Buscas por criptomoedas nos Estados Unidos despencam no Google

Investidores norte-americanos ainda não perderam o apetite pelo risco, apenas se afastaram das criptomoedas em buscas pela internet.

Siga no
Bitcoin e Google interesse criptomoedas
Bitcoin e Google

O interesse pelo assunto “criptomoedas” despencou no Google dos Estados Unidos. Vale o destaque que o par de negociação do Bitcoin em dólar é o que tem mais volume diário, ou seja, uma queda na demanda nos EUA pode levar a quedas pelo mundo todo.

Considerando dados do Google Trends, o nível de buscas por “Bitcoin” já é o menor de 2021 nos Estados Unidos. Essa, que é a principal criptomoeda, detém 44% do valor total do mercado, indicando assim que os investidores estão se afastando do assunto agora.

Gerente de Portfólio da Toroso Asset, Michael Gayed é fã de investimentos em ouro e madeira serrada. Buscando se antecipar a quedas bruscas de mercado, ele costuma observar a cotação da madeira e do ouro.

Pelo Twitter, o analista acabou compartilhando sua visão sobre outro assunto, que são as criptomoedas. Para Michael, citando um estudo, as criptomoedas não atraem mais o interesse por investidores, visto que as buscas no Google para o termo caíram bastante nos últimos dias.

Apesar da falta de interesse em criptomoedas, investidores seguem com apetite pelo risco, aumentando as buscas por termos de investimentos arriscados, afirmou um estudo da Arbor Data Science.

“Em termos de pesquisa do Google, os investidores dos EUA trocaram ‘criptomoeda’ por alternativas igualmente arriscadas, como ‘opção de compra’ e ‘spread de alta’ nas últimas semanas #bitcoin#investing”

Pesquisa por Bitcoin nos Estados Unidos já é a menor de 2021

Reconhecido como um dos motores de busca mais utilizados pelo mundo, o Google apresenta um cenário nada promissor para buscas de Bitcoin.

Isso porque, com o valor de 38 nas buscas por Bitcoin, segundo dados do Google Trends, o interesse nos Estados Unidos já é o menor de 2021.

Interesse por Bitcoin no Google nos Estados Unidos em 30/06/2021
Interesse por Bitcoin no Google nos Estados Unidos em 30/06/2021 / Reprodução

Nos últimos 12 meses, no mundo todo, a situação é semelhante, o Bitcoin registrando o menor interesse em buscas pelo Google nesta semana, indicando que o mercado não está pouco interessado neste assunto.

Vale o destaque que o maior ponto de interesse dos internautas no ano foi justamente entre os dias 16 e 22 de maio, época que coincide com a maior queda de preço do Bitcoin em 2021.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Olho com Bitcoin

130 mil pessoas tiveram os olhos escaneados para ganhar criptomoedas de graça

A Worldcoin é um projeto que pretende distribuir criptomoedas de forma justa. Para evitar falsificações de identidade, o plano da empresa é escanear a...
Bitcoin dentro de cofre como poupança

Fundo de pensão dos bombeiros nos EUA compra US$ 25 milhões em Bitcoins

O Fundo de Pensão serve para garantir a tranquilidade de funcionários de diferentes setores no futuro. Em Houston, no Texas, Estados Unidos, o Fundo...
Bitcoin e criptomoedas em ETF

Segundo ETF de Bitcoin pode ser lançado amanhã na Nasdaq

Muitos pensavam que o ETF de Bitcoin da Valkyrie seria o primeiro a ser aprovado, todavia o mercado foi surpreendido pelo lançamento do ETF...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias