Bitcoin

Bitcoin pode chegar aos US$ 450.000 após o halving se padrão de alta se repetir

Share

Com o tão esperado halving do Bitcoin marcado para acontecer esta semana, especialistas estão divididos sobre como o evento vai impactar o preço da criptomoeda. Noelle Acheson, autora do “Crypto is Macro Now”, fez previsões ousadas, sugerindo que o Bitcoin poderia atingir até US$ 450.000 (R$ 2.3 milhões) em 2025, baseada em ciclos anteriores.

Ela também alertou para semanas potencialmente “brutais” à frente, citando a instabilidade global como um fator que poderia retardar a alta do Bitcoin, especialmente considerando o recente aumento das tensões no Oriente Médio.

O halving, incorporado no código do Bitcoin desde seu lançamento por Satoshi Nakamoto há cerca de 15 anos, reduzirá as recompensas dos mineradores pela ‘criação’ de novos bitcoins de 6,25 para 3,125. Isso, teoricamente, diminuirá a oferta da moeda e poderia aumentar seu valor.

“A simples razão é porque haverá menos bitcoins novos entrando no mercado, o que pode significar menos pressão de venda. Essencialmente, a taxa de produção cai, o que deverá aumentar o preço, a menos que a procura caia a uma taxa correspondente.”, diz Noelle.

Bitcoin pode chegar a US$ 450.000 após o halving

Os analistas apontam para ciclos anteriores, onde o preço do Bitcoin subiu substancialmente após halvings anteriores. Nos três últimos, por exemplo, o Bitcoin subiu 8.691%, 295% e 559% de 2012, 2016 e 2020, respectivamente.

Bitcoin halvings preço alta

No entanto, este ciclo é visto como único. Ao contrário das vezes anteriores, o Bitcoin está atingindo novos recordes antes do halving, levantando questões sobre a rapidez com que poderá atingir novos recordes após o evento.

Segundo analistas, o que não está claro é até onde o Bitcoin pode ir — se obtivermos altas semelhantes a de ciclos anteriores, o Bitcoin pode atingir US$ 450.000 daqui a um ano, ou US$ 270.000 se este ciclo for semelhante ao de 2016.

Se aplicarmos outros padrões, então o Bitcoin poderá atingir US$ 350.000 (usando o ciclo anterior como guia), ou US$ 1,8 milhão (aplicando o desempenho do ciclo de 2012).

Seja como for, parece óbvio que a tendência é positiva, como mostra o gráfico da NYDIG.

Bitcoin halving previsão (NYDIG)

Halving já está precificado?

Apesar das expectativas otimistas, o mercado ainda enfrenta incertezas. O Bitcoin caiu 8,3% nos últimos sete dias, principalmente devido às tensões globais, como o conflito escalado entre Israel e o Irã.

Enquanto isso, alguns acreditam que este halving não terá nenhum efeito no preço desta vez porque o evento é esperado e, portanto, está precificado. Eles argumentam que os investidores assumiram posições e poderemos ver uma queda após o evento.

No entanto, os investidores não sabem qual será o impacto de marketing do halving, especialmente em um momento em que a diluição descontrolada da moeda fiduciária está rapidamente se tornando um padrão em todo o mundo.

Os investidores também não sabem qual o impacto que os ETFs de Bitcoin terão sobre a demanda e os fluxos, nem quanto o provável lançamento de ETFs em outros países pode influenciar a demanda.

Noelle Acheson rejeita a noção de que o halving não afetará o preço desta vez, argumentando que nem todos os investidores estão totalmente conscientes do impacto do evento.

“Todos os investidores em criptomoedas sabem com certeza o lado da oferta do impacto do halving: haverá menos bitcoins novos entrando no mercado. Então, não, o halving não está “precificado”.”

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de criptomoedas do mercado ganhe até 100 USDT em cashback. Cadastre-se

Siga o Livecoins no Google News.
Curta no Facebook, Twitter e Instagram.
Comentários
Autor:
Vinicius Golveia