Campanha presidencial de Trump é atacada por golpistas de criptomoeda

Siga no
Donald Trump
(Washington, DC - EUA 19/03/2019) Donald Trump, Presidente dos Estados Unidos da América..Foto: Isac Nóbrega/PR WikiMedia

Na reta final para as eleições nos EUA o site oficial da campanha de Donal Trump foi atacado por um grupo de hackers que prometiam divulgar dados que “provariam que o presidente dos EUA está ligado com a pandemia”. Para que as informações fossem divulgadas, os hackers estavam pedindo doações em Monero (XMR), o que indica que, no final das contas, tudo não passou de um golpe.

O incidente aconteceu na última terça-feira e foi notado inicialmente pelo usuário do Twitter e jornalista Gabriel Lorenzo. Ao que tudo indica, páginas especificas do site (incluindo a Página Sobre) foram comprometidas e ao serem acessadas exibiam uma mensagem que dizia “O mundo já está cansado das notícias falsas divulgadas diariamente pelo presidente Donald j Trump, é hora de permitir que o mundo saiba a verdade.”

Os hackers também disseram que possuíam informações privilegiadas e acesso aos dados de Trump e de parentes, incluindo conversas internas e secretas com informações confidenciais. Fatos que não foram provados até o momento.

Para tentar dar mais credibilidade a toda a ação, os hackers usaram imagens relacionadas ao FBI e ao Departamento de Justiça (DOJ). No entanto a escrita errada de algumas palavras e a falta de letras maiúsculas não convenceu os visitantes. Esses erros podem indicar que os hackers não tinham o inglês como língua nativa.

Provavelmente os atacantes conseguiram acesso ao web server do domínio donaldjtrump.com e colocaram vários códigos JavaScript em diferentes páginas. O conteúdo original não foi substituído, as mensagens dos hackers apenas apareciam por cima da página.

Imagem capturada por Gabriel Lorenzo da mensagem exibida no site da campanha de Trump.

O Hack durou apenas alguns minutos, com as páginas sendo recuperadas logo após os relatos inicias. No entanto, o ataque em si e a mensagem dos hackers não foi o mais curioso de toda essa história, mas sim o fato de que eles usaram a oportunidade para tentar arrecadar criptomoedas Monero.

Grupo hacker Monero para revelar segredos de Trump

A ideia para arrecadar o dinheiro com o ataque foi bem curiosa. Eles não pediram resgate para parar de atacar o site ou algo do tipo, o plano era mais elaborado. A mensagem dizia que tinha provas de que Trump tinha sido o responsável pelo coronavírus, mas que haveria uma votação para determinar se essas informações deveriam ser divulgadas.

A votação funcionava assim: Na mensagem eles colocaram dois endereços de Monero, um endereço representava o voto em não divulgar as informações, o outro era para que as informações fossem divulgadas.

O grupo afirmou que iria analisar as doações para cada endereço e “fazer a vontade do mundo” de acordo com o que foi decidido.

Não existe nenhuma indicação de que o ataque comprometeu o site de qualquer outra forma ou conseguiu algum arquivo importante. Também é difícil que o ataque tenha sido financiado pelos partidos concorrentes de Trump.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.
Nayib Bukele presidente del El Salvador

Em meio à queda, El Salvador compra mais R$ 82 milhões em bitcoin

O presidente de El Salvador, Nayib Bukele anunciou nesta sexta-feira (21) a compra de 410 bitcoins, uma compra de US$15 milhões, cerca de R$...
Moeda de Bitcoin com gráfico caindo

Bitcoin cai abaixo de 36 mil dólares, criptomoedas acompanham

Ficando abaixo dos 40.000 dólares após uma queda que teve início na noite anterior, o Bitcoin encontra-se em uma faixa de preço não vista...
Aplicativo do PIX, notas de Real brasileiro e bandeira do Brasil

Novo vazamento de dados de chaves PIX afeta 160 mil pessoas, diz Bacen

Um novo incidente com as chaves PIX de clientes de uma instituição financeira foi divulgado pelo Bacen nesta sexta-feira (21). O sistema de pagamentos...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias