Não vai faltar papel para imprimir dinheiro, diz Casa da Moeda

Durante a crise, cresceu movimento de saques de moedas em espécie no Brasil!

-

Nos siga no:
Casa da Moeda
Casa da Moeda
Anúncio

A Casa da Moeda é a fábrica de dinheiro do Brasil, ou seja, a empresa responsável por emitir moeda metálica e papel-moeda para circular no país. Muito se questionava sobre os recursos naturais necessários para imprimir dinheiro, mas a Casa da Moeda garantiu ao governo que não vai faltar papel.

Ao passo que a crise do novo coronavírus acirra na economia, medidas extremas são tomadas pelos governos. Um tema em alta é a impressão de dinheiro, que é sensível em um país como o Brasil, que já passou por anos de severa inflação, assolando famílias nas décadas de 80 e 90.

Mas em tempos de pandemia, auxílios emergenciais (coronavoucher) são pagos para as pessoas. Ao receber o dinheiro, é normal que alguns prefiram sacar suas moedas dos bancos e levar para suas casas.

Notas de R$ 100 e R$ 50 Reais (Real BRL)
Notas de R$ 100 e R$ 50 Reais

Casa da Moeda sinaliza que não falta papel para imprimir dinheiro

A Casa da Moeda é uma instituição federal que trabalha com a impressão de vários itens, entre eles, o dinheiro. As impressoras da fábrica de dinheiro nacional, contudo, só são ligadas quando há ordens claras para isso.

As ordens partem da política monetária brasileira, sob a condução do Banco Central do Brasil, ligado ao Ministério da Economia. Além disso, o Congresso Nacional pode impor limites a uma impressão de dinheiro, com competência prevista em suas atribuições.

Com preocupações de que há uma falta de dinheiro em circulação, a Casa da Moeda fez uma sinalização recententemente ao governo. De acordo com a Veja, a Casa da Moeda afirmou que não vai faltar papel para imprimir dinheiro, pois há um estoque que permitir realizar a impressão que for solicitada pelo Banco Central do Brasil.

O que o governo vê como um mau sinal, é que as pessoas que recebem seus auxílios emergenciais não o gastam de imediato. Muitos sacam e guardam o dinheiro, prática chamada de entesouramento.

Este fenômeno, visto principalmente durante crises econômicas, pressiona o dinheiro em circulação e faz com que seja necessário imprimir mais.

Saque de dinheiro sem precedentes durante crise do novo coronavírus COVID-19
Saque de dinheiro sem precedentes durante crise do novo coronavírus COVID-19 – Reprodução

Presidente do Banco Central do Brasil, Roberto Campos Neto afirma que não falta cédulas

Na última segunda (01), o presidente do Banco Central do Brasil, Roberto Campos Neto, participou de uma audiência pública no Senado Federal. Em conversa com o legislativo, Campos Neto afirmou que a imprensa noticiou que havia falta de cédulas no Brasil.

Contudo, o presidente do BC afirmou que não há problema com falta de cédulas, mesmo com o entesouramento. Campos Neto afirmou que o pagamento do auxílio emergencial foi feito as pressas e muitos que receberam esse dinheiro não possuíam contas em bancos.

Dessa forma, muitos que sacaram o dinheiro do coronavoucher não devolveram este ao sistema. Em resumo, apesar do BC ter margem de segurança de notas, e alertar aos bancos para segurar os saques, já foi pedido que a Casa da Moeda imprima dinheiro para repor os estoques.

Para vocês terem uma ideia, a Caixa Econômica utiliza de cédulas R$ 25 bi por ano e foram utilizados R$ 50 bilhões em um mês. […] Não existe problema de falta de dinheiro em nenhum ATM e nem um caixa, nem vai existir.

O governo vai imprimir mais dinheiro do que precisa?

Esses pagamentos emergenciais são uma forma de “amparar” a população para que ela não passe fome, mesmo com a desconfiança que o governo “dá com uma mão e tira com a outra”. Isso porque, se for impresso mais dinheiro do que o necessário, a inflação poderia começar a ficar descontrolada.

A inflação é uma medida que corrói o poder de compra da população e desvaloriza a moeda. Há receios que em eventuais impressões de dinheiro, a inflação seja aumentada. O Banco Central do Brasil tem dito que a inflação está sob controle, uma vez que a economia está paralisada.

Inflação
Inflação

No contexto da Casa da Moeda, a inflação não é considerada, uma vez que essa impressão emergencial de dinheiro seria apenas para manter a circulação de papel-moeda funcionando. Ou seja, ainda hoje não está definido que o governo está imprimindo mais que o necessário, apenas repondo o estoque de notas.

Mesmo assim, em abril de 2020, o Ministro Paulo Guedes afirmou que caso seja necessário, poderá aumentar a base monetária. A medida seria extrema, caso a crise econômica piore nos próximos meses, só seria colocada em prática caso a inflação estivesse baixa.

Quer receber novidades no e-mail? Assine nossa  Newsletter.
Anúncio

Bitcointrade - 95% dos depósitos aprovados em até 30 minutos!

Eleita a melhor corretora do Brasil. Segurança, Liquidez e Agilidade. Não perca mais tempo, complete seu cadastro em 5 minutos!

Complete seu cadastro em 5 minutos!
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Escreva seu comentário:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Justiça manda bitcoin.org revelar quantos bitcoins brasileiro tem

A justiça do Estado de São Paulo expediu um ofício ao Bitcoin.org, considerado o site oficial do Bitcoin no mundo todo. O caso aconteceu...
BlackFriday-Bitcoin

Bitcoin com 20% de desconto na Black Friday

O bitcoin estará à venda com desconto nesta Black Friday, quando se espera que bilhões sejam gastos em todos os tipos de produtos e...
Imagem: Coin360

Por que o Bitcoin caiu $ 3.000 em poucas horas?

O Bitcoin não conseguiu superar seu preço histórico e caiu rapidamente de $ 19.500 para menos de $ 17.000. A moeda digital chegou enfrentar...
Adolescente (investidor de Bitcoin)

Adolescente tem o sonho de ser investidor de criptomoedas

Um adolescente que ainda cursa o ensino médio no Brasil tem o sonho de ser investidor de criptomoedas ou trabalhar em uma agência bancária. O...
Diego Armando Maradona homenagem criptomoeda Ethereum morreu

Maradona é eternalizado em blockchain Ethereum

Maradona significa na Argentina a perfeição de um jogador de futebol, sendo por lá um ícone do esporte. Após a notícia de sua morte,...