App de Elon Musk pode oferecer carteira de criptomoedas

As apostas estão na integração com o Dogecoin, Bitcoin e também o XRP, principalmente se a Ripple ganhar o seu processo contra a SEC.

Há um tempo o famoso Elon Musk, que dispensa apresentações, vem prometendo revolucionar as redes sociais com o aplicativo chamado de X-App, o aplicativo de tudo. Enquanto as promessas do magnata muitas vezes acabam em resultados bem menos surpreendentes que o esperado, elas causam um grande impacto, principalmente em valores de mercado.

Com o app “X”, Musk acredita que pode alcançar um grande número de pessoas através de uma solução de rede social combinado com soluções financeiras. A ideia final é que o aplicativo seja um competidor direto da Meta e um dos líderes da Web3.

De acordo com a jornalista Jane Manchun Wong, Musk anunciou que a aquisição do Twitter ajudaria a acelerar o desenvolvimento do aplicativo completo chamado X-App.

“Comprar o Twitter é um acelerador para a criação do X, o aplicativo de tudo”, observou Musk.

O bilionário de tecnologia está procurando criar uma plataforma completa como alguns aplicativos populares na Ásia, incluindo o WeChat, que conta com uma rede social, trocas de mensagens e serviços financeiros.

“Não há movimento como o WeChat fora da China. E acho que há uma oportunidade real de criar isso. Você basicamente vive no WeChat na China porque é muito útil para sua vida diária. E acho que se pudéssemos conseguir isso, ou mesmo perto disso com o Twitter, seria um imenso sucesso.”, acrescentou Musk.

Possibilidade de integração com o criptomercado no aplicativo de Elon Musk

Musk está tentando buscar uma forma de funcionamento para o seu aplicativo similar ao WeChat, como ele sugeriu. Aqui no ocidente o mais próximo de algo assim é realmente o Facebook, que, de forma tímida, colocou opções de pagamentos em alguns de seus aplicativos, como o WhatsApp.

O bilionário tem até sexta-feira para fechar o acordo de aquisição de US$ 44 bilhões do Twitter ou enfrentar um julgamento legal, adiado anteriormente por razões técnicas.

Ao que tudo indica, devido ao risco de processo legal, Musk realmente fará a compra do aplicativo e avançará com o desenvolvimento da sua plataforma em Web3. E como ele sempre foi um apoiador do criptomercado, até mesmo apoiando o Bitcoin por um tempo antes de começar a se preocupar com seu consumido de energia, pode ser que a moeda ganhe espaço em seu “aplicativo de tudo”.

As apostas estão na integração com o Dogecoin, Bitcoin e também o XRP, principalmente se a Ripple ganhar o seu processo contra a SEC.

Mas vale lembrar a pressão que a Meta/Facebook sofreu ao tentar criar uma carteira e uma criptomoeda própria, ou seja, é um caminho árduo. Só o tempo dirá o quão o App X avançará e se ele realmente entregará tudo o que merece.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na maior corretora de criptomoedas do mundo e ganhe até 100 USDT em cashback. Acesse Binance.com

Siga o Livecoins no Google News.

Curta no Facebook, TwitterInstagram.

Entre no nosso grupo exclusivo do WhatsApp | Siga também no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Matheus Henrique
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.

Últimas notícias

Bitcoin 2024

Últimas notícias