Artigo da Forbes sugere que o FOMO está prestes a aparecer

Siga no
Bitcoin com Lamborghinis
Bitcoin com Lamborghinis

Um artigo recente da Forbes sugere que o FOMO (Fear Of Missing Out), ou seja, o medo de ficar de fora de uma oportunidade, poderá aumentar drasticamente em breve. Um FOMO faz com que os preços subam bastante. Além disso, este relatório da Forbes também argumenta que esse aumento de preço poderia ser mais regular do que o de 2017.

Um grande FOMO está prestes a surgir?

Esta artigo da Forbes começa recontando como o Bitcoin teve um forte aumento até agora durante este ano. Como aqueles que acompanham o Bitcoin sabem, o preço do BTC já subiu de cerca de 13.000 reais para 52.000 este ano. Neste momento, o Bitcoin está sendo negociado a 42.500 reais segundo o site bitValor.

Este artigo da Forbes, escrito por Chris Kline, diz que o Bitcoin pode ir além este ano. Um dos principais argumentos de Kline é que o aumento do preço do Bitcoin este ano tem méritos.

No entanto, alguns podem reclamar de um foco excessivo no preço do Bitcoin e do esquecimento do preço de outras criptomoedas. Embora essa crítica possa ser entendida, o Bitcoin até agora tem sido um indicador útil do desempenho da criptoindústria.

Comparado ao aumento altamente divulgado e explosivo do Bitcoin, para cerca de 80.000 reais em 2017, a indústria de criptomoedas agora tem visto “desenvolvimento real de produtos”. Além disso, Kline também diz que a relativa ignorância dos clientes sobre criptomoedas pode aumentar os preços à medida que o FOMO aparece.

Embora a propaganda exagerada e o interesse do consumidor possam ter feito o preço do Bitcoin ultrapassar os 80.000 reais, atualmente o público mostra pouco interesse. No entanto, nos bastidores, a demanda institucional por criptomoedas está aumentando rapidamente.

Gigantes podem estar causando o FOMO

Além disso, gigantes estão atualmente mudando de posição e abraçando totalmente as criptomoedas. O caso mais notável é o Facebook e a sua moeda Libra. Além disso, muitos observadores acreditam que o Facebook enfrentará obstáculos regulatórios para dar vida a sua moeda, já o Bitcoin e outras altcoins não dependem de governo nenhum para servir o povo.

Isso também pode dar ainda mais exposição pública as criptomoedas como um todo. Isso, por sua vez, poderia aumentar drasticamente o apetite pelo investimento em criptos.

De acordo com o diretor de investimentos da Arca, Jeff Dorman, citado no artigo da Forbes, isso poderia realmente introduzir o Bitcoin para as massas. “Ela [a Libra] introduz imediatamente dois bilhões de pessoas às carteiras digitais”, disse Dorman.

Além disso, Dorman não é o único com essa visão. De acordo com Cole Walton, trader da Kanos Capital Management, a Libra “será a maior apresentação das criptos que já vimos, e o dinheiro institucional sabe disso”.

Além disso, Kline também argumenta que o crescimento do FOMO poderia trazer dinheiro do ouro para as criptos. Se for verdade, isso pode levar a uma grande mudança na classe de ativos, uma vez que o ouro tem um valor de mercado de 7 trilhões de dólares. Comparando, o Bitcoin tem um valor de mercado de cerca de 180 bilhões de dólares.

Imaginando que o FOMO faça com que todo o valor de mercado do ouro venha para o Bitcoin, isso faria com que 1 BTC valesse 194.000 dólares.

Leia mais sobre:
Avatar
sabotag3x
Top 100 poster @ bitcointalk, altcoin maximalist, interessado em mineração, trading, detalhes técnicos e econômicos. Do zero ao milhão em 6 meses com a Iconic Services. Nunca comprei 1 bitcoin, nem mesmo 1 satoshi, e não pretendo comprar.

Governo da Ucrânia ensina bitcoin para população

O Ministério da Transformação Digital da Ucrânia criou uma campanha para ensinar  bitcoin, blockchain e criptomoedas para a população. Os vídeos foram desenvolvidos em...

Impressora de dinheiro ligada: BC aumentou em quase 50% base monetária em 12 meses

O Banco Central do Brasil imprimiu muito dinheiro nos últimos doze meses, inflando a base monetária do país. De acordo com o BC houve...
BCHA-51-attack

Grupo anônimo de baleias lança ataque 51% contra fork do Bitcoin Cash

A rede da criptomoeda Bitcoin Cash ABC (BCHA), que surgiu no meio do mês como resultado de um hard fork do Bitcoin Cash, está...

Últimas notícias

Impressora de dinheiro ligada: BC aumentou em quase 50% base monetária em 12 meses

O Banco Central do Brasil imprimiu muito dinheiro nos últimos doze meses, inflando a base monetária do país. De acordo com o BC houve...

Grupo anônimo de baleias lança ataque 51% contra fork do Bitcoin Cash

A rede da criptomoeda Bitcoin Cash ABC (BCHA), que surgiu no meio do mês como resultado de um hard fork do Bitcoin Cash, está...

30 bilionários possuem bitcoin, mas não falam sobre isso, revela milionário do Twitter

O multimilionário filantrópico Bill Pulte, apelidado de "Bitcoin Bill" após sua entrada no mercado de bitcoin em dezembro de 2019, afirmou em uma live...