Youtuber que recomendava empresas suspeitas de Pirâmide é assassinado a tiros em Curitiba

Youtuber promovia Unick Forex e outras empresas suspeitas de pirâmide financeira com Bitcoin.

-

Siga no
Anúncio

Um Youtuber que promovia diversas empresas suspeitas de serem pirâmides financeiras foi assassinado na tarde dessa terça-feira (5) em Curitiba.

De acordo com o Jornal Banda B,  a vítima foi assassinada a tiros quando dirigia um HB20 e foi surpreendido pelo assassino que dirigia outro carro, um Citroen C4. O assassino emparelhou os carros no cruzamento das ruas Marcos Bertoldi e Maria Luzardi Bertoldi e cometeu o crime.”

De acordo com o Jornal, o delegado que investiga o caso disse que “os familiares afirmam que a vítima estava envolvido com o mercado de criptomoedas.”

Anúncio

Ainda não há confirmação que o assassinato tenha relação com o fato da vítima promover empresas suspeitas de pirâmide no Youtube.

Youtuber promovia empresas suspeitas de pirâmide financeira

Em seu canal do Youtube, o Crypto Febre, é possível ver vídeos promovendo diversas empresas que oferecem rentabilidade acima da média de mercado. Empresas famosas que deixaram de pagar seus investidores, como a Unick eram promovidas pelo Youtuber.

Além de promover empresas conhecidas como a Unick Forex, o youtuber também recomendava investimentos na ECON, Imperium, BTX BIT, Speed Coin, Xpay e várias outras que garantem rentabilidade sobre investimentos.

O Youtuber foi atingido por três tiros na Rua Marcos Bertoldi, no bairro Campo de Santana. Um siate foi chamado para atender a vítima, que não resistiu aos ferimentos.

De acordo com o jornal Tribuna do Paraná, João Batista da Silva levou dois tiros no peito, na região do coração, e uma no braço esquerdo. “Ele esboçou um movimento de defesa, por isso o tiro no braço. A gente pode ver que o projétil é de calibre .38. Foram disparos feitos emparelhados, ou seja, o atirador estava lado a lado com a vítima, atirando pela janela”, disse o perito criminal José Silvério ao Jornal.

Foto: Colaboração
Foto do local, imagem: Tribuna do Paraná

A polícia deve buscar mais informações com parentes e amigos, até obter uma linha de investigação. O corpo de João Batista foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML).

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Mateus Nunes
Mateus Nuneshttps://livecoins.com.br
Analista de Sistemas, aprendiz e entusiasta de criptomoedas e blockchain. Sugestão de pauta: [email protected]

Leia mais

Leia mais sobre:

Últimas notícias

“Se você acha que imposto é roubo, chama a polícia”, diz Kim Kataguiri

Em um entrevista para o canal Letícia Shirakiin, o Deputado Federal Kim Kataguiri foi questionado se imposto é roubo. A resposta veio em tom de...

Surge o Primeiro Case da Hathor

Pois então que surge espontaneamente o primeiro caso de uso da blockchain brasileira Hathor. Vou contar como isso aconteceu. Bem, o time concebeu a...

Google fala sobre golpe com Bitcoin

No podcast mais recente do Google, três especialistas da gigante das buscas comentaram sobre um tipo de golpe que envolve Bitcoin. No tópico que falava...