Taproot: Atualização mais importante da história do Bitcoin começa a ser implementada

Nesta etapa, os mineradores de Bitcoin devem mostrar publicamente se apoiam ou não a nova alteração na rede.

Dois Bitcoins em superfície de vídeo atualização do Bitcoin BTC
Dois Bitcoins em superfície de vídeo

A atualização do Bitcoin conhecida como Taproot começou a receber sinal verde dos mineradores. A comunidade agora acompanha o desenvolvimento perto, vendo inclusive se haverá nova guerra no setor.

Taproot é uma aguardada atualização do Bitcoin que além de melhorar a escalabilidade e privacidade da rede, aumenta a funcionalidade e a intercambiabilidade de moedas.

Para que o Bitcoin seja atualizado, é preciso haver consenso na rede. Ou seja, se todos os envolvidos com o Bitcoin não aceitarem as mudanças, é possível que haja uma divisão na comunidade, assim como aconteceu com o Bitcoin Cash.

Atualização do Bitcoin exige apoio dos mineradores

A última grande atualização do Bitcoin aconteceu em 2017, quando na época o Segwit entrou em funcionamento. Com a nova funcionalidade, o Bitcoin ganhou novas possibilidades e uma maior escalabilidade no número de transações simultâneas.

No entanto, o episódio ficou marcado como a “guerra dos hashs”, causando divisão na comunidade de desenvolvedores. Neste ponto, a briga acabou culminando na criação da criptomoeda Bitcoin Cash, com aqueles contrários a criação do Segwit abandonando o Bitcoin original.

Em 2018, uma nova atualização acabou sendo proposta por Gregory Maxwell, desenvolvedor do Bitcoin core. De acordo com Gregory, o Taproot tornaria o Bitcoin mais eficiente e privado.

Dessa vez, assim como em 2017, os mineradores deverão sinalizar se apoiam ou não as alterações na rede. Vale o destaque que como o Bitcoin é uma moeda sem controle central, qualquer mudança em sua tecnologia passa pela aprovação de mineradores e nodes, que são descentralizados e possuem interesse na moeda.

No último domingo (2), a atualização começou a funcionar, com o primeiro minerador sinalizando apoio ao Taproot. Nos próximos dias, a comunidade aguarda por novas sinalizações favoráveis a mudança, considerada uma das mais importantes para o fundamento do Bitcoin.

Onde acompanhar a ativação do Taproot?

A ativação do Taproot começou no último final de semana, mas poderá demorar algum tempo até a sua resolução. No caso dos mineradores, por exemplo, é esperado que a maior parte tenha sinalizado posição até o mês de julho.

Para acompanhar a ativação da nova atualização do Bitcoin, o site Taproot activation foi criado. Quem acessar o site verá quantos mineradores já concordaram com a atualização, quantos negaram e, por fim, a quantidade de mineradores que ainda não se posicionaram até hoje.

Ativação do TapRoot
Ativação do TapRoot
Pools de mineração que já aceitaram o Taproot
Pools de mineração que já aceitaram o Taproot

Com a promessa de até reduzir o valor das taxas nas transações de Bitcoin, o Taproot seria uma das maiores inovações na principal criptomoeda do mundo.

Atualmente cerca de 25% do hashrate da rede Bitcoin já apoia a atualização, com três grandes mineradores concluindo suas sinalizações. No entanto, para que o Taproot seja ativado, são necessários 90% do hashrate concordando com as mudanças.

A atualização do Bitcoin que continha o Taproot era esperada desde o mês de março de 2021. Mas com as primeiras ativações de mineradores, a rede já começa a acompanhar a atualização do Bitcoin de perto.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Últimas notícias