Banco Central do Brasil conversa com empresa que desenvolve carteira digital

Bancos centrais estão discutindo sobre criptomoedas em conjunto, afirmou Campos Neto em evento.

Siga no
Presidente do Banco Central do Brasil comenta sobre Real Digital
Presidente do Banco Central do Brasil comenta sobre Real Digital

O Banco Central do Brasil (BCB), através de seu presidente, comentou que conversou com uma empresa que desenvolve carteira digital. Roberto Campos Neto falou do assunto durante participação em evento do LIFT na última quarta-feira (30).

Os planos para o lançamento do real digital estão sendo compartilhados gradualmente pela autoridade monetária brasileira. Ainda que a curiosidade sobre o tema chame atenção, o assunto ainda é tratado apenas pelo grupo de trabalho que tem estudado mais sobre o tema.

No entanto, Roberto Campos Neto também disse que o BIS (Banco de Pagamentos Internacionais), sendo considerado o banco central dos bancos centrais, tem falado sobre criptomoedas em todas as últimas sessões. Esse tom demonstra que o assunto incomoda governos pelo mundo.

Em evento do LIFT, Banco Central do Brasil confirma que já conversou com empresa que desenvolve carteira digital

O Banco Central do Brasil, em conjunto com a Fenasbac, mantém a iniciativa Laboratório de Inovações Financeiras e Tecnológicas (LIFT) com objetivo de melhorar as soluções financeiras do sistema nacional.

Em um evento para discutir as melhorias já percebidas, Campos Neto acabou comentando sobre o real digital. Ele afirmou que conversou com uma empresa que desenvolve uma carteira digital em Palo Alto, nos Estados Unidos, sendo esta uma candidata a criar a aplicação para o Banco Central do Brasil.

Ainda que o nome da empresa não tenha sido divulgado, Campos Neto disse que conversou com um brasileiro, responsável pela apresentação do negócio da empresa norte-americana.

Ou seja, os planos para a criação do real digital continuam avançando e ocupando uma parte da agenda do presidente da autarquia.

Em sua fala, Roberto ainda disse que as recentes diretrizes divulgadas estão sob análise, assim como os debates com outros bancos centrais, inclusive aqueles que já lançaram alguma inovação. No entanto, ele declarou que espera criar uma moeda diferente do que tem visto até aqui.

BCB não acreditava que moeda digital seria melhor que PIX

Roberto Campos Neto ainda pôde responder uma questão sobre a motivação da autoridade em criar uma moeda digital nacional. Para ele, no início do grupo de trabalho, em agosto de 2020, ainda não era possível ver vantagens dessa tecnologia sobre o PIX.

Contudo, ao avançar nas discussões, Campos Neto viu que uma moeda digital poderia entrar no mercado de blockchain e tokenização, sendo fundamental para avançar e evoluir a tecnologia de pagamentos brasileira.

Para o Banco Central do Brasil, o dinheiro programável é outra inovação muito importante que o presidente espera criar, além da opção de pagamento transfronteiriço.

Outra opção que o regulador espera contemplar no real digital é as Finanças Descentralizadas, o DeFi, que pode ser uma inovação que deverá chegar. O presidente declarou que, mesmo que o Real digital não seja lançado, o que é difícil hoje, a experiência é enriquecedora.

“Talvez a gente faça vários processos de pensamento, de brainstorm como a gente chama, e não chegue em um formato. Hoje, por exemplo, nós temos perguntas sobre moeda digital que ainda não foram respondidas, nem por mim, nem pelo banco central e nem por outros bancos centrais.

Mas o processo de pensamento que vai levar a confecção dessa moeda, o processo em si, mesmo que se chegue a uma conclusão na frente que isso não é viável, o que eu não acredito, eu acho que isso é viável, a gente já anunciou os pilares da nossa moeda, mas isso é enriquecedor em si, você descobre tecnologias, você começa a ver formas de fazer negócio diferente, começa analisar o negócio blockchain e começa a ver outras coisas diferentes que eu poderia ter e não tenho hoje.”

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Dotz vai permitir que clientes troquem pontos por bitcoin

A Dotz, uma das principais gestoras de pontos de fidelidade do Brasil, com uma grande quantidade clientes, pode ser mais uma forma de aproximar...
Claudio Oliveira. "Rei do Bitcoin"

‘Rei do Bitcoin’ e mais oito pessoas são indiciadas por fraude bilionária

O "Rei do Bitcoin", Cláudio Oliveira, fundador do Bitcoin Banco, e mais oito pessoas foram indiciadas em seis crimes que causaram um prejuízo bilionário...

Ethereum vai ultrapassar o Bitcoin, diz CEO da Pantera Capital

O Ethereum está prestes a passar por uma de suas mais importantes atualizações, o hard fork London, em preparação para o Ethereum 2.0. Essa...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias