Banco Inter destaca potencial do Metaverso com criptomoedas

Bancos começam a observar o setor.

Pessoa com óculos de metaverso e encostando em bloco
Pessoa com óculos de metaverso e encostando em bloco

O Banco Inter publicou um novo relatório no qual destaca o potencial do Metaverso com as criptomoedas. Este é apenas mais um relatório publicado pelo banco sobre o mercado de criptomoedas, do qual já lista alguns fundos e ETFs para seus clientes investidores.

É importante destacar que o mercado novo de metaverso foi impulsionado pelo Facebook, grande empresa que mudou seu nome para Meta. Assim, é esperado que o Facebook, Instagram, WhatsApp, entre outros aplicativos da marca criem em breve um novo mundo para sua gigante base de usuários.

Banco Inter acredita que as criptomoedas podem ajudar o Metaverso

Em um relatório novo e intitulado “Inter Research: CriptoWorld“, o Banco Inter publicou os resultados de um estudo sobre o mercado de Metaverso. Segundo a equipe de pesquisas do banco, a entrada do Facebook no setor é apenas o início deste movimento de mercado entre empresas de tecnologia.

Segundo o entendimento dos pesquisadores, o metaverso não se destaca apenas pela possibilidade de utilizar óculos de realidade virtual, mas pela aplicação da blockchain na criação de universos e “garantir que haja regras rígidas, imutáveis e previsíveis, assim como as leis da física“.

O Banco Inter ainda destacou aplicações como Decentraland (MANA) e Axie Infinity (AXS), sendo alguns dos principais jogos nativos em blockchain e que deverão se aproveitar da onda metaverso. Em países como a Venezuela e Filipinas, por exemplo, esses jogos já pagam as compras do mês de várias famílias.

Ainda com alguns desafios a serem superados, como a velocidade da blockchain para se processar jogos, o Banco Inter destaca que essa tecnologia das criptomoedas deverá ser a base do metaverso.

“O principal desafio que a tecnologia blockchain conseguiu solucionar no contexto do metaverso foi o de construir uma infraestrutura que garanta os incentivos corretos para que desenvolvedores sigam aprimorando suas plataformas apesar da descentralização e transparência.”

Outra vantagem das criptomoedas aplicada ao metaverso é a questão da desintermediação das transações, algo que com a aplicação da Web 3.0, torna este um ambiente com interconectividade natural.

Metaverso vai conversar com o mundo real?

Com o metaverso sendo um ambiente digital, o Banco Inter acredita que com as criptomoedas esse ecossistema possa se conectar com o mundo real.

Isso porque, com a futura construção de pontes desses mundos digitais para os reais, com uso de contratos inteligentes, por exemplo, o metaverso deverá se conectar com o mundo real. Além disso, o uso das criptomoedas em ambientes digitais e reais já é uma das primeiras pontes criadas entre as tecnologias.

Os jogos NFTs também deverão ser uma das pontes do Metaverso com as criptomoedas, atraindo usuários para uma economia digital escassa e que gera recompensas.

Este relatório do Banco Inter pode ser lido na íntegra aqui.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Últimas notícias