400 bilhões de reais do mercado de criptomoedas nos EUA estão vulneráveis a hacks

Siga no
USDT Tether é emitido em várias redes, inclusive Bitcoin e Ethereum
USDT Tether é emitido em várias redes, inclusive Bitcoin e Ethereum

De acordo com o último relatório da nobl insurance, cerca de 400 bilhões de reais do mercado de criptomoedas estão expostos, tornando-se um paraíso para os hackers.

Embora as criptomoedas tenham proliferado e os sistemas de rastreamento de hacks, que servem para impedir que os consumidores sejam vítimas de ataques de malware, tornem-se mais sofisticados, os hackers continuam encontrando maneiras de se realizar ataques. Os três relatórios mais recentes gerados pela nobl insurance servem como um lembrete de quão frágil é o setor das criptomoedas.

O relatório sugere que os crimes cibernéticos que ocorrem no mercado de criptomoedas nos EUA cresceram muito desde 2017, atingindo mais de 300%, ano a ano até agosto de 2019.

A falta de informação no setor de criptomoedas

Embora enfatize a conscientização dos investidores americanos em torno das más práticas e dos riscos associados às transações com criptomoedas, o relatório estipula que há muito pouco entendimento sobre a quantidade de crimes relacionados a criptomoedas nos EUA.

Até agora, mais de 4 bilhões de reais foram roubados por ataques de malware, no entanto os investidores americanos não parecem ter uma compreensão real do número de danos causados. 64% dos participantes da pesquisa mencionaram um valor inferior a 200 milhões de reais.

Quando se trata de hacks em exchanges de criptomoedas, 65% dos participantes acreditam que suas contas estão propensas a ataques. Por outro lado, 48% dos americanos que possuem menos de 4 mil reais em criptomoedas constituem uma parte substancial da indústria de 400 bilhões de reais, mostram estar menos preocupadas com hacks.

É preciso ter consciência

Embora os hackers da nova geração testem continuamente o poder da segurança desta indústria, há alternativas para mitigar os riscos. As cold wallets, ou carteiras offline, não ficam conectadas à internet, o que protege as chaves privadas de ataques. No entanto, o relatório destaca que apenas 10% dos detentores de criptomoedas nos EUA conhecem este tipo de carteira.

Vale a pena lembrar a terrível experiência de Monty Munford, um investidor que perdeu de mais de 75 mil reais ao ser roubado, o relatório destaca que é preciso tomar precauções em relação a estes crimes.

Um aclamado especialista em segurança cibernética, Dr. Terry Lee Cooper, acrescenta que, se a tendência de aumento de 300% por ano de ataques continuar, o setor deverá perder 48 bilhões de reais até 2020 e possivelmente até 158 bilhões de reais até o final de 2022 através de contas roubadas e hacks.

Cooper acrescenta que uma das principais razões para os hackers estarem neste setor é a ignorância ou desconhecimento dos investidores e que mesmo os sistemas mais seguros podem ser invadidos. A melhor maneira de impedir estes crimes é trabalhar em conjunto para uma melhor compreensão das vulnerabilidades.

Leia mais sobre:
Avatar
sabotag3x
Top 100 poster @ bitcointalk, altcoin maximalist, interessado em mineração, trading, detalhes técnicos e econômicos. Do zero ao milhão em 6 meses com a Iconic Services. Nunca comprei 1 bitcoin, nem mesmo 1 satoshi, e não pretendo comprar.

Governo da Ucrânia ensina bitcoin para população

O Ministério da Transformação Digital da Ucrânia criou uma campanha para ensinar  bitcoin, blockchain e criptomoedas para a população. Os vídeos foram desenvolvidos em...

Impressora de dinheiro ligada: BC aumentou em quase 50% base monetária em 12 meses

O Banco Central do Brasil imprimiu muito dinheiro nos últimos doze meses, inflando a base monetária do país. De acordo com o BC houve...
BCHA-51-attack

Grupo anônimo de baleias lança ataque 51% contra fork do Bitcoin Cash

A rede da criptomoeda Bitcoin Cash ABC (BCHA), que surgiu no meio do mês como resultado de um hard fork do Bitcoin Cash, está...

Últimas notícias

Impressora de dinheiro ligada: BC aumentou em quase 50% base monetária em 12 meses

O Banco Central do Brasil imprimiu muito dinheiro nos últimos doze meses, inflando a base monetária do país. De acordo com o BC houve...

Grupo anônimo de baleias lança ataque 51% contra fork do Bitcoin Cash

A rede da criptomoeda Bitcoin Cash ABC (BCHA), que surgiu no meio do mês como resultado de um hard fork do Bitcoin Cash, está...

30 bilionários possuem bitcoin, mas não falam sobre isso, revela milionário do Twitter

O multimilionário filantrópico Bill Pulte, apelidado de "Bitcoin Bill" após sua entrada no mercado de bitcoin em dezembro de 2019, afirmou em uma live...