Blockchain está na mira do Governo do Ceará para fomentar empreendedorismo

-

Siga no
Anúncio

O site oficial do governo do Estado do Ceará publicou matéria no último dia 17 de outubro sobre incentivos ao empreendedorismo com objetivo de gerar emprego e renda.

A ideia é apostar na simplificação de processos através do uso da tecnologia, que devem facilitar a abertura de empresas e fortalecer a economia cearense.

Após explicar como a adoção do programa e.simples já melhorou os índices de abertura de empresas através de desburocratização, a matéria passa a destacar novos horizontes e projetos do governo do Ceará.

Anúncio

Dentre as ações apresentadas, estão aquelas que se relacionam à Junta Comercial do Estado do Ceará, a Jucec.

A notícia então destaca o uso da tecnologia blockchain como uma das áreas de inovação pretendidas pelas decisões governamentais.

O texto diz que “a Jucec tem implementado ferramentas tecnológicas para garantir mais segurança e eficiência à prestação de serviços”. A identificação de que a Junta do Ceará vem se destacando nacionalmente pela inovação, aponta para o fato de que esse foi “o primeiro órgão público do país a utilizar a tecnologia blockchain para a segurança dos documentos arquivados”.

A explicação vem a seguir: “O blockchain possibilita a segurança e imutabilidade dos documento registrados na Junta, impossibilitando fraudes. A Jucec também inovou ao armazenar seu banco de dados em nuvem, sendo a primeira junta comercial do país a utilizar a tecnologia”.

O Uso do Blockchain como caminho de desburocratização governamental

Muitas pessoas que ouvem falar das criptomoedas entram em contato com a tecnologia do Blockchain não conseguem vislumbrar em um primeiro momento a genialidade e o potencial dessa tecnologia em áreas que vão muito além da mera capacidade da criação e gerenciamento de ativos/moedas digitais.

Tudo o que se relaciona à transmissão e armazenamento de dados confiáveis acaba sendo impactado por esse tecnologia inovadora.

E com a crescente digitalização das relações entre as pessoas, incluindo em termos governamentais, essa tecnologia pode demonstrar ser muito útil para os tempos em que vivemos.

O Estado do Ceará tem demonstrado pioneirismo em relação ao tema, mas muitos outros Estados do Brasil têm estudado implementações dessa tecnologia em suas esferas de atuação. 

Mas o Brasil ainda tem muito o que crescer, uma vez que segundo publicado pelo Livecoins, EUA e China ainda controlam 75% das patentes registradas no mundo sobre blockchain.

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Avatar
Ezequiel Gomes
Ezequiel Gomes é escritor, youtuber, palestrante e jornalista especializado em criptomoedas.

Leia mais

Leia mais sobre:

Últimas notícias

Possível diretor da CVM destaca Bitcoin aquecido

Um possível novo diretor da CVM destaca que o Bitcoin atravessa um momento em 2020 bem aquecido e a autarquia está de olho. O...

PayPal entra no mercado de criptomoedas

O gigante dos pagamentos PayPal anunciou que vai entrar de vez no mercado de criptomoedas, a empresa vai permitir que seus clientes comprem, vendam...

PF pode usar blockchain para identificar pessoas

Uma ferramenta blockchain que identifica pessoas será apresentada para delegados da PF, que pode começar a usar solução caso interesse. Na tarde desta quarta-feira (21),...