dos principais destinos de startups brasileiras que querem crescer nos Estados Unidos e na América Latina. Vamos facilitar esse caminho gerando conexões relevantes”.

Ainda em 2022, o Sebrae-SP em sua divisão de Startups espera fazer missões também em outros países, como Reino Unido, Portugal, México, Colômbia e Chile. Para empresas de criptomoedas, essas podem ser oportunidades de ter apoio para expandir suas redes de contatos e consequentemente seus negócios pelo mundo.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Últimas notícias