Bilionário gosta mais do Bitcoin após moeda superar U$ 13 mil

Rally ainda é a primeira entrada, afirmou o bilionário que comprou Bitcoin recentemente.

Siga no
Paul Tudor Jones é um dos mais ricos gerentes de fundos de hedge, bilionário compra Bitcoin e faz preço disparar
Paul Tudor Jones é um dos mais ricos gerentes de fundos de hedge - Reprodução

Após o Bitcoin voltar a superar os U$ 13 mil, um bilionário concedeu uma entrevista e falou que agora gosta mais da criptomoeda do que antes.

O mundo de fato parou quando o Paul Tudor Jones anunciou publicamente que estava comprando Bitcoin. Isso porque, atravessando uma das piores crises da história, vários investidores buscam refúgios para o capital.

Ao comprar Bitcoin, no entanto, o bilionário afirmou que estava tirando parte do dinheiro do sistema tradicional. Quando o bilionário comprou Bitcoin o preço se aproximou de R$ 60 mil no Brasil, em maio de 2020.

O preço do Bitcoin hoje, entretanto, já supera os R$ 73 mil, rompendo até a alta histórica do Bitcoin no Brasil.

Bilionário Paul Tudor Jones afirma que agora gosta mais do Bitcoin, após moeda romper U$ 13 mil

Certamente ao realizar um investimento, em qualquer classe de ativo, um investidor espera estar certo. Isso vale para quem aposta na alta de um mercado ou mesmo na baixa desse.

Ao comprar Bitcoin, mesmo que uma fração da moeda, as pessoas estão evitando o sistema financeiro de bancos centrais. Tais sistemas são controlados por entidades centralizadas e ligadas a governos, o contrário do que representa o Bitcoin.

Ao criticar o Banco Central dos EUA, o bilionário Paul Tudor Jones foi além e moveu uma parte de sua reserva para Bitcoin. Em maio de 2020, o bilionário afirmou que o Bitcoin é o novo ouro.

Jones é um dos mais famosos investidores dos EUA, acumulando fortuna ao longo dos anos. Na década de 70, por exemplo, o investidor buscou refúgio em ouro quando o mercado passava por instabilidades.

“Gosto de bitcoin ainda mais agora do que antes. Acho que estamos no primeiro turno do bitcoin e ainda temos um longo caminho a percorrer”, afirmou Tudor Jones em entrevista nesta quinta (22)

Preocupações com inflação tomam conta de Paul Tudor Jones e Bitcoin pode ser solução

Em 2020, o bilionário se refugiou no Bitcoin e afirmou para o mercado que atravessamos uma era perigosa. Chamada de “A Grande Inflação Monetária“, Jones enviou uma carta pública e declarou que a culpa é do FED, BC dos EUA.

De fato, com a emissão de dinheiro em massa por vários bancos centrais, a inflação global é um temor do mercado hoje. Mesmo assim, Tudor afirmou que o Bitcoin oferece uma proteção interessante, talvez a melhor hoje, em entrevista a CNBC nesta quinta (22).

Vale o destaque que o Bitcoin voltou a romper os U$ 13 mil por unidade após muito tempo. A última vez que o Bitcoin foi negociado nessa região de preços foi em junho de 2019, quando alcançou U$ 13600. Hoje a moeda é negociada acima de U$ 13100, ou R$ 73 mil no Brasil.

Tudor Jones afirmou enfim que o Bitcoin ainda está no começo de sua caminhada, mesmo com a intensa valorização. Isso porque, com a inflação podendo ficar cada vez pior, mais pessoas deverão comprar a moeda. Essa compra em massa poderia levar o preço do Bitcoin para novas máximas, como no Brasil, por exemplo.

Leia mais sobre:
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
PayPal Laranja

PayPal realiza sonho: 28 milhões de comércios poderão aceitar Bitcoin em 2021

A adoção em massa do Bitcoin está prestes a se tornar realidade, um sonho antigo da comunidade cripto sendo realizado graças ao PayPal.  A...
Bitcoin cotação ath

Bitcoin se aproxima de maior cotação ao romper U$ 19 mil

O preço do Bitcoin se aproxima de sua maior cotação da história, ao romper U$ 19 mil nesta terça (24). Este movimento havia sido...
Deputado Estadual PT Ceará Acrísio Sena

Deputado do PT questiona privacidade do PIX

Um deputado do Partido dos Trabalhadores (PT) questionou a privacidade do PIX, novo sistema de pagamentos instantâneos do Banco Central. O questionamento veio após...

Últimas notícias

Bitcoin se aproxima de maior cotação ao romper U$ 19 mil

O preço do Bitcoin se aproxima de sua maior cotação da história, ao romper U$ 19 mil nesta terça (24). Este movimento havia sido...

Deputado do PT questiona privacidade do PIX

Um deputado do Partido dos Trabalhadores (PT) questionou a privacidade do PIX, novo sistema de pagamentos instantâneos do Banco Central. O questionamento veio após...

Criptomoeda falsa arrecada quase R$ 300 mil em menos de 30 minutos

O criador da Yearn Finance anunciou por meio do Twitter seu novo projeto, uma plataforma de empréstimos chamada Deriswap. Golpistas atentos aproveitaram a oportunidade...