“Bitcoin é uma bolha, mas o sistema financeiro mundial é uma bolha maior”, diz ex-analista da Bridgewater

Muitos investidores estão escolhendo os retornos desconhecidos das criptomoedas em vez dos prejuízos garantidos no mercado financeiro tradicional. 

Siga no

Não é de hoje que os críticos do Bitcoin apontam a criptomoeda como uma bolha financeira. Em dezembro de 2017 talvez tenha sido o ano em que a moeda digital foi mais apontada como tal, e com a recente alta, a má fama voltou.

De acordo com Howard Wang, co-fundador da Convoy Investments, e ex-analista da Bridgewater, o Bitcoin está no meio de outra bolha, mas ainda não está no topo.

A Bridgewater é uma empresa de gestão de ativos fundada por Ray Dalio em 1975. Ela atende clientes institucionais, governos estrangeiros e bancos centrais do mundo todo.

Para o analista, o Bitcoin atualmente não pode ser considerado um forte candidato para se tornar uma “verdadeira” moeda. Para defender seus argumentos, ele mede a inflação anual dos Estados Unidos em Bitcoin e não em dólares, sendo assim, o resultado é que em 2018 houve uma inflação de 275%, já em 2019, -50% de deflação, e em 2020, -75% de deflação. 

Esse tipo de volatilidade não acontece em países com uma economia saudável. Primeiro é necessário que a moeda tenha estabilidade suficiente para que, se você pesquisa o preço de um produto num dia, no outro dia quando você quiser efetivamente comprar o produto o preço ainda seja o mesmo.

Nesse sentido, apesar de reconhecermos que o Bitcoin ainda tem muito que amadurecer como sistema de pagamento, atualmente a criptomoeda é um ativo muito mais utilizado para especulação.

Bitcoin é uma bolha, mas o sistema financeiro mundial é uma bolha ainda maior

De acordo com o analista, o Bitcoin está bolhado e sua taxa de crescimento atual não é sustentável. Se em 2021 a taxa de crescimento for igual a de 2020, a capitalização de mercado será maior do que todas as moedas dos EUA em circulação.

Capitalização Bitcoin vs dolar em circulação
Capitalização Bitcoin vs dolar em circulação

Howard Wang acredita que o preço do Bitcoin está realmente bolhado e ainda não chegou em seu topo, mas de acordo com ele, o próprio sistema fiduciário mundial está em uma bolha muito maior.

Com o sistema financeiro em uma bolha maior que a do Bitcoin, os investidores são forçados a manter US $ 18 trilhões em dívidas de rendimento negativo, enquanto os bancos centrais em todo o mundo imprimem trilhões de dólares afim de conter a crise causada pela pandemia.

“Os investidores estão se afogando e se agarrando às criptomoedas como um bote salva vidas.”

Muitos investidores estão escolhendo os retornos desconhecidos das criptomoedas em vez dos prejuízos garantidos no mercado financeiro tradicional. 

“Como presas em pânico perseguidas por predadores, os investidores preferem se esconder em ativos que não têm métricas fundamentais, como o Bitcoin, ou ativos com histórico de crescimento que deixam amplo espaço para a imaginação, como a Tesla.”

Ainda veremos muito dinheiro sendo impresso e despejado pelos bancos centrais, instituições indo com pressa para as criptomoedas.

Sendo assim a bolha do Bitcoin pode continuar enquanto os juros permanecerem baixos e as impressoras trabalhando em ritmo acelerado, explicou Howard Wang no site zerohedge.com.

O destino da moeda digital no longo prazo depende do futuro do nosso sistema fiduciário.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Diego Marques
Começou em 2016 como um dos primeiros redatores do Guia do Bitcoin. Diego tem preferência por notícias que podem influenciar o preço das criptomoedas, mas também gosta de escrever curiosidades do cripto-universo.

Corretora de Bitcoin é hackeada, perde quase R$1 bilhão e bloqueia saques

A corretora de criptomoedas BitMart foi hackeada na noite de sábado (4) e perdeu pelo menos US $ 150 milhões em criptomoedas, cerca de...
Elon Musk falando ao vivo com microfone

Elon Musk não gosta da Web 3.0

Elon Musk, o homem mais rico do mundo, deu a entender que não gosta da chamada Web 3.0. Presente no mercado há algum tempo,...

Bitcoin e o Surf

Aparentemente não poderia existir dois assuntos mais desconectados do que o Bitcoin e o surf, certo? Um é o dinheiro mágico da internet, criado...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias