Campeão Mundial de Jiu Jitsu conta como perdeu Bitcoins

Siga no

Todo mundo que acompanha o mercado de criptomoedas lembra bem de 2017, quando o Bitcoin alcançou o seu maior valor (US $ 20 mil). Muita gente ganhou dinheiro na época, já outros acabaram perdendo acesso aos seus Bitcoins e não conseguiram vender os ativos. Isso aconteceu com Craig Jones, campeão de Jiu Jitsu que esqueceu a senha da sua carteira de Bitcoin em 2017.

Craig Jones é um lutador famoso em todo o mundo por ser um dos maiores especialistas em chaves de perna em campeonatos de Jiu Jitsu, além disso ele já foi campeão mundial e bicampeão nos torneios de Abu Dhabi.

Craig Jones é um lutador muito respeitado por suas técnicas de travamento de perna. Fonte: BJJ Fanatics

O lutador agora firmou uma parceria com a CoinJar, uma fornecedora de soluções como carteiras e cartões de criptomoedas, se tornando um dos embaixadores da marca. Em uma entrevista publicada no blog da CoinJar, Jones contou sobre como perdeu o acesso aos Bitcoins comprados 2015.

O campeão disse durante a entrevista que comprou Bitcoins em 2015 junto de alguns amigos, apenas por diversão. Nesse período, cada moeda digital estava sendo negociado por volta de US$ 500 dólares em seu ponto mais alto e US$ 200 em seu preço mais baixo.

No entanto, quando o preço do ativo começou a subir na alta parabólica que marcou o criptomercado, ele e seus amigos esqueceram a senha para a carteira de acesso aos tokens.

“Em 2015, eu e alguns amigos compramos alguns Bitcoins só pela zueira e então deixamos isso para lá quase que imediatamente. Então as coisas começaram a ficar malucas alguns anos depois e ficamos todos desesperados para tentar lembrar quem tinha a senha, mas ninguém lembrava como conseguir a conta de volta. Eu definitivamente tenho alguns arrependimentos sobre isso.”

Jones não revelou o quanto ele comprou em Bitcoins em 2015, mas considerando a variação de preço, até mesmo nos dias de hoje, pode ser que ele tenha perdido uma grande fortuna nesse esquecimento.

Aparentemente, Craig Jones agora está tomando mais cuidado com suas criptomoedas, já que revelou que conseguiu um certo lucro com o Bitcoin Cash, além de ter recebido o patrocínio da CoinJar em criptomoedas em sua conta pessoal criada na plataforma.

Para quem está holdando criptomoedas em uma carteira, seja hardware, software, mobile ou até de papel, lembre-se de sempre guardar muito bem à sua frase de recuperação em um local seguro!

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Matheus Henrique
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.
Banco Tangerine do Canadá

Banco toma dinheiro da conta poupança de cliente que caiu em golpe

Um homem caiu em um golpe de falso emprego e perdeu $ 3.000, os falsos empregadores deram ele um cheque e pediram que ele...
Mann é conhecido na comunidade como "Chewbacca".

“Estamos presenciando a última vez que pessoas ficarão ricas com Bitcoin no Brasil”, diz...

Com a recente alta do Bitcoin e um importante desenvolvimento nos fundamentos da criptomoeda, muitos apostam que estamos apenas no começo da valorização da...
Placa de clientes pede que GenBit devolva dinheiro sócio

Sócio da GENBIT desaparece e não é encontrado pela justiça

Um sócio da GENBIT desapareceu e não foi encontrado pela justiça brasileira. Agora, ele terá alguns dias para se apresentar. A empresa é acusada...

Últimas notícias

“Estamos presenciando a última vez que pessoas ficarão ricas com Bitcoin no Brasil”, diz especialista

Com a recente alta do Bitcoin e um importante desenvolvimento nos fundamentos da criptomoeda, muitos apostam que estamos apenas no começo da valorização da...

Sócio da GENBIT desaparece e não é encontrado pela justiça

Um sócio da GENBIT desapareceu e não foi encontrado pela justiça brasileira. Agora, ele terá alguns dias para se apresentar. A empresa é acusada...

JPMorgan admite que estava errado sobre Bitcoin (de novo) e prevê preço em $ 140 mil

O maior banco dos EUA, JPMorgan, o mesmo que chamou o Bitcoin de fraude há alguns anos, admitiu que a moeda digital "continua" a...