Vendedor de Bitcoin é roubado em R$ 2.5 milhões e depois é jogado para fora de carro

Se envolver em negociações presenciais com valor alto é algo totalmente arriscado.

Siga no
Bitcoin em cima de uma pilha de dólares
Bitcoin em cima de uma pilha de dólares

O ano começou registrando o primeiro grande roubo relacionado ao mundo das criptomoedas. Nesta segunda-feira (04), um trader teve quase meio milhão de dólares em bitcoins roubados. O acontecimento chocou os profissionais da área que ressaltaram, sobretudo, a importância de não confiar em estranhos na internet.

De acordo com o South China Morning Post, o homem não identificado fez contato com os ladrões, que se mostraram supostos compradores de bitcoin e marcou um encontro presencial para vender as moedas digitais.

A vítima pretendia fazer a venda de 15 bitcoins, sendo ofertados pelo valor de US$ 31.910 cada ou US$ 478.650 no total (R$ 2.528.189,57). De acordo com a vítima, dois homens chegaram em um carro branco para pegá-lo. Ele estava à espera deles em um hotel, pouco antes das 20h.

O que diz a polícia

A polícia informou que o homem concordou em se reunir pessoalmente com os “compradores” após uma única conversa online. Uma fonte policial compartilhou informações da investigação inicial.

Segundo a fonte, a vítima recebeu a quantia em dinheiro físico ainda dentro do carro (US$ 478 mil), logo após transferir os bitcoins aos dois compradores. Os ladrões acionaram o carro, onde ele ainda estava, e foram embora enquanto ele contava o dinheiro.

Depois de percorrer um caminho de 6 km, o veículo parou em uma colina, a partir daí, três outros homens emergiram de um segundo carro e roubaram o homem. A vítima, tirada à força para fora do carro, teve o dinheiro e dois telefones celulares roubados.

A vítima, portanto, ficou sem os 15 bitcoins, sem os R$ 2.5 milhões em dinheiro e sem telefone.

Outra fonte policial ainda informou que o roubo não envolveu nenhuma arma e ninguém ficou ferido. O caso chegou a conhecimento policial por volta das 20h48. A vítima, que andou cerca de 5 minutos, parou um policial e pediu ajuda.

Os policiais fizeram buscas por toda a área, porém nenhuma prisão havia sido feita até às 11h desta terça-feira (05). A equipe de esquadrão do crime do distrito leste está à frente do caso e tomando as medidas cabíveis para que os criminosos sejam, sobretudo, encontrados.

Uma grande lição fica para todos que trabalham com criptomoedas

Mesmo que não se deva culpar a vítima, tal acontecimento deixou uma grande lição. Seguir os passos trilhados por este homem deve ser algo fora de cogitação quando o assunto é bitcoin.

“Não se envolvam em negociações de alto valor com bitcoin cara a cara sem uma escolta armada, pessoal”, advertiu Jameson Lopp, diretor de tecnologia e especialista em criptomoedas.

Se envolver em negociações presenciais com valor alto é algo totalmente arriscado. 

Nos dias atuais, a melhor maneira de comprar e vender bitcoins é online. Além de evitar riscos contra sua integridade física, ainda evita que você seja lesado em relação a valores.

Claro, existem aquelas pessoas que preferem fazer negociação presencial, contudo, todo cuidado é pouco, ainda mais agora que o Bitcoin superou a marca dos US$ 30 mil.

Dicas para se proteger de golpes

  • Se você tem criptomoedas evite comentar com outras pessoas! Se gabar sobre os seus ganhos ou divulgar fotos sobre os valores que você tem pode ter transformar em um grande alvo de ladrões;
  • Nunca divulgue os endereços de sua carteira. Ao fazer isso você acaba se tornando um alvo muito mais fácil para os criminosos. Se essa informação for extremamente necessária para alguma finalidade, se certifique de não armazenar muitos bens no endereço;
  • Transações entre carteiras pessoais podem ser visualizadas publicamente. Portanto, se você está pretendendo mover quantias consideráveis de uma carteira para outra, opte por usar uma criptomoeda anônima;
  • Por fim, você acha que pode ser alvo de criminosos? A dica é usar uma carteira-isca com uma quantia comparativa a sua riqueza geral. Isso permitirá, caso sofra um assalto, que você use estes fundos com os criminosos e preserve suas criptomoedas reais.
Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Gabrieli Torres
Redatora, graduanda em publicidade e propaganda, apaixonada por criação de conteúdo.
Venda de fan token do Flamengo

Venda de criptomoeda do Flamengo faz plataforma travar

A venda da fan token do Flamengo nesta terça-feira (19) causou alvoroço na plataforma da Socios, que não deu conta da demanda e acabou...
O ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional, Augusto Heleno, durante a cerimônia de abertura do Fórum sobre Proteção Integrada de Fronteiras e Divisas, no Palácio do Planalto.

General Augusto Heleno atualiza glossário de Segurança da Informação e cita criador do Bitcoin

O General Augusto Heleno aprovou a atualização do glossário de segurança da informação nacional, que agora cita o criador do Bitcoin, Satoshi Nakamoto. O Gabinete...

Menino de 14 anos é sequestrado após falar de bitcoin em redes sociais

Você provavelmente já ouviu que é preciso ter muito cuidado onde você fala que tem Bitcoin, não é mesmo? Ao falar em redes sociais...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias