Alerta: Golpe com Bitcoin oferece Amarok e BMW como garantia de investimento

Criminosos tentaram publicar esquema em grupos no Facebook onde o esquema foi impedido por um moderador.

Siga no
BMW carro golpe Bitcoin

Um golpe envolvendo bitcoin tentou fazer vítimas em grupos no Facebook recentemente. O negócio pretendia atrair grandes investimentos em Bitcoin, e como garantia, um carro de luxo seria entregue para os investidores. Duas postagens tentaram aplicar o golpe em um grupo voltado ao mercado de criptomoedas.

Muitos investidores podem ser atraídos com a oferta de um carro de luxo como uma Amarok ou uma BMW. Segundo o moderador do grupo, que identificou os golpes, o esquema oferecia os veículos em busca de atrair investidores. O moderador do grupo impediu que a postagem fosse publicada, mas fez um alerta para que usuários não caiam no golpe.

Golpe tenta atrair vítimas com R$ 100 mil para investir

As postagens foram filtradas pelo moderador do grupo Bitcoin Brasil – Original. O golpe era direcionado a grandes investimentos em Bitcoin. De acordo com Emílio [moderador do grupo], o esquema tenta atrair investidores com aportes acima de R$ 100 mil. Esse seria o valor mínimo para participar do esquema envolvendo investimentos em Bitcoin supostamente.

Através do valor investido, o golpe prometia lucro fixo de 25% ao mês. A oferta de lucro fixo em um investimento de alto risco reforça a ideia do negócio ser um verdadeiro golpe. Com o lucro oferecido pelo esquema, o capital seria dobrado em menos de quatro meses.

BMW e Amarok oferecidas em esquema no Facebook

As duas publicações tratavam praticamente do mesmo tipo de golpe. Foram utilizados ainda, dois perfis diferentes nas publicações, de acordo com Emílio. Apesar do texto não ser compartilhado no grupo do Facebook, o alerta mostra que os criminosos ofereciam carros de luxo para os investidores. Esses veículos seriam a “garantia” utilizada pelo esquema para atrair os investidores.

A promessa do negócio consistia na posse de um carro de luxo para os investidores. O veículo ficaria com o usuário por um ano, o mesmo período em que o dinheiro estaria aplicado no golpe. Durante este tempo, o investidor poderia utilizar o carro usado no esquema.

Com o carro em mãos, muitos investidores podem ter confiado no golpe. Acontece que o veículo oferecido é mais barato que o valor total supostamente investido no esquema pela vítima. Ou seja, o automóvel é mais barato que o dinheiro perdido pelo investidor.

“Um carro desses usado pode ser encontrado por R$ 60 mil. No fim das contas, acabou comprando um carro de R$ 60 mil por R$ 100 mil”. 

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Paulo Carvalho
Jornalista em trânsito, escritor por acidente e apaixonado por criptomoedas. Entusiasta do mercado, ouviu falar em Bitcoin em 2013, mas era que nem caviar, "nunca vi, nem comi, só ouço falar".
Universidad Americana Imagem: Divulgação

Universidade privada do Paraguai vai aceitar pagamentos em Bitcoin e Ethereum

A Universidade Americana do Paraguai vai começar aceitar pagamentos em criptomoedas a partir de agosto, os alunos poderão pagar por cursos e graduação com...
Mulher usa ATM do Santander no Reino Unido

Santander testa ferramenta para rastrear criptomoedas

O Santander quer entender como os seus clientes usam as criptomoedas em simultâneo as contas correntes. Para isso, o banco testou uma ferramenta da...
john mcaffe

Suicídio de John McAfee em prisão na Espanha levanta suspeitas

John McAfee, fundador da empresa de tecnologia McAfee, foi encontrado morto na tarde de hoje (23) na cadeia espanhola de Brians 2, localizada em...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias