Bitcoin pode desabar 90%, diz irmão de Charlie Lee

Empresário disse que não tem uma bola de cristal, então não é certo que isso acontecerá.

Siga no
Bobby Lee, BTCC
Bobby Lee, BTCC

O co-fundador da corretora asiática BTCC, Bobby Lee – que é também conhecido por ser irmão de Charlie Lee, o criador da criptomoeda Litecoin – expressou sua preocupação com o Bitcoin. De acordo com o empresário, a moeda pode valorizar muito ainda este ano, “mas a bolha provavelmente estourará dramaticamente”.

Bobby Lee, que é um especialista em criptomoedas reconhecido pela precisão de suas previsões, disse acreditar que o valor do Bitcoin pode subir até 5 vezes este ano, levando o preço da moeda digital para até US $ 300 mil.

Apesar da previsão extremamente otimista, Lee acredita que depois de atingir o pico, a moeda digital pode desabar 90% e entrar em um “inverno” (mercado de baixa) que durará anos.

“Devemos estar sempre cientes de que o Bitcoin pode cair de 80% a 90% de seu pico.” Segundo Lee, em uma entrevista à CNBC, embora o Bitcoin seja muito variável, seus ganhos são ajustados de acordo com esse risco.

Bitcoin a 300 mil dólares

Apesar de o Bitcoin ter quebrado recentemente o recorde de US $ 60 mil, a meta é muito mais alta, de acordo com Lee, que até presenteou um de seus seguidores com um Tesla Cybertruck quando a moeda digital alcançou US $ 50 mil.

Ele enfatizou que o mercado de alta do Bitcoin acontece a cada quatro anos e que o preço pode chegar em US $ 100.000 em julho e US $ 300.000 até o final de 2021.

O empresário disse que na temporada de alta anterior, o preço do Bitcoin aumentou 10 vezes desde o início do ano até o final e isso pode se repetir.

Mesmo com o preço do Bitcoin em queda depois de ter atingido US $ 61.500, Lee parece insistir nos $ 300.000.

No entanto, o empresário disse que “os ciclos do mercado em alta vêm e vão”, acrescentando que “depois de um pico do mercado, inevitavelmente, ele pode cair um pouco, e é aí que a bolha estoura”.

A previsão de Lee está alinhada com a do popular analista PlanB. Famoso por seu modelo Stock-to-Flow, que tem sido preciso até agora.

Bitcoin pode despencar 90%

Para Lee, depois que o Bitcoin alcançar o topo, é inevitável que haja uma correção. Historicamente, disse, o Bitcoin provou que não se move em linha reta, ele explicou que o ciclo atual é um “mega ciclo de alta” que ocorre a cada quatro anos.

A última foi em 2017, quando o Bitcoin passou de menos de US $ 1.000 no início do ano para terminar acima de US $ 20.000. Depois disso, a bolha estourou e o “inverno” do Bitcoin se seguiu.

Isso fez com que o Bitcoin atingisse um preço de $ 3.000, uma queda de mais de 80%. Lee acredita que o mesmo padrão pode se repetir quando o Bitcoin atingir US $ 300.000.

“Pode cair e é quando a bolha estoura… Na indústria de criptomoedas, chamamos de ‘inverno do Bitcoin’ e pode durar de dois a três anos.”

Lee obviamente também apontou que não tem uma bola de cristal, então não é certo que isso acontecerá.

“Não sei se a história se repetirá, mas o que sabemos é que os ciclos de alta do Bitcoin acontecem a cada quatro anos, e este é um grande problema”, disse Lee.”

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Livecoins
Livecoins é um portal de blockchain e criptoeconomia focado em notícias, artigos, análises, dicas e tutoriais.
Imagem: Crosstower

O que é Staking em criptomoedas?

Obter renda passiva é um dos objetivos de muitos investidores com foco no longo prazo, o que agora também se tornou possível no mercado...

Ex-presidente do banco central da China faz alerta sobre DeFi

O ex-presidente do banco central da China fez um alerta sobre as finanças descentralizadas (DeFi) e sobre as criptomoedas. De acordo com o site...

Índice de medo e ganância do bitcoin de volta à ganância pela primeira vez...

O índice do Bitcoin de medo e ganância, que monitora o sentimento geral dos investidores sobre o mercado, entrou em um estado de ganância...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias