Fundador da CryptoQuant explica como Bitcoin pode chegar a R$ 550 mil até o fim do ano

ETFs podem empurrar Bitcoin acima dos US$ 100.000, diz Ki Young Ju

Ki Young Ju, fundador e CEO da empresa de análise CryptoQuant, afirmou que o Bitcoin (BTC) pode chegar a US$ 112.000 ainda em 2024. Em uma série de tuítes publicados no último sábado (10), o executivo dá destaque para o fluxo de investimentos vindos dos recém lançados ETFs de Bitcoin.

A matemática de Ju é simples, conforme os ETFs tiveram entradas de US$ 9,5 bilhões em seus primeiros 30 dias, então eles podem captar US$ 114 bilhões em 12 meses.

Como comparação, isso seria 19,3 vezes mais do que a MicroStrategy investiu ao longo dos últimos 3 anos. Atualmente a MicroStrategy é a empresa pública com o maior número de bitcoins em caixa, totalizando 190.000 unidades com um lucro não-realizado de 60% sobre seu investimento inicial.

ETFs podem empurrar Bitcoin acima dos US$ 100.000, diz Ki Young Ju

Fundador e CEO de uma das empresas de análise on-chain mais respeitadas do mundo, a CryptoQuant, Ki Young Ju mostrou estar entusiasmado com o potencial dos recém-chegados ETFs de Bitcoin.

Segundo o executivo, o pior cenário seria US$ 55.000 até o final do ano, ou seja, uma alta de 10%. A aposta mais otimista é de US$ 112.000, o que representaria uma valorização de 224% em 2024.

“Bitcoin pode chegar a US$ 112 mil este ano, impulsionado por entradas de ETF, US$ 55 mil na pior das hipóteses.”

“O Bitcoin registrou US$ 9,5 bilhões em entradas através dos ETFs à vista por mês, impulsionando potencialmente a capitalização realizada em US$ 114 bilhões anualmente”, continuou Ju. “Mesmo com saídas do GBTC [fundo da Graycsale], um aumento de US$ 76 bilhões poderia elevar a capitalização realizada de US$ 451 bilhões para US$ 527 a 565 bilhões.”

Outro detalhe mencionado por Ju foi o a métrica MVRV (Valor de Mercado para Valor Realizado). Segundo o executivo, o MVRV do Bitcoin fica entre 0,75 e 3,9, então mesmo ficando em apenas 2,07, isso já significaria uma valorização em 2024.

Essas e outras métricas apresentadas pelo executivo podem ser encontradas de graça na CryptoQuant, sendo a única barreira a criação de uma conta, ou realização de login, caso já possua cadastro.

Wall Street já acumula mais de 680.000 bitcoins em seus fundos

No momento desta redação, os 10 ETFs americanos já acumulam mais de 680.000 BTC. Grayscale, que já possuia seu fundo há mais de uma década, segue na liderança com seus 466.500 bitcoins, mas a diferença está diminuindo.

Os principais concorrentes são BlackRock e Fidelity, que já eram responsáveis por US$ 9,1 trilhões e US$ 4,5 trilhões, respectivamente, em ativos sob gestão. Caso aloquem 1% dos investimentos de seus clientes em Bitcoin, isso representaria uma entrada de US$ 136 bilhões.

Gestoras americanas brigam pelo mercado de Bitcoin após aprovação de ETFs. Grayscale, BlackRock e Fidelity são as três maiores. Fonte: CryptoQuant.
Gestoras americanas brigam pelo mercado de Bitcoin após aprovação de ETFs. Grayscale, BlackRock e Fidelity são as três maiores. Fonte: CryptoQuant.

Por fim, vale notar que muitos investidores continuarão comprando Bitcoin diretamente, fazendo sua própria custódia sem depender de terceiros. Portanto, as estimativas de Ki Young Ju para 2024 podem até mesmo serem consideradas conservadoras.

💰 $100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na maior corretora de criptomoedas do mundo e ganhe até 100 USDT em cashback. Acesse Binance.com

Entre no nosso grupo exclusivo do WhatsApp | Siga também no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Henrique HK
Henrique HKhttps://github.com/sabotag3x
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias