Venezuela vive impasse com criptomoedas para saúde

"Dois governos" do país brigam por dinheiro e corretora se envolve. O Bitcoin pode ser solução de conflito?

Siga no
Bolívar venezuelano e Bitcoin na Venezuela
Bolívar venezuelano e Bitcoin

A Venezuela vive um impasse com U$ 18 milhões que poderiam chegar em criptomoedas aos profissionais de saúde do país. Em abril de 2020, as autoridades norte-americanas haviam apreendido o valor do país sul-americano.

País vizinho ao Brasil, a Venezuela tem atravessado um momento difícil na economia, com a chamada hiperinflação. Além disso, a disputa política do país segue cada vez mais dura, com o país tendo “dois presidentes” atualmente.

De um lado, vários países reconhecem o poder do lado de Nicolás Maduro, sucessor de Hugo Chávez. De outro, Juan Guaidó é reconhecido como presidente da Venezuela, inclusive pelos Estados Unidos e Brasil.

Dinheiro apreendido da Venezuela pelos EUA vive impasse, mas pode chegar em criptomoedas para população

A Venezuela é dos países que mais viu crescer a adoção das criptomoedas nos últimos anos. Isso porque, com a hiperinflação, a população buscou refúgio em ativos alternativos para se proteger. Além disso, o dólar é uma moeda com presença no cotidiano do país.

Em abril de 2020, Juan Guaidó, um dos alegados presidentes da Venezuela, teve acesso a U$ 18 milhões, cerca de R$ 100 mi hoje. O dinheiro foi repassado a ele pelos EUA, que capturaram a quantia em uma operação contra Maduro, do qual não consideram um governo legítimo.

Desde então, Juan tenta entregar o valor para os profissionais de saúde da Venezuela. Contudo, Nicolás Maduro tem dificultado o repasse via bancos. Para contornar o bloqueio, Juan tem um acordo com a empresa Airtm, que trabalha com criptomoedas.

A Airtm também trabalha com criptomoedas e dólares, em carteiras digitais. Cabe o destaque que a Airtm foi financiada pela corretora Coinbase, uma das maiores do mundo e com sede nos EUA. Para ajudar o repasse aos profissionais de saúde da Venezuela, foi criada a campanha “Heróis da Saúde”.

Guaidó prometeu aos 62 mil trabalhadores a quantia de U$ 100, durante três meses. Ao ver que o valor iria ser repassado, Nicolás Maduro mandou bloquear o acesso ao site da Airtm.

Guaidó incentiva população a usar VPN para ter acesso ao dinheiro

Normalmente combatido por presidentes, o uso de VPN foi endossado por Juan Guaidó na última semana. Em uma publicação do Twitter, Juan pediu que as pessoas acessem o site da Airtm com uso da VPN.

Para facilitar, a empresa de criptomoedas criou um tutorial para ensinar a usar VPN. Guaidó acusou o presidente de ser uma ditadura brutal que quer impedir ajuda a quem está na primeira linha de defesa para salvar vidas. Contudo, deixou claro que não conseguirá bloquear o futuro, e pede que as pessoas usem VPN na Venezuela.

De acordo com Matt Ahlborg, analista de criptomoedas da América Latina, o caso é muito importante. Para ele, uma empresa de Bitcoin está ajudando a oposição de um país a levar dinheiro para pessoas.

Em resumo, eu só quero tomar um momento aqui para reconhecer o fato de que em 2020, o maior líder da oposição de um país está expressando apoio e contando com uma empresa alinhada ao Bitcoin para distribuir ajuda e conseguir reformas políticas. Quão longe isso chegou!

Dessa forma, Matt espera que seja difícil para Maduro resistir ao uso da criptografia em conjunto com as criptomoedas. O analista citou um estudo produzido por ele em conjunto com a CoinMetrics recentemente, que cita o “efeito da bitcoinização” nos mercados emergentes, principalmente aquelas que a população não tem acesso fácil a bancos.

Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

“Taxista ouviu conversa e ficou rico”. Novos golpes com Bitcoin são bizarros

A alta recente do Bitcoin trouxe uma nova onda de golpes que se espalha em diversos sites no Brasil. Com o fim das pirâmides...
Procura-se-Bitcoin

“Vai ficar quase impossível comprar Bitcoin”: Demanda aumentou exponencialmente e oferta diminuiu

“A demanda por Bitcoin está crescendo quase que exponencialmente enquanto a oferta está matematicamente limitada em 900 BTCs por dia”, disse Max Keizer em...

Biden pode nomear Bitcoiner para departamento de desenvolvimento econômico dos EUA

A transição oficial da presidência dos EUA finalmente começou depois que Trump reconheceu sua derrota nas eleições e deu aval para o órgão iniciar...

Últimas notícias

“Vai ficar quase impossível comprar Bitcoin”: Demanda aumentou exponencialmente e oferta diminuiu

“A demanda por Bitcoin está crescendo quase que exponencialmente enquanto a oferta está matematicamente limitada em 900 BTCs por dia”, disse Max Keizer em...

Biden pode nomear Bitcoiner para departamento de desenvolvimento econômico dos EUA

A transição oficial da presidência dos EUA finalmente começou depois que Trump reconheceu sua derrota nas eleições e deu aval para o órgão iniciar...

Banco fecha em Cuba e Bitcoin se torna solução

Malas prontas e finalmente a Western Union, grande banco de remessas internacionais fecha as portas em Cuba, tornando o Bitcoin uma solução. O encerramento...