Venezuela oferece recompensa em dólar por prisão de chefe de facção

Com mega inflação no país sul-americano, a criminalidade tem aumentado muito, com a constante aparição de grupos criminosos violentos.

Siga no
Mapa da Venezuela - Livecoins
Mapa da Venezuela - Livecoins

A Venezuela busca prender um criminoso no país, oferendo uma quantia alta como recompensa em dólar. O caso chamou atenção da população local, que viu a medida como uma prova que nem o governo local confia mais na moeda que emite, o Bolívar.

Como a inflação do país é uma das maiores do mundo, o dinheiro lá perdeu o valor, sendo necessário que as pessoas tenham milhões de bolívares para uma simples compra no mercado.

Com a situação colapsando, a criminalidade também aumentou na Venezuela, com facções cada vez levando mais terror para as pessoas.

Venezuela chama atenção ao oferecer recompensa de líder de facção criminosa em Dólar

Quem capturar o líder da facção criminosa Cota 905 levará para casa US$ 500 mil de recompensa, assegura o governo da Venezuela, que ofereceu a recompensa em dólar.

O anúncio aconteceu após a capital do país, Caracas, atravessar cenas de terror por mais de 20 horas, desde a última quarta-feira (7) até a última quinta-feira (8). Pelo menos dez pessoas morreram em confrontos da polícia com o grupo e outras ficaram feridas, segundo a mídia local.

De acordo com a agência de notícias AFP, o homem procurado se chama Koki, ele é o líder da Cota 905.

Koki é conhecido por ser um assassino furioso e midiático, visto que gosta de chamar atenção de suas ações violentas.

Inflação do país pode ser a causa para aumento da criminalidade

A agência AFP deixou claro que a Venezuela hoje é um dos países mais violentos para se viver. Isso acontece devido a uma crise de pelo menos oito anos, com profundas relações com a inflação enfrentada pela população.

No caso da recompensa oferecida em dólar pelo governo de Nicolás Maduro na Venezuela, parte da população se questionou do porque o pagamento seria feito na moeda norte-americana e não na criptomoeda Petro, criada pela gestão do ditador no país há alguns anos.

Vendo a alta soma oferecida em Dólar, muitos já se apresentaram para reclamar a recompensa contra o líder da facção. Mas o problema da inflação, este sim, está longe de acabar.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

TradingView: Mercado cripto ainda tímido, analistas otimistas

Após forte alta, mercado sofre breve retração, que não foi o suficiente para tirar as esperanças dos analistas. Confira os estudos do TradingView. Lorena Almada O...
Ethereum enfrentando o Bitcoin

Ethereum vai deixar Bitcoin “no chinelo” após atualização?

A rivalidade entre as comunidades do Ethereum e do Bitcoin voltaram a ganhar força nos últimos dias, com uma atualização do Ethereum sustentando rumores...

Estudo revela que 40% dos investidores em bitcoin esquecem suas senhas

Uma das partes mais importantes na hora de manter criptomoedas com segurança é guardar as senhas em um lugar seguro, no entanto, é ainda...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias