Banco Central anuncia novidades do PIX

9.ª reunião sobre digitalização de pagamentos no Brasil aconteceu nesta segunda!

Siga no
Sistema PIX do Banco Central do Brasil
Sistema PIX do Banco Central do Brasil - Reprodução

O Banco Central do Brasil (BC), anunciou novidades sobre o PIX na tarde dessa segunda (22). Faltando apenas 147 dias para o lançamento ao público da novidade, o BC corre contra o tempo para legitimar a nova ferramenta no país.

De acordo com informações compartilhadas na 9.ª Reunião do Fórum de Pagamentos Instantâneos (PI), o PIX é aguardado pelo BC. Após realizar testes com várias empresas, a solução vai ganhando tração com o tempo.

Contudo, para quem pensa que o PIX será apenas uma máquina de processar pagamentos online, muito se engana. Com a nova ferramenta, o Banco Central espera que as pessoas saquem dinheiro em lojas, diminuindo a necessidade de ir até agências bancárias. A novidade foi uma das divulgadas pelo presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto.

Em reunião sobre pagamentos instantâneos, Banco Central anuncia novidades sobre o PIX

Ao identificar o potencial das criptomoedas, como o Bitcoin, por exemplo, vários bancos centrais pelo mundo correram para lançar inovações. No caso do Brasil, a solução já tem nome e data para ser lançada, que é o PIX.

Previsto para novembro de 2020, várias empresas já se uniram a iniciativa do Banco Central do Brasil, que lançou a campanha “Vai pagar? Faz um PIX“. A nova campanha é parte dos esforços de legitimar a nova ferramenta e atrair mais empresas para o ecossistema do PIX, uma solução centralizada de pagamentos digitais.

O presidente do BC, Roberto Campos Neto, parabenizou na tarde da última segunda (22), as empresas que já fazem parte do projeto. Para construir o PIX, o BC buscou cumprir as premissas de que este seja um sistema barato aos usuários, transparente, seguro, rápido e de estrutura aberta.

O PIX faz parte da modernização do sistema financeiro nacional, junto ao Open Banking, que no longo prazo deverá unir todas as soluções. Além disso, Campos Neto afirmou que a modernização do sistema cambial também será integrada no futuro, fazendo com que o Brasil tenha uma internacionalização e digitalização das finanças.

A principal novidade anunciada pelo Banco Central do Brasil é que o PIX irá proporcionar saques pela rede varejista. Outra novidade importante é que o sistema será gratuito para pessoa física.

Diversidade de empresas que solicitaram adesão é um fator relevante, apontou diretor do BC

Outro destaque na 9.ª Reunião do Fórum PI, foi a fala do Diretor do BC, João Manoel Pinho de Melo. De acordo com o diretor de Organização do Sistema Financeiro e Resolução do BC, foram além do grande número de interessados no PIX, a diversidade de segmentos seria um fator relevante.

Isso porque, bancos, instituições de pagamentos, fintechs, financeiras, cooperativas, entre outras, irão oferecer o novo meio de pagamento aos clientes em novembro. O diretor destacou que o PIX trará mais competitividade e transparência ao sistema de pagamentos de varejo no Brasil.

Já o Diretor de Política Monetária do Banco Central do Brasil, Bruno Serra Fernandes, apontou que já são 120 participantes diretos. Além disso, 860 participantes seriam indiretos, sendo dessas 622 cooperativas.

Bruno destacou que 75 instituições já testaram a conectividade do sistema PIX, três a liquidação com consulta de saldo e detalhe de lançamento. O diretor aponta que esse processo é importante para que o PIX entre em produção antes do prazo previsto e de forma segura.

O Fórum PI (Pagamentos Instantâneos), foi instituído pela Portaria nº 102.166, de 19 de março de 2019. São quatro grupos de trabalha que se reúnem com frequência para discutir as inovações do sistema financeiro nacional, ou seja, essa reunião do Banco Central na última segunda é um marco importante na implementação do PIX, concorrente do Bitcoin no Brasil.

Confira abaixo os destaques da reunião do Banco Central com as novidades sobre o PIX:

Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

CEO da Aave diz que “loucura do Yield Farming” está chegando ao fim

O CEO da Aave, Stani Kulechov, está preocupado com a falta de inovação dentro do setor de finanças descentralizadas (DeFi), citando a natureza de...

Time da NBA vai aceitar Dogecoin como pagamento por ingressos

Aparentemente o bom momento da Dogecoin ainda possui força, ou simplesmente abriu as portas para que a criptomoeda meme ganhe novos mercados. A mais...

EUA tem plano diabólico para zerar dívida nacional com Bitcoin, diz russo

O entusiasmo criado em torno do Bitcoin para o longo prazo não é por acaso, de acordo com um russo especialista em inteligência competitiva....

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias

Time da NBA vai aceitar Dogecoin como pagamento por ingressos

Aparentemente o bom momento da Dogecoin ainda possui força, ou simplesmente abriu as portas para que a criptomoeda meme ganhe novos mercados. A mais...

EUA tem plano diabólico para zerar dívida nacional com Bitcoin, diz russo

O entusiasmo criado em torno do Bitcoin para o longo prazo não é por acaso, de acordo com um russo especialista em inteligência competitiva....

CEO da Kraken: Bitcoin vai para o infinito

O CEO da Kraken, uma das maiores corretoras de criptomoedas dos Estados Unidos, acredita que o Bitcoin acabará por se tornar a moeda mundial....

Criador do Litecoin faz alerta contra NFTs

O criador da criptomoeda Litecoin, considerada a "prata digital", fez um alerta sobre os Tokens Não Fungiveis (NFT). De acordo com Charlie Lee, o...

Mineradores de Bitcoin ganharam R$ 7.6 bilhões em fevereiro

Com o valor atual do Bitcoin, a mineração da moeda digital está se tornando extremamente lucrativa e o número de mineradores de criptomoedas está...