Cardano se prepara para receber atualização mais importante de sua história

O objetivo da atualização é trazer contratos inteligentes para a rede ADA, adicionando assim a capacidade de construir aplicativos descentralizados (DApps).

O hard fork Alonzo é a atualização mais importante da história da Cardano, a qual visa instalar uma plataforma destinada aos contratos inteligentes denominada Plutus. Tal plataforma visa trazer aprimoramentos superando os benefícios da Ethereum, inclusive no tocante ao quesito segurança, o que pode ser considerado um importante ponto positivo na área das Finanças Descentralizadas (DeFi).

Estima-se que, aproximadamente, US$ 284 milhões foram roubados por hackers por meio de ataques a projetos DeFi desde do ano de 2019, segundo dados levantados pela plataforma Messari. Esse valor corresponde a cerca de R$1,5 bilhão.

Além disso, a atualização tem também como objetivo introduzir uma linguagem de programação mais fácil para que os desenvolvedores consigam atuar mais facilmente dentro da plataforma.

Alonzo

O hard fork Alonzo teve todo o seu planejamento dividido por etapas, sendo que a primeira teve inicio em junho de 2021. Cada fase foi chamada por uma determinada cor. Já foram cumpridas a Alonzo Blue e a Alonzo White.

A primeira fase, a Alonzo Blue, contou com 50 desenvolvedores para testar como a rede se comporta. Foi uma fase de testnet vendo o que daria certo ou não no projeto.

Enquanto a segunda fase, a Alonzo White, contou com um maior número de desenvolvedores, totalizando em 500 para potencializar os trabalhos no tocante aos Aplicativos Descentralizados. A Cardano se pronunciou acerca da finalização destas duas fases que foram concluídas com sucesso.

Neste momento, está sendo cumprida a fase de maior importância: a Alonzo Purple. Nesta etapa, há a implementação de forma pública para que os desenvolvedores possam utilizar da rede e do serviço desenvolvido, propiciando a otimização do processo.

Após a conclusão da Alonzo Purple, é prometido o uso do protocolo DeFi da Cardano para todas as pessoas. Vale ressaltar que foram ainda previstas outras fases finais para o mês de setembro: a Alonzo Red e a Alonzo Black. Contudo, são fases menores referentes a pequenos ajustes.

Cada fase foi um teste inicial para que na fase seguinte atingisse uma maior escala o que já havia sido feito, seguindo uma metodologia que evitasse erros, antes de avançar no processo. 

O que acontecerá com o preço da Cardano após a implementação do hard fork Alonzo?

O objetivo da atualização é trazer contratos inteligentes para a rede ADA, adicionando assim a capacidade de construir aplicativos descentralizados (DApps).

O fim da atualização Alonzo traz expectativas positivas para a valorização do preço da Cardano pelas seguintes razões:

  • Em outras atualizações da Cardano, tivemos como resultado a valorização da moeda. Assim como a Ethereum valorizou consideravelmente em um curto espaço de tempo com a sua recente atualização. Não podemos descartar que o mesmo poderá ocorrer com a ADA.
  • É prevista a possibilidade de migração de dApss da Ethereum para a Cardano, o que significa que quem é usuário da Ethereum poderá migrar para a Cardano de forma simples, sendo que a própria Cardano oferecerá a ferramenta para realizar essa tarefa. Lembrando que a Ethereum é a maior rede de protocolo DeFi existente atualmente e isso poderá refletir na valorização da ADA.

Hoje, a Cardano está valendo algo em torno de US$ 1,45 e chegou a ser negociada acima de US$ 2 com notícias passadas de atualizações.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Raquel Vieirahttp://www.simplificandoascriptomoedas.com
Advogada e educadora financeira, com certificações nacionais e internacionais. Apaixonada pelo mercado de criptomoedas, já ajudou diversas pessoas a entenderem e ingressarem no mercado por meio de seus ensinamentos. Autora do Livro Simplificando as Criptomoedas.

Últimas notícias