Stablecoins são culpadas pelo desempenho do Bitcoin em 2019?

Tether e companhia causando no criptomercado!

Siga no
bitcoin
bitcoin

Tanto para cima, quanto para baixo, o valor do Bitcoin em 2019 tem tido um desempenho interessante, podendo ser as stablecoins as culpadas pelo comportamento.

De fato, tais criptomoedas são pensadas para possuírem um valor fixo. Entretanto, estas têm se mostrado a maior fonte de liquidez para negociações envolvendo Bitcoin nas corretoras. A principal stablecoin atualmente é a Tether (USDT), que possui seu valor lastreado no Dólar.

Para analista, stablecoins são as principais culpadas pelo desempenho do Bitcoin em 2019

Conforme o ano vai se aproximando do seu fim, entrando já no quarto trimestre, o Bitcoin segue tendo destaque. Tal destaque afinal faz sentido, uma vez que a moeda digital teve uma extrema valorização frente ao dólar.

Entretanto, o comportamento do Bitcoin no decorrer de 2019 não foi um caminho em linha reta. Para o analista sênior Elias Simos, o desempenho do Bitcoin no ano está bastante relacionado com as stablecoins.

Tais moedas digitais foram criadas para possuir seu valor de mercado atrelado com o de algum outro ativo. De fato, a maior parte dessas é lastreada no Dólar como, por exemplo, a Tether. Cada USDT deveria, teoricamente, valer o mesmo que um Dólar (USD), com reservas comprovadas pela empresa que criou a moeda. Apesar das polêmicas envolvendo essa criptomoeda e suas reservas, os traders utilizam bastante desta em corretoras.

Para Elias, o Bitcoin teve um desempenho no último ano seguindo a lógica das moedas estáveis. No primeiro trimestre, o Bitcoin teve um comportamento lateral de preços. Esse desempenho teria relação com pouca movimentação envolvendo stablecoins.

Posteriormente, no segundo trimestre, o retorno do Bitcoin aumentou bastante. Tal movimento foi percebido junto há um aumento das operações com stablecoins.

Em seguida, o Bitcoin entrou no terceiro trimestre com pouca movimentação com criptomoedas estáveis. Dessa forma, os preços do Bitcoin tiveram uma lateralização, seguida de uma queda.

Comportamento do Bitcoin em 2019 relacionado com Stablecoins
Comportamento do Bitcoin em 2019 relacionado com Stablecoins – Fonte: Twitter

USDT é maior que BTC?

A Tether atualmente chegou ao ponto de possuir maior volume de transações diárias do que o Bitcoin. Durante a escrita deste, enquanto o Bitcoin registrava U$ 13 bilhões movimentados nas últimas 24 horas, a Tether registrou U$ 15 bi. Os trades com esse par de moedas ultrapassaram a marca de U$ 7 bi. Esse registro representa 57% de todos os trades de Bitcoin realizados na data.

Movimentações em Dólar do Bitcoin e da Tether
Movimentações em Dólar do Bitcoin e da Tether – Fonte: CoinMarketCap – Acesso em 02/10/2019

Ao mesmo tempo, dentre os dez principais mercados de Bitcoin, nove utilizavam o par BTC/USDT no dia 02/10/2019. Apenas esse volume das maiores corretoras confere 23,13% do volume de BTC/USDT negociados.

Simultaneamente, possuem registrados no CoinMarketCap 73 pares de negociação BTC/USDT, de um total de 400 pares de negociação do Bitcoin. Tal relação seria de apenas 18% dos pares do Bitcoin atrelados ao USDT. Finalmente, tal cenário indica que os demais 82% pares de negociação, excluindo BTC/USDT, possuem pouca ou nenhuma influência no preço final do Bitcoin.

O valor de mercado (market cap) de ambas as moedas, entretanto, é amplamente distinto, com o BTC sendo a maior moeda ainda. Neste ponto, enquanto o BTC possui mais que U$ 150 bi de valor (1.ª posição), a Tether possui apenas U$ 4 bilhões (4.ª posição). Tal fato comprova que o USDT é apenas uma moeda utilizada para trades.

Em conclusão, o Bitcoin ainda possui um bom desempenho de preços no ano. Por outro lado, possui grande dependência de outras criptomoedas para manter seu viés de alta. Até aqui, nada que espante, visto principalmente que o Bitcoin tem seu preço construído via book de ofertas.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Bitcoin ganha novo impulso de alta e supera US$ 34 mil, entenda

O Bitcoin continua a se recuperar de sua queda no início da semana após várias empresas darem sinais que estão correndo para apostar no...
dolar rasgado e Bitcoin. Imagem: ShutterStock

Volume de transferências com bitcoin em 2021 deve superar PIB dos EUA

Pela primeira vez em menos de sete meses, o volume total de transferências com bitcoin ultrapassou US $ 15,8 trilhões. Como resultado, o volume...
CEFI vs DEFI

DeFi vs CeFi: Finanças Centralizadas vs Finanças Descentralizadas

Finanças descentralizadas (DeFi) são uma das fatias mais cobiçadas da indústria de blockchain hoje, mas a ideia em si tem origens muito mais humildes. Na verdade,...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias