Banco Central da Rússia chama bitcoin de “esquema de pirâmide”

A opinião da vice-presidente foi emitida em resposta a uma das propostas do deputado da Duma do Estado da Rússia Unida, Anton Gorelkin, que discute a legalização e regulamentação das criptomoedas no país.

Mais um dia, mais uma opinião polêmica de alguma autoridade da Rússia sobre as criptomoedas. O país tem uma história conturbada com os ativos digitais, às vezes sinalizando uma posição positiva, mas outras demonstrando negatividade para todo o setor. Desta vez o Banco Central do país voltou a atacar o bitcoin, afirmando que a moeda digital é um golpe de pirâmide financeira. 

O regulador alertou sobre os riscos das criptomoedas usando como justificativa a alta quantidade de fraudes na indústria que pode levar ao fato de que os russos perderão uma parte significativa de suas economias, de acordo com informações locais.

A primeira vice-presidente do Banco Central da Rússia, Ksenia Yudaev, disse que criptomoeda é um instrumento altamente especulativo, que na verdade é uma pirâmide financeira.

A opinião da vice-presidente foi emitida em resposta a uma das propostas do deputado da Duma do Estado da Rússia Unida, Anton Gorelkin, que discute a legalização e regulamentação das criptomoedas no país.

Yudev apontou que a legalização pode levar ao fato de que os cidadãos começarão a investir ativamente em criptomoedas, o que ela não é nem um pouco a favor.

“as criptomoedas são usadas altamente em atividades ilegais, lavagem de dinheiro, tráfico de drogas, financiamento de atividades terroristas e outras,o que cria um desafio para o sistema global de combate à lavagem de dinheiro e ao financiamento do terrorismo”, escreveu Yudaev.

Entre as propostas apresentadas por Gorelkin, e que foram negadas pelo Banco Central, estão soluções como fornecer incentivos fiscais e medidas de apoio estatal a projetos de infraestrutura e fabricantes de hardware e software do criptomercado; garantir a possibilidade de conversão gratuita de criptomoeda em rublos; e introduzir um regime de tributação preferencial para criptomoedas.

Banco Central da Rússia é contra a legalização e regulamentação de criptomoedas

Não é de agora que propostas assim são negadas pelo Banco Central da Rússia, com as autoridades parecendo estar assustadas ou com medo da adoção das criptomoedas.

O Banco da Rússia não apoiou a admissão de criptomoedas no mercado russo e seu uso como meio de pagamento. O regulador está confiante que isso levará à formação de uma série de riscos significativos para o bem-estar dos cidadãos, a estabilidade do sistema financeiro e a segurança econômica do país.

Em muitas ocasiões o Banco Central da Rússia até mesmo tentou propor um banimento completo das criptomoedas por lá, algo que outras autoridades rapidamente alertaram que seria impossível e prejudicial. 

Com isso, o país ainda fica nesta novela em relação ao criptomercado, com dois lados distintos em um cabo de guerra pela situação regulatória das criptomoedas no país.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de criptomoedas do mercado ganhe até 100 USDT em cashback. Cadastre-se

Siga o Livecoins no Google News.

Curta no Facebook, TwitterInstagram.

Entre no nosso grupo exclusivo do WhatsApp | Siga também no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Matheus Henrique
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.

Últimas notícias

Últimas notícias